Bottas se diz aliviado com pontos: “Significa muito para nós esse resultado”

Em melhor fim de semana da temporada, finlandês passa Maldonado no campeonato e conquista primeiros pontos na carreira

Bottas se diz aliviado com pontos: “Significa muito para nós esse resultado”
Carregar reprodutor de áudio

O finlandês Valtteri Bottas colocou um fim ao seu jejum de pontos no GP dos EUA deste domingo. O piloto da Williams fez corrida segura, saindo de nono e chegando a uma excelente oitava colocação, marcando seus primeiros quatro pontos na temporada e na sua carreira na Fórmula 1.

Foi apenas a segunda vez que a Williams pontuou nesta temporada. Pastor Maldonado foi o 10º em Budapeste e já havia somado um pontinho. Valtteri enxergou a importância do resultado, e espera continuar bem em Interlagos com os novos ajustes em sua Williams.

“Significa muito para nós esse resultado. Estávamos com zero pontos até agora e o time com apenas um, realmente significa bastante para a gente”, falou Bottas ao TotalRace.

“Acho que é melhor conseguir os pontos tarde do que não conseguir. Estou realmente muito feliz. Tem sido uma temporada difícil, acho que encontramos a direção agora e isso é muito bom para a próxima corrida.”

“Tivemos um pouco de pressão de Rosberg no final, mas eu fui capaz de continuar a dar o máximo e manter a posição. Eu quero dizer um grande 'obrigado' a todos na equipe e na fábrica. Todos eles têm trabalhado muito duro e realmente mereciam este resultado.”

Maldonado se tocou com Sutil na primeira volta, e acabou danificando seu bico. O venezuelano também precisou ir aos pits ao receber a bandeira preta e laranja para trocar a asa, o que lhe custou muito tempo. “Foi uma corrida difícil para mim. Com o incidente com Sutil comprometemos a estratégia. Nós conseguimos fazer 40 voltas com os pneus no primeiro stint, o que foi bom em uma pista como essa. No geral, tivemos um fim de semana difícil e eu estou ansioso para uma melhor corrida no Brasil.”

Com os quatro pontos de Bottas, a Williams chegou a cinco no mundial de construtores.

compartilhar
comentários
Sem conseguir aquecer os pneus, Massa lamenta "desastre" em Austin
Artigo anterior

Sem conseguir aquecer os pneus, Massa lamenta "desastre" em Austin

Próximo artigo

Hamilton: "Não deixaria Alonso passar por nada nesse mundo"

Hamilton: "Não deixaria Alonso passar por nada nesse mundo"