Chefes da Fórmula 1 ameaçam acabar com Grid Girls

Liberty Media planeja analisar cuidadosamente presença de modelos e enxerga “tópico delicado” para o futuro do campeonato mundial

Chefes da Fórmula 1 ameaçam acabar com Grid Girls
HH General Sheikh Mohammed bin Zayed bin Sultan Al Nahyan, Crown Prince of Abu Dhabi and Chase Carey
Grid girl
Ross Brawn, Managing Director of Motorsports, FOM
Grid Girl
Carregar reprodutor de áudio

Tradição no mundo do esporte a motor, as Grid Girls podem estar com os dias contados na Fórmula 1. Pelo menos, é isso que a nova dona do campeonato, a Liberty Media, planeja analisar no futuro próximo.

Ross Brawn, diretor esportivo da F1, disse que o uso de modelos com intuito promocional é um "tópico delicado" que está "sob forte análise".

"Estamos tentando respeitar todas as partes", disse Brawn à BBC.

"Muitas pessoas respeitam a tradição das Grid Girls, mas há pessoas que sentem que isso se tornou um pouco datado. Então, estamos a lidando com isso."

O chefe de Brawn e presidente-executivo da F1, Chase Carey, foi cauteloso.

"O que precisamos fazer é obter tantos pontos de vista quanto for possível e tomar uma decisão certa pelo futuro do esporte."

compartilhar
comentários
McLaren se diz atenta aos “perigos da lua de mel” com Renault
Artigo anterior

McLaren se diz atenta aos “perigos da lua de mel” com Renault

Próximo artigo

Brawn insiste: “ficar com motores atuais não é uma opção”

Brawn insiste: “ficar com motores atuais não é uma opção”
Carregar comentários