Fórmula 1
24 out
-
27 out
Evento encerrado
01 nov
-
03 nov
Evento encerrado
14 nov
-
17 nov
Evento encerrado
28 nov
-
01 dez
Evento encerrado

Estamos em rota de recuperação, confia McLaren

compartilhar
comentários
Estamos em rota de recuperação, confia McLaren
11 de dez de 2018 13:01

Zak Brown reconhece que atual momento é de baixa na história da equipe, mas detecta progresso em áreas distintas

Diretor executivo da McLaren, Zak Brown considera que sua equipe se encontra atualmente em plena rota de recuperação, já que a temporada de 2018 da F1 não saiu como o esperado.

Neste ano, o time inglês esperava dar um salto de performance após trocar os motores Honda pelos Renault. No entanto, o resultado não foi além de um sexto lugar no Mundial de Construtores, logo à frente da Force India, que teve os pontos zerados no meio do campeonato devido às mudanças na chefia.

Brown reconhece que a atual fase representa um ponto baixo na história da equipe, mas confia que os trabalhos necessários para a volta por cima já estão sendo feitos.

“Acho que agora estamos na rota de recuperação. Como digo aos homens e mulheres da McLaren, a sensação será boa antes de as coisas ficarem boas”, disse, segundo o site oficial da F1.

“Isso significa que eles farão um ótimo trabalho agora, mas só quando vermos o carro na pista é que teremos a medida definitiva. É ali que todos poderão ver os ganhos que tivemos no inverno [europeu].”

“O desenvolvimento está indo bem, o trabalho de equipe, a colaboração, a comunicação, responsabilidades, todas estas coisas que deixávamos desejar agora estão indo bem.”

“Eu certamente vejo este ano como um ponto baixo, e esta era é um ponto baixo na história da McLaren. Estamos trabalhando duro para estar na rota de recuperação, mas isso leva um tempo.”

Um dos pontos importantes para a recuperação da McLaren é a contratação de James Key, projetista que era da Toro Rosso.

“Nós o contratamos porque ele é imensamente talentoso. No entanto, sabíamos que este seria o caso, e acho que Pat Fry, Andrea Stella e toda a equipe de projetistas estão trabalhando bem juntos”, disse Brown.

“Esta é parte da jornada de recuperação, e, com isso, temos as pessoas certas no lugar. Isso não acontece do dia para a noite, então estamos empolgados para que ele comece, mas ele não teve influência no carro de 2019”, completou, já que Key precisou passar pelo período de quarentena depois de deixar a Toro Rosso.

Próximo artigo
Verstappen explica críticas à Renault durante 2018

Artigo anterior

Verstappen explica críticas à Renault durante 2018

Próximo artigo

Grosjean diz que pensou em ser cozinheiro após saída da F1

Grosjean diz que pensou em ser cozinheiro após saída da F1
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Equipes McLaren Compre Agora