European Le Mans 4 Horas de Ímola

Segundo lugar em Ímola leva Drugovich ao seu primeiro pódio no European Le Mans Series

Brasileiro terminou a prova de quatro horas de duração a 11 segundos do vencedor

Felipe Drugovich

Felipe Drugovich

Foto de: Divulgacao

A “aposta” do brasileiro Felipe Drugovich deu certo. Neste domingo (7), em Ímola, na Itália, ele e seus dois companheiros de equipe terminaram a 3ª etapa do European Le Mans Series na 2ª posição entre os 43 carros inscritos, conquistando assim o primeiro pódio da temporada na competição.

Otimista em relação ao crescimento da equipe Vector Sport, o piloto de testes e de desenvolvimento da Aston Martin na Fórmula 1 apostou ao longo da semana passada na possibilidade de ver o Oreca / Gibson terminar entre os cinco primeiros na tomada de tempos e na corrida, disputada no Autódromo Enzo e Dino Ferrari.

Leia também:

“A tomada de tempos foi muito boa, foi um passo à frente em relação às duas etapas anteriores”, relembrou o piloto de Maringá (PR). “Terminamos em terceiro, a 159 milésimos da pole position, o que indicava que realmente tínhamos um carro rápido e competitivo. Mas, claro, era uma corrida de longa duração, então a estratégia seria muito importante”, completou.

Ao longo das 133 voltas e quatro horas de prova, o irlandês Ryan Cullen e com o monegasco Stéphane Richelmi – companheiros de Drugovich na Vector Sport – tiveram problemas de ritmo, o que fez o time perder algum terreno. Na parte final, a entrada do Safety Car de certa forma ajudou o time, que, com pneus novos, pôde voltar para a “briga”.

Felipe Drugovich (Porto | Drugovich | Localiza | Stilo) se encarregou do terceiro e último stint e, já com pneus bastante usados, conseguiu se aproximar de Robert Kubica, então segundo colocado, e recebeu a bandeirada a 11 segundos do piloto polonês, em terceiro.

Depois, por conta de uma punição imposta à equipe vencedora, Felipe Drugovich, Ryan Cullen e Stéphane Richelmi subiram para a segunda posição na etapa.

“O resultado foi muito bom para uma prova bastante complicada, pois perdemos um pouco de terreno na primeira parte”, conta Felipe Drugovich. “A entrada do Safety Car foi benéfica e, mesmo com a estratégia de trocarmos pneus apenas uma vez, tudo deu certo, ainda que no final os pneus já estivessem desgastados. Consegui fazer um bom trabalho, fui rápido com esses pneus, me aproximei do Kubica e terminamos a etapa em segundo. Espero que este resultado ajude a equipe a continuar melhorando para o futuro”, finalizou.

HAMILTON VOLTA AO TOPO: Lewis ERRA ao trocar MERCEDES por FERRARI? Lando JOGOU FORA P1? Pérez 'FORA'

Faça parte do Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube

Verstappen x Norris: nasce uma nova guerra na Fórmula 1? Ouça debate

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte do nosso canal no WhatsApp: clique aqui e se junte a nós no aplicativo!

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior Piquet Jr, Matthew Bell e Anthony Wells terminam no quarto lugar a etapa de Ímola do European Le Mans Series

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil