Fórmula 1
25 mar
Próximo evento em
28 dias
06 mai
Próximo evento em
70 dias
20 mai
Próximo evento em
84 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
98 dias
10 jun
Próximo evento em
105 dias
24 jun
Próximo evento em
119 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
126 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
140 dias
29 jul
Próximo evento em
154 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
182 dias
02 set
Próximo evento em
189 dias
09 set
Próximo evento em
196 dias
23 set
Próximo evento em
210 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
217 dias
07 out
Próximo evento em
224 dias
21 out
Próximo evento em
238 dias
28 out
Próximo evento em
245 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
281 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
290 dias

F1: Entenda por que a Mercedes decidiu trocar apenas três pneus em pit stop de Bottas

Furo de pneu, descrença com composto macio e outros fatores, fizeram time optar por solução rara

compartilhar
comentários
F1: Entenda por que a Mercedes decidiu trocar apenas três pneus em pit stop de Bottas

Valtteri Bottas terminou em oitavo lugar no GP do Bahrein depois de uma corrida complicada que o viu fazer três pit stops - incluindo um em que trocou apenas três pneus.

Foi a segunda corrida desastrosa consecutiva para o finlandês, após sua 14ª colocação no evento afetado pela chuva na Turquia, em que ele rodou seis vezes.

A Mercedes entrou na corrida com menos rede de segurança do que seus rivais, já que tanto Bottas quanto o companheiro de equipe Lewis Hamilton tinham um conjunto de pneus duros e dois médios restantes, enquanto a maioria de seus rivais tinha um segundo conjunto de duros.

Leia também:

Bottas saiu mal na largada e estava, portanto, em quarto lugar quando a corrida foi colocada em bandeira vermelha.

Ele fez a segunda largada daquela posição, mas teve que ir para os boxes imediatamente com um furo no pneu frontal direito.

“Aparentemente, peguei o furo entre as curvas 3 e 4 na primeira volta da segunda largada”, disse Bottas. “Para mim tudo parecia limpo, não vi nenhum detrito, por isso foi bastante surpreendente.”

Com isso, aquele conjunto de pneus médios com o qual ele se classificou parecia ter sido desperdiçado e a equipe sabia que suas opções eram agora limitadas.

Bottas fez aquela parada não planejada sob o safety car de Lance Stroll e, em seguida, correu forte, esperando que fosse possível fazer apenas mais uma parada.

No entanto, as dificuldades aumentaram, já que o finlandês estava constantemente lutando para abrir caminho no trânsito.

“Na verdade, na primeira passagem quando eu estava com o pneu duro, pretendíamos fazer uma parada única naquele ponto”, disse ele. “Porque sabíamos que em teoria isso poderia ser possível.”

“Mas com a quantidade de lutas que tive que fazer e acelerando para passar pelos carros, vimos que não era possível”

“Por isso foi realmente complicado encontrar a melhor coisa a fazer e, no final, tivemos de fazer duas paradas, especialmente quando optamos pelo pneu médio.”

“O principal problema era que no início havia um grande trem de carros todos com DRS, e todos sabem que não é fácil neste tipo de situação, você realmente tem que acelerar muito e deslizar atrás de outros carros se quiser ter posições, e assim você perde a vida do pneu. Então não foi fácil.”

Ele pegou um conjunto de médios em sua parada na volta 25 e, em seguida, parou novamente na volta 38.

Ao invés de ir para os macios, a equipe aproveitou a oportunidade para reajustar o conjunto médio que ele havia utilizado na classificação e no início da corrida, mas sem o pneu dianteiro perfurado - e assim ele manteve o pneu bem usado.

“Na verdade, só trocamos três pneus, e não estava tão velho, apenas algumas voltas. As primeiras 10 voltas na última passagem pareceram boas, mas tivemos algum superaquecimento.”

“Os pilotos e carros com pneus duros poderiam continuar por um pouco mais de tempo e ainda conseguir acelerar mais forte sem superaquecimento. Para mim, o pneu duro era melhor.”

Nas voltas finais, ele teve um segundo furo durante o safety car, mas felizmente foi capaz de cruzar até a linha de chegada sem uma parada extra.

“Bem no final do safety car houve outro furo no pneu traseiro, acho que foi traseiro direito, e novamente não vi nada em nenhum momento.”

"Obviamente, havia alguns detritos ao redor, mas alguns deles você realmente não consegue ver. Então, foi outra corrida azarada para mim."

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

Pietro Fittipaldi é confirmado pela Haas e corre na vaga de Grosjean no GP de Sakhir de F1

PODCAST: Domínio da Mercedes tira mérito de Hamilton em suas conquistas?

 

F1: Hamilton detona Verstappen por fala sobre batida de Grosjean

Artigo anterior

F1: Hamilton detona Verstappen por fala sobre batida de Grosjean

Próximo artigo

Kvyat afirma que ficou "irritado" com Grosjean antes de ver acidente pelo espelho

Kvyat afirma que ficou "irritado" com Grosjean antes de ver acidente pelo espelho
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP do Bahrein
Pilotos Valtteri Bottas
Autor Adam Cooper