Stock Car: após vitória, Piquet busca consistência na 2ª metade de 2022

Embaixador da Motul faz balanço da primeira metade da competição

Stock Car: após vitória, Piquet busca consistência na 2ª metade de 2022
Carregar reprodutor de áudio

Nelsinho Piquet completou no último fim de semana a primeira metade da temporada da Stock Car, na rodada dupla do Velopark, em Rio Grande do Sul. O embaixador da Motul conquistou a vitória na segunda prova da quinta etapa, no sábado.

A sexta etapa foi disputada no domingo e o primeiro campeão mundial da Fórmula E enfrentou problemas no pit stop da corrida 1, sendo o 25º. Na segunda prova, fez uma escalada de 15 posições e fechou em décimo.

O editor recomenda:

A temporada 2022 marca a estreia de Piquet na estrutura da TMG Racing, equipe chefiada por Thiago Meneghel. Em dupla com o engenheiro Luiz Alves, Piquet iniciou o desenvolvimento do Toyota Corolla Gazoo Racing #33.

Em Interlagos, na abertura do campeonato, Pedro Piquet juntou-se a Nelsinho para a disputa da prova em duplas. O começo foi difícil, com um 17º e 19º lugares na etapa, mas a parceria mostrava potencial.

Na segunda etapa, em Goiânia, Nelsinho conquistou o oitavo lugar na primeira prova e brigava pela vitória da corrida 2, quando sofreu a quebra do pedal do acelerador e abandonou. No Rio, Piquet e TMG novamente tiveram etapa difícil, sendo o 11º lugar na primeira prova o melhor resultado.

No Velocitta, o duplo top 10, com o sétimo lugar na corrida 1 e o nono lugar na segunda prova, mostraram que piloto e equipe estavam chegando no desempenho ideal. E a etapa do Velopark deixou claro que a mudança de equipe para o campeonato deste ano foi acertada, com o piloto conquistando sua segunda vitória na Stock Car, somando três top 10s em quatro provas disputadas no fim de semana.

Atualmente, Piquet ocupa o 11º lugar na classificação do campeonato, com 106 pontos conquistados. O próximo compromisso do piloto pela Stock Car acontece no dia 31 de julho, em Interlagos. E ele está otimista.

“Tivemos nossa vitória aqui no Velopark, mas tivemos resultados ruins que poderiam ter sido bons. Temos que seguir trabalhando para ter a mesma performance do Velopark se quisermos brigar pelo campeonato. Não podemos oscilar entre uma vitória e um erro de pit stop ou de estratégia", disse.

"Mudar para a TMG foi positivo, ano passado não estávamos em condição de competir, parecia uma equipe de track day entre equipes de corrida. Para brigar com os ponteiros, nós precisamos melhorar: é injusto comparar com a temporada passada, já que não considero o que tivemos uma equipe de corrida, mas um monte de gente tentando montar um carro de corrida e estar no grid", completou.

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #185 - Ainda há quem resista ao halo após mais duas vidas salvas?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
Podcast #185 - Ainda há quem resista ao halo após mais duas vidas salvas?
Artigo anterior

Podcast #185 - Ainda há quem resista ao halo após mais duas vidas salvas?

Próximo artigo

Stock Car anuncia programação da etapa de Interlagos

Stock Car anuncia programação da etapa de Interlagos