Band sondou Luis Roberto para assumir narração da F1 antes de fechar com Sérgio Maurício

Narrador optou por ficar com o Grupo Globo, já que seu contrato vai até o final de 2022

Band sondou Luis Roberto para assumir narração da F1 antes de fechar com Sérgio Maurício

A Fórmula 1 está próxima de sua estreia na Band, com uma equipe de velhos conhecidos do esporte, formada, até aqui, por Sérgio Maurício na narração, Reginaldo Leme nos comentários e Mariana Becker na reportagem. Mas antes de fechar com Sérgio, o canal paulista chegou a considerar outras opções para ocupar a vaga, incluindo nomes que também estavam ligados à Globo.

Segundo reportagem publicada pelo UOL nesta quarta (24), a Band chegou a sondar Luís Roberto para ver se o narrador tinha interesse de assumir a vaga. A proposta que a direção de Jornalismo e Esporte do canal pensava em fazer ao narrador incluía, além da F1, espaço em outros eventos esportivos, além da cobertura das Olimpíadas de Tóquio.

Leia também:

Mas o narrador de 59 anos preferiu seguir com o grupo carioca, já que tem contrato até o final de 2022, após a Copa do Catar, em uma situação similar à de outros nomes da Globo, como Galvão Bueno e Cléber Machado.

Luis Roberto tem uma forte ligação com a F1 dentro da Globo, tendo narrado diversos GPs ao longo de sua carreira no canal.

Com isso, o caminho ficou livre para Sérgio Maurício, que assinou contrato na última sexta-feira, conforme noticiado em primeira mão pelo Motorsport.com. O narrador carioca será a cara das transmissões da F1 no Brasil após anos comandando as transmissões dos treinos livres e classificatórios do Mundial no SporTV.

A temporada 2021 da F1 começa em 28 de março com o GP do Bahrein, e a Band quer aproveitar o fato da Stock Car começar no mesmo dia, com uma etapa no Velopark, para abrir essa nova era de sua cobertura esportiva com tudo. O canal tem planos de realizar uma transmissão extensa unindo as categorias, que pode chegar a até seis horas de duração.

Nesta semana, a Band confirmou ainda qual será a equipe que estará in loco nas transmissões. Além de Mariana Becker como repórter, Gianfranco Marchese como cinegrafista, Julianne Cerasoli como produtora e Jayme Brito como produtor executivo. 

Aos poucos, a Band está fechando a equipe de cobertura da F1 no Brasil. Resta ainda uma segunda vaga de comentarista, para atuar ao lado de Reginaldo Leme. O canal busca preferencialmente um piloto e nomes como Rubens Barrichello, Felipe Giaffone, Max Wilson e Lucano Burti estão na lista.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

BAND define EQUIPE de jornalistas que estará em TODAS as corridas da F1

Podcast #090 – Corridas aos sábados e tetos: revolução imposta pela Liberty pode tirar DNA da F1?

 

 

compartilhar
comentários
ANÁLISE: Entenda o que as fichas de desenvolvimento gastas da Alfa Romeo dizem sobre sua mentalidade para 2021

Artigo anterior

ANÁLISE: Entenda o que as fichas de desenvolvimento gastas da Alfa Romeo dizem sobre sua mentalidade para 2021

Próximo artigo

F1: GP na África é prioridade para o futuro

F1: GP na África é prioridade para o futuro
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Redação Motorsport.com