F1: Após flerte com pódio, Hulkenberg critica relargadas; Norris detona pneus Pirelli

Alemão da Haas acredita que haverá muitas discussões sobre os procedimentos ocorridos em Melbourne e britânico da McLaren ficou na bronca com falta de aderência

Nico Hulkenberg, Haas F1 Team with engineers

Simon Galloway / Motorsport Images

O piloto da Haas, Nico Hulkenberg, sugeriu que as relargadas após bandeiras vermelhas são artificiais e não estão no DNA da Fórmula 1.

Após uma bandeira vermelha desencadeada pela batida de Alex Albon na Curva 6 no GP da Austrália, a corrida de Melbourne foi interrompida pela segunda vez a três voltas do fim, depois que o companheiro de equipe de Hulkenberg, Kevin Magnussen, bateu no muro na Curva 2 e sua roda quebrada deixou detritos na pista.

Leia também:

Após uma volta de aquecimento, o grid foi definido para uma relargada com duas voltas até a bandeirada. No entanto, depois de uma série de incidentes na primeira curva, a bandeira vermelha foi novamente acionada, com Hulkenberg saltando para o quarto lugar.

Seguiu-se uma longa parada, incluindo um debate sobre as posições do grid para a volta final até a decisão de se finalizar a prova atrás do safety car. A FIA acabou decidindo usar a ordem da largada anterior, o que deixou Hulkenberg em sétimo. A Haas apresentou um protesto, mas que foi rejeitado pelos comissários.

Hulkenberg permaneceu no cockpit o tempo todo e disse que se lembrou de sua vitória única nas 24 Horas de Le Mans com a Porsche em 2015, pois "estava quase perto de três horas dentro do cockpit". Sobre a relargada final, ele disse: “É sempre uma emoção, é um elemento de entretenimento, mas como piloto e para as equipes, é uma sensação estranha de se ter."

“Você trabalhou durante toda a corrida, você só tem algumas voltas restantes e então você deve começar uma corrida inteira novamente. Existem dois lados. Acho que haverá muitas discussões que a revisar."

Nico Hulkenberg, Haas F1 Team, in Parc Ferme after Qualifying

Nico Hulkenberg, Haas F1 Team, in Parc Ferme after Qualifying

Photo by: Simon Galloway / Motorsport Images

“Houve um Aston [Fernando Alonso] que rodou, mas ele teve sorte de poder voltar à corrida. Mas, obviamente, é um cenário de pesadelo para o piloto, você faz uma boa corrida, está em uma boa posição. Acontece uma bandeira vermelha, você relarga, é tocado por alguém, não é um erro seu, e todo o seu fim de semana está apagado.”

"Portanto, sinto que é um elemento meio artificial e não tenho certeza se esse é o DNA que conheço da F1. Acho que haverá um pouco de discussão sobre isso."

Hulkenberg também previu que a forma como a ordem foi determinada quando a corrida teve bandeira quadriculada, atrás do safety car, significaria "uma grande discussão que vai estourar agora". “Acho que, para dizer o mínimo, houve um pouco de confusão por que demorou muito para o reinício final, o que não foi o ideal”, acrescentou.

Lando Norris, McLaren MCL60, cuts the corners and heads through the gravel

Lando Norris, McLaren MCL60, cuts the corners and heads through the gravel

Photo by: Simon Galloway / Motorsport Images

Norris na bronca com Pirelli

Lando Norris, da McLaren, chamou os pneus Pirelli de “terríveis” e alegou que eles não pertencem “ao topo do automobilismo” ao comentar sobre o caos do reinício no GP da Austrália.

Norris disse que os pneus Pirelli teve seu papel de culpa nos incidentes, dizendo que “não consegue descrever o quão ruim é a aderência”. O britânico, que acabou em sexto, criticou os comissários: “Nada contra eles, mas as pessoas que tomam decisões não sabem o que está acontecendo dentro do carro. Temos um [pneu] macio com 65°C e não consigo descrever a pouca aderência que existe na pista."

Ele continuou: “Não é uma temperatura ruim. Mas o pneu não funciona e nesta superfície com esta temperatura. É por isso que você vê todo mundo indo direto na curva 1 e travando… literalmente não dá aderência, então você tem que frear mais cedo, o que causa caos e incidentes.”

 

GIAFFONE opina: Verstappen não quer ter amigos e lembra Alonso, RBR vai 'liberar' Pérez

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast: Treinos que valem pontos? F1 vai 'longe demais' com entretenimento?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1 - Horner manda indireta para Mercedes ao falar sobre fama de 'má' da Red Bull: "Se tivéssemos um piloto britânico..."
Próximo artigo F1 - Formato de sprint autônoma avança, mas Horner diverge sobre execução em Baku: "Absolutamente ridículo"

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil