Fórmula 1
25 jun
-
28 jun
Próximo evento em
76 dias
R
GP da Áustria
02 jul
-
05 jul
Próximo evento em
83 dias
30 jul
-
02 ago
Próximo evento em
111 dias
R
GP da Bélgica
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
139 dias
03 set
-
06 set
Próximo evento em
146 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Próximo evento em
160 dias
24 set
-
27 set
Próximo evento em
167 dias
08 out
-
11 out
Próximo evento em
181 dias
R
GP dos Estados Unidos
22 out
-
25 out
Próximo evento em
195 dias
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
202 dias
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
216 dias
R
GP de Abu Dhabi
26 nov
-
29 nov
Próximo evento em
230 dias

Austrália aumenta restrições de entrada à Itália a uma semana do GP

compartilhar
comentários
Austrália aumenta restrições de entrada à Itália a uma semana do GP
Por:
5 de mar de 2020 11:46

O governo australiano aumentou as restrições para passageiros vindos da Itália, mas evitou instituir uma proibição, aumentando as dúvidas sobre a realização do GP de F1 na próxima semana

Confirmado pela organização no início dessa semana, o GP da Austrália vai se colocando como dúvida a cada dia que passa. Com a crise do coronavírus crescendo em escala mundial, o governo do país está respondendo com restrições à entrada no país. Nesta quinta, o primeiro-ministro Scott Morrison anunciou um aumento nas restrições de entrada de passageiros vindos da Itália.

Além da Itália, o PM anunciou uma proibição de entrada no país de pessoas vindas da Coreia do Sul, juntando-se a China e Irã, que já constavam nessa lista. Para esses três países, a proibição estará vigente até 14 de março, pelo menos, e não permitirá que pessoas vindas desses três países entrem na Austrália.

Leia também:

Quanto a Itália, Morrison confirmou que passageiros vindos do país europeu passarão por questionários no check-in e terão suas temperaturas checadas no desembarque. Mas a Itália escapou, mais uma vez, de uma proibição igual a da Coreia - o que pode ser crucial para a realização do GP da Austrália na próxima semana.

Caso a recomendação sobre a Itália não mude até a próxima semana, a última preocupação para o GP pode ser uma restrição à eventos com grande público, para evitar a transmissão. Até o momento, nenhum evento de grande porte foi cancelado no país ainda, apesar do Ministro dos Esportes do estado de Vitória afirmou ontem à Rádio SEN que realizar eventos com portões fechados "não era uma possibilidade descartada".

Nesta quinta, o CEO do GP da Austrália, Andrew Westacott, reafirmou que o GP será realizado, com a expectativa das equipes chegarem à Melbourne nos próximos dias.

"Estamos seguindo com o planejamento", disse Westacott à Rádio 3AW Melbourne. "Neste momento há cerca de 50 trabalhadores no Albert Park na organização. Os carregamentos chegam entre amanhã, sábado e domingo em Avalon. Todos do mundo da Fórmula 1, incluindo as equipes italianas, chegam entre hoje e terça da próxima semana".

"O Primeiro Ministro anunciou em uma coletiva as restrições de entrada para pessoas vindas da Itália. E eu acho que ele deixou claro um ponto importante: há cinco vezes mais pessoas tentando entrar na Austrália pela Coreia do Sul do que pela Itália".

"Eu acredito que o Ministério da Saúde do país, com o auxílio dos escritórios estaduais e o Comitê Nacional de Segurança não levam em consideração somente eventos e outras coisas. Eles tomam as decisões com base no que é melhor para o país, considerando todas as partes. O resultado é muito bom".

O CEO da Liberty Media, Greg Maffei, diminuiu o impacto do vírus na F1 e na empresa como um todo falando para investidores em um evento em São Francisco.

"Acredito que estamos passando por um ciclo aqui, e eu acho que será pequeno ao invés de longo, e você tenta resolver os problemas até acabar. Vocês certamente viram áreas como o turismo serem atingidos. Há alguns riscos em nossos negócios como a F1. Tivemos que adiar Xangai e isso não foi nossa opção. O governo chinês falou para o organizador local não fazer o evento em abril".

"Mas, por enquanto, estamos levando nossos eventos adiante. As próximas três corridas, do início da temporada, são Austrália, Bahrein e Vietnã, e, hoje, todas estão seguindo com a organização normalmente".

GALERIA: Como o coronavírus está afetando o esporte a motor pelo mundo

Galeria
Lista

Os preparativos antes da largada

Os preparativos antes da largada
1/12

Foto de: Sam Bloxham / Motorsport Images

O primeiro evento oficial a cair foi o ePrix de Sanya da Fórmula E. Originalmente marcado para 21 de março, ele foi adiado pela categoria, mas até o momento não foi anunciado uma nova data.

O primeiro evento oficial a cair foi o ePrix de Sanya da Fórmula E. Originalmente marcado para 21 de março, ele foi adiado pela categoria, mas até o momento não foi anunciado uma nova data.
2/12

Foto de: FIA Formula E

A F1 adiou o GP da China. No momento, então buscando uma data alternativa mais próximo do fim da temporada, mas o calendário já apertado torna essa uma busca difícil

A F1 adiou o GP da China. No momento, então buscando uma data alternativa mais próximo do fim da temporada, mas o calendário já apertado torna essa uma busca difícil
3/12

Foto de: Sutton Motorsport Images

A Ferrari precisou fechar seus museus em Modena e Maranello após pedido do governo da região

A Ferrari precisou fechar seus museus em Modena e Maranello após pedido do governo da região
4/12

Foto de: Jose Carlos de Celis

A DTM mudou a sede de sua pré-temporada. Ao invés de Monza, na Itália, as sessões serão realizadas em Hockenheim

A DTM mudou a sede de sua pré-temporada. Ao invés de Monza, na Itália, as sessões serão realizadas em Hockenheim
5/12

Foto de: Mario Bartkowiak

O piloto da equipe ART na Fórmula 2, Christian Lundgaard, perderá a pré-temporada da categoria no Bahrein porque está em quarentena em um hotel na ilha espanhola de Tenerife após surgirem casos do coronavírus no local

O piloto da equipe ART na Fórmula 2, Christian Lundgaard, perderá a pré-temporada da categoria no Bahrein porque está em quarentena em um hotel na ilha espanhola de Tenerife após surgirem casos do coronavírus no local
6/12

Foto de: Carl Bingham / Motorsport Images

Lundgaard não é o único piloto preso no hotel. O brasileiro Caio Collet e outros pilotos da Academia da Renault também estavam no local e se encontram retidos no hotel em Tenerife

Lundgaard não é o único piloto preso no hotel. O brasileiro Caio Collet e outros pilotos da Academia da Renault também estavam no local e se encontram retidos no hotel em Tenerife
7/12

Foto de: DPPI

O Salão do Automóvel de Genebra também foi cancelado devido ao coronavírus. Foi colocado a possibilidade de realizá-lo em setembro, mas nada foi confirmado até o momento

O Salão do Automóvel de Genebra também foi cancelado devido ao coronavírus. Foi colocado a possibilidade de realizá-lo em setembro, mas nada foi confirmado até o momento
8/12

Foto de: Motor1

A maior parte dos envolvidos com o mundial de MotoGP que são de nacionalidade japonesa tiveram que ficar no Catar desde o fim do teste, para poderem estar presentes no primeiro GP do ano, que seria realizado em 08 de março

A maior parte dos envolvidos com o mundial de MotoGP que são de nacionalidade japonesa tiveram que ficar no Catar desde o fim do teste, para poderem estar presentes no primeiro GP do ano, que seria realizado em 08 de março
9/12

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

Mas a MotoGP acabou cancelando essa data, que seria a primeira do Mundial de 2020. O Catar adotou regras mais rígidas quanto a entrada e saída de cidadãos de países afetados e as equipes não tinham garantias de que poderiam disputar a prova

Mas a MotoGP acabou cancelando essa data, que seria a primeira do Mundial de 2020. O Catar adotou regras mais rígidas quanto a entrada e saída de cidadãos de países afetados e as equipes não tinham garantias de que poderiam disputar a prova
10/12

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

E, pela mesma razão, o GP da Tailândia foi oficialmente adiado. A pergunta que fica por enquanto é: qual seria a próxima vítima?

E, pela mesma razão, o GP da Tailândia foi oficialmente adiado. A pergunta que fica por enquanto é: qual seria a próxima vítima?
11/12

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

E a resposta não tardou a chegar: a Super Fórmula cancelou a rodada de abertura da temporada de 2020, que seria realizada em 05 de abril devido ao COVID-19

E a resposta não tardou a chegar: a Super Fórmula cancelou a rodada de abertura da temporada de 2020, que seria realizada em 05 de abril devido ao COVID-19
12/12

Foto de: Jun Goto

Próximo artigo
VÍDEO: O acordo 'secreto' da Ferrari que chocou os rivais na F1

Artigo anterior

VÍDEO: O acordo 'secreto' da Ferrari que chocou os rivais na F1

Próximo artigo

FIA se pronuncia após acordo com Ferrari que chocou equipes rivais e afirma não estar certa que motor era legal

FIA se pronuncia após acordo com Ferrari que chocou equipes rivais e afirma não estar certa que motor era legal
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP da Austrália
Autor Andrew van Leeuwen