Fórmula E ePrix de Seul I

VÍDEO: Engavetamento com oito carros interrompe começo do ePrix de Seul da Fórmula E; veja

Acidente envolveu os campeões Nyck de Vries e Sébastien Buemi

FaBgduxXoAIB8CK

A estreia do ePrix de Seul da Fórmula E acabou sendo interrompida poucos minutos após a largada, devido a um engavetamento, com oito carros batendo na barreira de proteção, incluindo os campeões Nyck de Vries, da Mercedes, e Sébastien Buemi, da Nissan.

Na largada sob chuva, o pole position Oliver Rowland saiu mal e foi engolido por Lucas di Grassi e Mitch Evans. O neozelandês, vice-líder do Mundial, buscando manter a luta pelo título viva, foi com tudo e assumiu a ponta logo na curva seguinte, enquanto os outros rivais, Edoardo Mortara e Stoffel Vandoorne, subia para quinto e seguia em sétimo, respectivamente.

O editor recomenda:

Mas com as condições ruins graças a chuva, a bandeira vermelha foi acionada logo após a conclusão da primeira volta devido a um grande engavetamento envolvendo oito carros, entre eles Sébastien Buemi, que ficou no 'segundo andar' ao ser levantado por Nyck de Vries no impacto. Dan Ticktum, Oliver Turvey, Andre Lotterer, Nick Cassidy, Oliver Askew e Norman Nato também se envolveram na confusão.

 

Dos oito, apenas Cassidy e Turvey conseguiram retornar aos boxes sozinhos, tendo a chance de seguir na corrida, desde que as equipes pudessem concluir os reparos antes do fim da bandeira vermelha.

O campeonato chegou à Seul com a possibilidade do título ser decidido ainda na primeira corrida do fim de semana. Stoffel Vandoorne tem 36 pontos de vantagem para Mitch Evans e 41 de dianteira para Edoardo Mortara, enquanto Jean-Éric Vergne até chegou com chances matemáticas, mas precisava basicamente de um milagre para reverter sua situação, já que estava 57 pontos atrás com 58 em jogo entre os dois dias. As chances do bicampeão acabaram ainda na classificação.

Para Vandoorne e a Mercedes, a conquista do título tem um significado ainda maior, já que a equipe alemã se despede da categoria após este fim de semana. Sua entrada passará a ser da McLaren a partir da próxima temporada, com o time de Woking mantendo toda a estrutura da montadora, incluindo o chefe de equipe Ian James.

O grid da Fórmula E volta à pista de Seul na noite de sábado, para o segundo ePrix na capital sul-coreana, última etapa da temporada 2022. A classificação acontece às 23h30 antes da largada às 4h, horário de Brasília com transmissão da TV Cultura em TV aberta e do SporTV 3 na TV fechada.

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F-E: Rowland bate Di Grassi na final e fica com a pole do ePrix I de Seul; líder do mundial, Vandoorne sai em 7ª
Próximo artigo F-E Evans vence ePrix I de Seul com Vandoorne em 5º e decisão do título fica para o domingo; Di Grassi é 3º

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil