F1 - Brawn nega 'negociação' de comissários de Jeddah com Red Bull: "Se não aceitassem, seriam punidos"

Para diretor técnico da categoria, direção de prova não deu poder de escolha para a equipe austríaca após incidente de Verstappen e Hamilton

F1 - Brawn nega 'negociação' de comissários de Jeddah com Red Bull: "Se não aceitassem, seriam punidos"
Carregar reprodutor de áudio

O GP de Abu Dhabi foi marcado por muitas polêmicas na pista e uma delas logo na relargada após a primeira bandeira vermelha: Max Verstappen cortou caminho na Curva 1 para ultrapassar Lewis Hamilton e, quando a prova foi interrompida mais uma vez, a comissão 'negociou' com a Red Bull o que faria sobre isso. No entanto, o dirigente da Fórmula 1, Ross Brawn, não acredita que foi o caso.

Em sua coluna no site da categoria, o ex-chefe da Ferrari disse que Michael Masi, diretor de provas, perguntou se a escuderia austríaca aceitava o que lhes estava sendo oferecido, caso rejeitassem, tomariam uma a punição. Resumindo, não havia escolha para a equipe.

Leia também:

"Acho que Michael lidou com a corrida de forma pragmática, a situação com Max e Lewis na segunda largada é algo que acontece muito durante a corrida", opinou Brawn. "Se um piloto empurra alguém ou se defende injustamente, o diretor pede à equipe para devolver a posição. Algumas pessoas chegaram a pensar que Masi estava negociando com eles, mas não estava."

"É algo simples, ou você aceita o que a comissão lhe diz ou o assunto vai para os comissários”, adicionou.

A etapa de Jeddah também enfrentou muitos desafios além da batalha entre Verstappen e Hamilton. Os pilotos elogiaram o traçado, mas criticaram o perigo "desnecessário" da pista com os pontos cegos em curvas altas, caso de George Russell.

Para Brawn, a categoria conseguiu contornar os problemas, mesmo com as reclamações, e chega com boas expectativas para a corrida dos Emirados Árabes, agora em uma Yas Marina modificada.

"Foi uma corrida difícil e um fim de semana complicado", admitiu o diretor. "Tivemos muitos desafios neste circuito, tanto para a FIA como para as equipes. Trabalhamos juntos para levar este evento e foi um sucesso. Agora, estamos ansiosos pela final em Abu Dhabi."

"Modificaram o circuito, o que me agradou. Penso que vai ser mais um desafio para os pilotos e sinto que também vão gostar mais. As simulações que fizemos dizem que é uma pista melhor, com mais oportunidades de ultrapassagem. Certifique-se de que está colado em seus assentos, pois o próximo domingo será muito emocionante."

F1 2021: Quem é FAVORITO ao título? Veja QUAIS PONTOS FAVORECEM Verstappen ou Hamilton em Abu Dhabi

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #151: Hamilton x Verstappen é a maior decisão da história da F1?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
Podcast #151 - Hamilton x Verstappen é a maior decisão da história da F1?
Artigo anterior

Podcast #151 - Hamilton x Verstappen é a maior decisão da história da F1?

Próximo artigo

F1: FIA coloca Hamilton e Verstappen, Horner e Wolff, frente a frente nas coletivas de Abu Dhabi

F1: FIA coloca Hamilton e Verstappen, Horner e Wolff, frente a frente nas coletivas de Abu Dhabi
Carregar comentários