MotoGP
20 set
-
22 set
Evento encerrado
04 out
-
06 out
Evento encerrado
18 out
-
20 out
Evento encerrado
25 out
-
27 out
Evento encerrado
01 nov
-
03 nov
Evento encerrado
R
GP de Valência
15 nov
-
17 nov
Próximo evento em
20 Horas
:
51 Minutos
:
53 Segundos

Diretor da Ducati acusa chefe da Honda de criar conflito na MotoGP

compartilhar
comentários
Diretor da Ducati acusa chefe da Honda de criar conflito na MotoGP
Por:
15 de jul de 2019 13:47

Chefão da escuderia italiana diz que o comandante da montadora japonesa fez interpretações levianas

Diretor esportivo da Ducati, Paolo Ciabatti acusou o chefe da Honda, Alberto Puig, de criar um conflito entre as montadoras na atual temporada da MotoGP.

Ciabatti se referiu à entrevista dada pelo espanhol ao El Confidencial, em que o dirigente da Honda atacou o chefe da Ducati. À publicação, Puig criticou o italiano por supostamente dizer que a Honda só tem tido sucesso na categoria por causa da grande forma de Marc Márquez, pentacampeão da MotoGP.

Leia também:

Puig disse: "Acho que o Ciabatti deveria ver todas as corridas de 500cc e MotoGP que a Honda venceu, todos os títulos. O que está claro é que a Ducati, depois de todo o esforço - que é exaustivo e tem muito mérito - ganhou um único campeonato, com Casey Stoner em 2007. A Ducati fez um grande esforço nos últimos tempos, mas por enquanto eles não ganharam nada”.

Em resposta às declarações de Puig, Ciabatti disse o chefe da Honda distorceu as coisas para atacar a Ducati. O italiano, porém, reiterou sua convicção de que o recorde da Honda ficaria muito diferente sem Márquez. Segundo ele, a marca japonesa ainda estaria em busca de um primeiro título desde 2011 se Márquez não estivesse por lá.

"O que Puig faz é interpretar mal minhas declarações com a intenção de criar controvérsia", disse Ciabatti ao Motorsport.com. "Eu simplesmente notei um fato irrefutável, que é o papel desempenhado por Marc nas vitórias e campeonatos que a Honda acumulou desde que ele fez sua estreia no MotoGP em 2013”.

“Com o maior respeito pela Honda, os números teriam sido muito diferentes sem Márquez, apesar de eles terem dois grandes pilotos recentemente, como Dani Pedrosa e Cal Crutchlow”, completou Ciabatti.

Próximo artigo
MotoGP: Brad Binder correrá pela KTM Tech 3 em 2020

Artigo anterior

MotoGP: Brad Binder correrá pela KTM Tech 3 em 2020

Próximo artigo

Márquez diz que Quartararo ainda não sofre a pressão verdadeira da MotoGP

Márquez diz que Quartararo ainda não sofre a pressão verdadeira da MotoGP
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Equipes Ducati Team Compre Agora , Repsol Honda Team
Autor Oriol Puigdemont