F1: Button relembra saída da Brawn GP com reação agressiva de CEO

Campeão de 2009 não renovou com a equipe, que se tornou Mercedes no ano seguinte, e ouviu gritos de Nick Fry, à frente da organização na época

F1: Button relembra saída da Brawn GP com reação agressiva de CEO

Jenson Button foi um dos "felizardos", ao lado de Rubens Barrichello, que correram com o meteórico carro da Brawn GP em 2009. O britânico conquistou seu primeiro e único título da Fórmula 1 na equipe que durou apenas uma temporada antes de ser comprada pela Mercedes.

Apesar da escuderia seguir no grid, agora com outro nome, o piloto resolveu experimentar novos ares e acertou com a McLaren para, na época, ser companheiro de Lewis Hamilton em Woking. A decisão, segundo ele, gerou reações "inesperadas".

Leia também:

A situação a que o britânico se referiu foi contada no podcast The High Performance por ele próprio. Ao informar Nick Fry, CEO da Brawn na época, de sua decisão, recebeu uma resposta "agressiva."

"Lembro-me que entrei em seu escritório, disse que ia sair e ele gritou comigo", disse Button.  "Eu comecei a rir porque era uma situação muito desconfortável e meio que senti por ele, por quão agressivo era. Fry apenas olhou para mim e perguntou 'por que está rindo de mim?' Era esse o cenário e exatamente o que eu não esperava."

Já a reação do chefe da equipe, Ross Brawn, foi diferente. Apesar de discordar e de, obviamente, querer manter o atual campeão em seu time, não chegou ao extremo: "Quando contei a Ross, ele foi muito amigável e respondeu que eu está cometendo um grande erro ao ficar ao lado de Lewis"

"Então, [a decisão] foi recebida de forma muito positiva", ironizou Button. "Não tinha contrato para o próximo ano e não queria continuar lá."

O britânico ficou de 2010 a 2017 na McLaren e foi companheiro de Hamilton nos três primeiros anos, de Sergio Pérez em 2013, Kevin Magnussen em 2014 e Fernando Alonso de 2015 em diante. Pela equipe, conquistou oito vitórias e 26 pódios, mas não conseguiu o título e seu melhor resultado foi o vice-campeonato de 2011.

F1: Saiba detalhes da REUNIÃO SECRETA que poderia sacramentar SENNA na FERRARI dias antes de morrer

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Qual piloto merece uma segunda chance na F1?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
Bottas fala sobre concorrência com de Vries e Vandoorne por vaga na F1 em 2022
Artigo anterior

Bottas fala sobre concorrência com de Vries e Vandoorne por vaga na F1 em 2022

Próximo artigo

F1: "Angustiada" em 2021, Alfa Romeo confia em desenvolvimento para próxima temporada

F1: "Angustiada" em 2021, Alfa Romeo confia em desenvolvimento para próxima temporada
Carregar comentários