Hamilton culpa Sirotkin por quase ter causado acidente

Piloto da Mercedes também admite treino de classificação difícil e não subestima força da Ferrari

Hamilton culpa Sirotkin por quase ter causado acidente
Carregar reprodutor de áudio

Lewis Hamilton conquistou na tarde deste sábado (10) a 82ª pole position de sua carreira, a 10ª só em 2018. Com a marca de 1min07s281, a diferença para Sebastian Vettel foi de apenas 0s093.

Um dos dramas na tarde em Interlagos foi a mudança do tempo que acabou não se firmando. A sessão começou sem chuva e durante o treino chegou a chover em alguns pontos do circuito. Esperava-se que o Q3 fosse com pista molhada, o que não aconteceu.

As idas e vindas do tempo foi um dos grandes obstáculos ressaltados pelo pentacampeão.

“Foi uma classificação difícil, o tempo mudava muito toda hora”, disse Hamilton após o término do quali. “A Ferrari está muito rápida nesse fim de semana e trabalhamos muito com os engenheiros para deixar o carro da melhor forma possível. Eu não sabia se eu tinha conquistado a pole, a última volta não foi ótima. O carro saiu de frente em algumas curvas, mas estou feliz demais em ter a pole."

Mais do que fazer o seu trabalho próprio trabalho bem, vale também ficar de olho na concorrência e Hamilton provou que estava bem informado.

“Eles (Ferrari) tiveram mais bolhas nos pneus supermacios do que nós ontem. Não sei se isso é o mais correto, mas queremos ficar com os macios.”

No final, nada como homenagear seu grande ídolo diretamente para o público brasileiro.

“É um grande fim de semana aqui no Brasil, eu tenho o desenho do capacete de Senna no meu.”

Incidente com Sirotkin

Ainda no Q2, Hamilton quase foi um dos protagonistas de um acidente com o piloto da Williams Sergey Sirotkin. O russo vinha mais rápido e o inglês estava indo na mesma direção que ele. Por muito pouco não houve o choque entre eles.

Já na coletiva de imprensa após o quali, Hamilton explicou a situação.

“Todos estavam se preparando para uma volta rápida, Sergey e todos à minha frente. E nesta situação, Valtteri (Bottas) mantinha uma certa diferença e eu diminui um pouco. Eu estava me certificando de manter uma boa diferença quando de repente eu vi um carro chegando em alta velocidade e pensei: ‘meu Deus. Alguém está em volta rápida?’”

“Então fui para a esquerda, mas ele também estava indo para a esquerda, mas ele não estava em volta rápida, então eu não o que ele estava pensando em fazer. Todos nós sabemos como manter uma diferença assim. Foi uma manobra desrespeitosa. Eu estava tentando sair do seu caminho e ele chegou na curva e diminuiu. Foi estranho.”

“Foi completamente desnecessário, porque atrás dele havia um pouco de espaço, então a minha volta e a dele não seriam boas, então espero que ele tenha aprendido.”

compartilhar
comentários
Vettel critica FIA em incidente e lamenta travada no Laranjinha
Artigo anterior

Vettel critica FIA em incidente e lamenta travada no Laranjinha

Próximo artigo

Bottas diz que perdeu pole com fim de volta ruim no Brasil

Bottas diz que perdeu pole com fim de volta ruim no Brasil