Júlia Ayoub participa de teste de novos talentos da W Series para temporada 2022

Teste busca talentos para compor o grid da categoria neste ano e visualizar possíveis novos nomes para as próximas temporadas

Júlia Ayoub participa de teste de novos talentos da W Series para temporada 2022
Carregar reprodutor de áudio

A W Series anunciou que realizará um teste para possíveis novas pilotos antes da temporada 2022, com 14 nomes confirmados para o evento no Arizona, nos Estados Unidos. E, entre elas está a brasileira Júlia Ayoub, que foi finalista do programa Girls on Track da FIA em suas duas edições.

O teste será realizado no Inde Motorsports Ranch entre 31 de janeiro e 04 de fevereiro, utilizando carros de F4 com especificações dos campeonatos americanos.

Leia também:

O campeonato, que tem como intenção fomentar a presença feminina nas principais categorias de fórmula do esporte, realizou no ano passado sua primeira etapa fora da Europa, com uma rodada dupla que fechou a temporada 2021 no Circuito das Américas, acompanhando a Fórmula 1 no GP dos Estados Unidos.

As pilotos confirmadas incluem ainda a campeã de 2020 do Britcar Endurance Jem Hepworth e Lena Buhler, piloto da Fórmula Regional Europeia.

Ayoub, de 16 anos, foi a primeira brasileira a disputar o Mundial de Kart e foi aluna de Tuka Rocha, que faleceu em acidente de helicóptero no fim de 2019. Ela se destacou em ambas as seletivas do programa da FIA, Girls on Track, que tem como objetivo estimular a participação feminina no esporte, dando à vencedora uma vaga na Academia da Ferrari.

Júlia chegou à final tanto na edição de 2020 quanto na de 2021, mas acabou sendo superada pela espanhola Maya Weug e a portuguesa Maria Germano Neto.

As oito melhores pilotos na classificação de 2021 receberam a oportunidade de correr novamente neste ano, incluindo a bicampeã Jamie Chadwick e a vice-campeã Alice Powell. Chadwick já havia alertado que dificilmente retornaria, tendo participado de um teste do WEC no Bahrein em dezembro.

Outros nomes garantidos são as membros da Academia da W Series Nerea Marti e Irina Sidorkova.

Confira abaixo a lista das 14 pilotos que participação do teste e os respectivos países e idades:

Madison Aust, Estados Unidos, 16
Julia Ayoub, Brasil, 16
Tereza Babickova, República Tcheca, 18
Lindsay Brewer, Estados Unidos, 24
Léna Bühler, Suíça, 24
Bianca Bustamante, Filipinas, 16
Maite Cáceres, Uruguai, 19
Chloe Chambers, Estados Unidos, 17
Jorden Dolischka, Áustria, 17
Emely De Heus, Holanda, 18
Nicole Havrda, Canadá, 15
Jem Hepworth, Reino Unido, 21
Corinna Kamper, Áustria, 27
Lola Lovinfosse, França, 16

Dave Ryan, diretor de provas da categoria supervisionará o teste, e disse que o propósito é "conhecer um novo grupo de pilotos e entender do que elas são capazes, enquanto finalizamos nossa lista de 2022, olhando para o futuro".

"Todas as pilotos que estarão conosco no Arizona demonstraram talento e potencial em suas carreiras até aqui, e enquanto algumas podem estar a um ou dois anos de correr na W Series, essa é uma oportunidade de mostrarem suas habilidades e para nós acelerarmos seus desenvolvimentos".

A W Series ainda não confirmou seu calendário de 2022.

DEBATE: Você DEMITIRIA MICHAEL MASI da direção de provas da F1?

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #157: Editor da Band, Fred Sabino fala de sucesso da F1 e dá destaques de 2021

Ouça agora mesmo

 

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
W Series: Powell volta a vencer e empata com Chadwick na tabela
Artigo anterior

W Series: Powell volta a vencer e empata com Chadwick na tabela

Próximo artigo

W Series revela calendário de 2022; categoria seguirá acompanhando a F1

W Series revela calendário de 2022; categoria seguirá acompanhando a F1
Carregar comentários