Fórmula 1
25 mar
Próximo evento em
58 dias
06 mai
Próximo evento em
100 dias
20 mai
Próximo evento em
114 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
128 dias
10 jun
Próximo evento em
135 dias
24 jun
Próximo evento em
149 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
156 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
170 dias
29 jul
Próximo evento em
184 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
212 dias
02 set
Próximo evento em
219 dias
09 set
Próximo evento em
226 dias
23 set
Próximo evento em
240 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
247 dias
07 out
Próximo evento em
254 dias
21 out
Próximo evento em
268 dias
28 out
Próximo evento em
275 dias
05 nov
Próximo evento em
283 dias
R
GP da Austrália
18 nov
Próximo evento em
296 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
311 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
320 dias

Webber alerta Alonso: “Conciliar F1 e Le Mans seria um erro”

compartilhar
comentários
Webber alerta Alonso: “Conciliar F1 e Le Mans seria um erro”

Australiano, que possui experiência em ambas as competições, afirma que prova no endurance “absorveria muita energia”, o que seria uma distração

Fernando Alonso, United Autosports
Mark Webber
Fernando Alonso, McLaren
Fernando Alonso, McLaren
Fernando Alonso, McLaren MCL32
Fernando Alonso, McLaren
#8 Toyota Gazoo Racing Toyota TS050-Hybrid: Fernando Alonso, Sébastien Buemi
#8 Toyota Gazoo Racing Toyota TS050-Hybrid: Fernando Alonso
#8 Toyota Gazoo Racing Toyota TS050-Hybrid: Fernando Alonso
#8 Toyota Gazoo Racing Toyota TS050-Hybrid: Fernando Alonso

Ex-piloto da F1 e campeão mundial de endurance, Mark Webber acredita que Fernando Alonso cometeria um erro caso decida de fato disputar as 24 Horas de Le Mans paralelamente à sua campanha pela McLaren na categoria máxima do automobilismo.

O espanhol já expressou sua intenção em alinhar no grid de Le Mans, já que almeja a conquista da tríplice coroa do automobilismo – que também conta com o GP de Mônaco, prova que já venceu por duas vezes, e as 500 Milhas de Indianápolis.

Para Webber, a diferença entre as dinâmicas das modalidades pode representar uma dificuldade excessiva para quem precisa intercalar entre uma competição e outra – o que pode ser um problema para Alonso.

“É um erro. São duas coisas totalmente diferentes, que te absorvem uma energia mental altíssima. Se você faz a F1, não pode permitir certas distrações”, analisou o australiano, que triunfou no WEC em 2015, ao site italiano Automoto.it.

“Digo isso após ter passado pela temporada e corrido em Le Mans. Eu, no lugar de Fernando, não faria isso. Ou você escolhe fazer Le Mans como se deve e se concentra nisso, trabalhando nas três semanas anteriores com uma concentração de louco, sem se esquecer disso no resto do ano, ou arrisca ir mal. A F1 de hoje é específica de tal forma que não permite espaços”, continuou.

Quando questionado sobre o caso de Nico Hulkenberg – que, em 2015, venceu em Le Mans enquanto competia regularmente pela Force India na F1 –, Webber comparou:

“Era uma equipe de segundo plano na F1, que não tinha a mesma pressão, além de que ele estava em Le Mans com uma equipe que estava no topo [Porsche]. Isso simplifica muito as coisas”, disse. “Mas até mesmo ele estava distraído no fim.”

“Na F1, o empenho mental é muito forte e, para entender se vale a pena, acredito que Alonso tenha feito bem em correr em [24 Horas de] Daytona.”

Webber participou das atividades de cinco edições das 24 Horas de Le Mans, mas nenhuma delas coincidiu com seus anos na F1. O australiano atuou na corrida francesa entre 98 e 99, pela Mercedes, e 2014 e 2016, pela Porsche. Seu melhor resultado foi um segundo lugar, em 2015.

Gasly: ida à Toro Rosso mostra que F1 “não é só dinheiro”

Artigo anterior

Gasly: ida à Toro Rosso mostra que F1 “não é só dinheiro”

Próximo artigo

Tradição não manterá GP em Silverstone, diz ex-presidente

Tradição não manterá GP em Silverstone, diz ex-presidente
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Mark Webber , Fernando Alonso