Engel elogia aumento de potência da F-E na quarta temporada

compartilhar
comentários
Engel elogia aumento de potência da F-E na quarta temporada
Por:
Traduzido por: Gabriel Carvalho
21 de jun de 2017 21:33

Maro Engel, piloto da Venturi, diz que aumento de potência confirmado para quarta temporada da Fórmula E é "extremamente positivo" para campeonato

Sam Bird, DS Virgin Racing, leads Maro Engel, Venturi

Na última segunda-feira (19), o Conselho de esporte a motor da FIA (Federação Internacional de Automobilismo) anunciou um aumento de 10kW para as corridas da Fórmula E na próxima temporada passando de 170kW para 180kW.

Para Maro Engel, piloto da Venturi, a novidade é benéfica. "Creio que é extremamente positivo e é algo que fará a diferença. O ritmo será melhor e as corridas serão mais rápidas. A ideia geral aqui é seguir buscando uma F-E mais veloz, o que é algo bom a meu ver", disse Engel ao Motorsport.com.

Já o chefe da Andretti, Roger Griffiths, diz que o efeito do aumento de potência só pode ser avaliado quando a duração das corridas for anunciada pela FIA.

"Acredito que o efeito no gerenciamento de energia vai depender do que a FIA decidir em relação à duração das corridas", Griffiths disse ao Motorsport.com.

"Se as corridas forem mais longas o tiverem a mesma duração, ter mais potência fará com que seja um pouco mais complicado terminar a corrida. Talvez as pessoas consigam avanços na eficiência dos conjuntos motrizes que possa compensar isso", afirmou.

Mais testes na quarta temporada

Outra mudança anunciada pela FIA foi o aumento de testes para as equipes da F-E, com o retorno do dia de teste durante a temporada - tal ideia foi descartada neste ano após os planos de uma sessão após o ePrix do México não terem se concretizado.

Para a quarta temporada, acredita-se que Marraquexe ou a Cidade do México possam sediar esse dia de teste - que, segundo o Motorsport.com apurou, foi reinserido por pressão das próprias equipes.

Outros dias de testes também foram dados às equipes, um para novatos e três dias de sessões promocionais.

Por fim, a FIA descartou um dos treinos livres nas rodadas duplas - na próxima temporada, Hong Kong, Nova York e Montreal estão agendadas como rodadas duplas.

"O segundo dia da rodada dupla sempre pareceu uma repetição do dia anterior", disse Griffith. "Agora, parece que o treino livre do domingo poderá acontecer mais tarde. Isso significa que se você sofre um acidente, você tem mais tempo para aprontar o carro sem talvez perder um treino livre", completou.

Próximo artigo
Di Grassi diz que estará recuperado para ePrix de Nova York

Artigo anterior

Di Grassi diz que estará recuperado para ePrix de Nova York

Próximo artigo

Gasly é favorito para substituir Buemi no ePrix de Nova York

Gasly é favorito para substituir Buemi no ePrix de Nova York
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula E
Pilotos Maro Engel
Autor Sam Smith