Fórmula 1
25 mar
Próximo evento em
64 dias
06 mai
Próximo evento em
106 dias
20 mai
Próximo evento em
120 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
134 dias
10 jun
Próximo evento em
141 dias
24 jun
Próximo evento em
155 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
162 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
176 dias
29 jul
Próximo evento em
190 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
218 dias
02 set
Próximo evento em
225 dias
09 set
Próximo evento em
232 dias
23 set
Próximo evento em
246 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
253 dias
07 out
Próximo evento em
260 dias
21 out
Próximo evento em
274 dias
28 out
Próximo evento em
281 dias
05 nov
Próximo evento em
289 dias
R
GP da Austrália
18 nov
Próximo evento em
302 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
317 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
326 dias

Andretti: militância de Hamilton cria problema que não existe

compartilhar
Andretti: militância de Hamilton cria problema que não existe
Por:

Lenda do automobilismo diz que não gosta de política se misturando com esporte e questiona a necessidade de britânico usar a Fórmula 1 como plataforma de protesto quando ele "sempre foi aceito"

Lewis Hamilton, único piloto negro na F1, e Bubba Wallace, o único piloto negro da NASCAR, se tornaram ícones em seu apoio ao movimento Black Lives Matter e encontraram apoio dos órgãos que dirigem suas respectivas categorias.

Falando ao jornal chileno El Mercurio, a lenda do automobilismo mundial Mario Andretti disse: “Eu gostaria que a política não se misturasse com o esporte. Há um momento e um lugar para expressar suas opiniões. O que aconteceu na NASCAR com Bubba Wallace ficou maior do que deveria ser.”

Leia também:

“O que parecia ser uma situação terrível finalmente não foi. Era desproporcional e sem razão. Isso acontece quando você pensa em política antes de qualquer outra coisa.”

Questionado sobre os esforços de Hamilton para chamar a atenção para a questão, que incluiu pedidos públicos para a FIA aumentar a diversidade racial dentro do esporte, Andretti respondeu: "É a mesma coisa. Tenho muito respeito por Lewis, mas por que se tornar um militante? Ele sempre foi aceito e conquistou o respeito de todos.”

“Eu acho que tudo isso é pretensioso. E está criando um problema que não existe.”

“Pintar o carro de preto, como a Mercedes fez este ano, abandonando sua pintura tradicional... eu não sei se é bom.”

“Eu conheci pilotos de diferentes origens, raças e sempre os recebi de braços abertos. No automobilismo, não importa de que cor você é, você precisa conquistar seu lugar com resultados, e é o mesmo para todos.”

Sobre a escassez de pilotos negros nas corridas, Andretti disse: “Sim, eles são uma minoria, mas não é porque não são bem-vindos.”

“Não sei como explicar, mas já existem pilotos negros na Indy, NASCAR e sempre foram bem-vindos. Sou até amigo de alguns deles até hoje.”

"Eu não sei o que está errado. Sim, talvez haja pouca diversidade, mas não é porque eles são discriminados. Essa é a questão."

Hamilton respondeu aos comentários de Andretti nas redes sociais.

“Isso é decepcionante, mas infelizmente é uma realidade que algumas das gerações mais velhas, que ainda hoje têm voz, não conseguem sair do seu próprio caminho e reconhecem que há um problema. Novamente, isso é pura ignorância, mas isso não vai me impedir de continuar pressionando por mudanças. Nunca é tarde para aprender e espero que esse homem que eu sempre respeitei possa dedicar algum tempo para se educar."

RETA FINAL: Hamilton merece as críticas que recebe? Eric Granado comenta volta de MotoGP e MotoE

PODCAST: Guerra de bastidores na F1 e entrevista com Igor Fraga

 

Indy: Pole position, Newgarden vence corrida 2 em Iowa

Artigo anterior

Indy: Pole position, Newgarden vence corrida 2 em Iowa

Próximo artigo

Indy: 500 Milhas acontecerá com 25% da capacidade de público

Indy: 500 Milhas acontecerá com 25% da capacidade de público

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1 , IndyCar , NASCAR , NASCAR Cup
Autor David Malsher