Fórmula 1
19 mar
-
22 mar
Próximo evento em
20 dias
02 abr
-
05 abr
Próximo evento em
34 dias
30 abr
-
03 mai
Próximo evento em
62 dias
07 mai
-
10 mai
Próximo evento em
69 dias
21 mai
-
24 mai
Próximo evento em
83 dias
R
GP do Azerbaijão
04 jun
-
07 jun
Próximo evento em
97 dias
11 jun
-
14 jun
Próximo evento em
104 dias
25 jun
-
28 jun
Próximo evento em
118 dias
R
GP da Áustria
02 jul
-
05 jul
Próximo evento em
125 dias
R
GP da Grã-Bretanha
16 jul
-
19 jul
Próximo evento em
139 dias
30 jul
-
02 ago
Próximo evento em
153 dias
R
GP da Bélgica
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
181 dias
03 set
-
06 set
Próximo evento em
188 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Próximo evento em
202 dias
24 set
-
27 set
Próximo evento em
209 dias
08 out
-
11 out
Próximo evento em
223 dias
R
GP dos Estados Unidos
22 out
-
25 out
Próximo evento em
237 dias
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
244 dias
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
258 dias
R
GP de Abu Dhabi
26 nov
-
29 nov
Próximo evento em
272 dias

Force India: não houve vantagem obtida com infração de Ocon

compartilhar
comentários
Force India: não houve vantagem obtida com infração de Ocon
22 de out de 2018 12:58

Chefe da equipe, Otmar Szafnauer explicou que sistema corrigiu automaticamente a falha ainda na primeira volta

O chefe da Force India, Otmar Szafnauer, explicou que Esteban Ocon  não obteve vantagem alguma com a infração técnica que o desclassificou do GP dos Estados Unidos de F1.

O carro de Ocon extrapolou o fluxo de combustível máximo estabelecido pelo regulamento, de 100 kg/h, durante a volta de abertura da corrida em Austin. Assim, os comissários decidiram por desclassificar o francês, que havia terminado a prova originalmente no oitavo lugar.

Szafnauer explicou que os dados da Force India mostraram que o carro de Ocon teve um aumento inesperado no combustível, mas que a correção foi feita antes do término da volta.

“O que aconteceu foi que houve um aumento repentino no fluxo e depois uma redução. Então, se olharmos o número ao longo da volta inteira, o saldo foi neutro”, disse.

“Se você olhar para a volta como um todo, não houve infração. Mas depende de como você analisa a volta. Essa foi a primeira vez que isso aconteceu.”

Szafnauer garante que a Force India não teve benefício algum com o ocorrido, já que os sistemas do motor corrigiram a situação automaticamente.

“Não tivemos nenhuma vantagem. Há limites de pista, mas, se você extrapola esses limites, o que você não deveria fazer, e não ganha vantagem, aí eles [comissários] não fazem nada. Se você ganha vantagem, aí eles fazem algo.”

“Esse é um outro limite sobre o qual não ganhamos vantagem. Acho que isso não tem precedentes.”

Próximo artigo
Stroll testa pela Force India após o GP de Abu Dhabi

Artigo anterior

Stroll testa pela Force India após o GP de Abu Dhabi

Próximo artigo

“Provei que algumas pessoas estavam erradas”, diz Raikkonen

“Provei que algumas pessoas estavam erradas”, diz Raikkonen
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP dos Estados Unidos