Após sete temporadas de domínio e 14 títulos conquistados em 14 possíveis na Fórmula 1, a Mercedes vai querer encerrar a era do atual regulamento como começou: colecionando vitórias e títulos, antes da revolução planejada para 2022.

Para isso, o W12, muito baseado no W11, terá continuar o sucesso de seus antecessores. Ele será apresentado nesta terça-feira, a partir das 8h, no horário de Brasília, e terá a bordo, mais uma vez, Lewis Hamilton e Valtteri Bottas.

Leia também:

O congelamento do chassi e a relativa estabilidade das regras obrigam poucas mudanças em comparação ao modelo anterior. A principal novidade será a ausência do DED (DAS), sistema de direção de eixo duplo, que apareceu pela primeira vez nos testes de pré-temporada de 2020, e que altera o ângulo da roda dianteira quando o piloto empurra ou puxa o volante, proibido para este ano.

Apesar do sucesso e grande trabalho da Mercedes, os alemães não são conhecidos por descansar sobre os louros e a equipe liderada por Toto Wolff tentará corrigir algumas pequenas falhas em 2021 para manter a supremacia.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

CONHEÇA o homem INFLUENTE que esteve por trás da chegada da F1 na BAND

PODCAST: Corridas aos sábados e tetos: revolução imposta pela Liberty pode tirar DNA da F1?

 

compartilhar
comentários
Chefe da Liberty "não está preocupado" com situação da F1 após grandes perdas financeiras em 2020

Artigo anterior

Chefe da Liberty "não está preocupado" com situação da F1 após grandes perdas financeiras em 2020

Próximo artigo

F1: Mercedes lança W12, carro que pode dar octa a Hamilton e consolidar ainda mais sua hegemonia

F1: Mercedes lança W12, carro que pode dar octa a Hamilton e consolidar ainda mais sua hegemonia
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Redação Motorsport.com