Fórmula 1
R
GP de Eifel
09 out
Próximo evento em
19 dias
R
GP de Portugal
23 out
Próximo evento em
33 dias
04 dez
Próximo evento em
75 dias
R
GP de Abu Dhabi
11 dez
Próximo evento em
82 dias

F1: FIA dá parecer favorável à Renault e Racing Point perde pontos e leva multa em protesto

compartilhar
comentários
F1: FIA dá parecer favorável à Renault e Racing Point perde pontos e leva multa em protesto
Por:
, NobleF1

Decisão foi anunciada cerca de uma hora antes do início das atividades de pista em Silverstone

Na manhã desta sexta, antes do início do primeiro treino livre para o GP dos 70 Anos de Fórmula 1, a FIA finalmente divulgou a decisão sobre o protesto da Renault contra a Racing Point, julgando a favor da equipe francesa. A Racing Point recebeu uma reprimenda, perdeu pontos do campeonato de construtores e uma multa de 400 mil euros como punição.

Em um longo documento entregue pela Federação na sexta, os investigadores concluíram que o projeto do duto de freio da Racing Point de fato viola o regulamento da F1.

Leia também:

A FIA concluiu que o "principal" projetista do duto de freio era a Mercedes, o que significava que a Racing Point havia quebrado as regras com o que havia feito.

Foi decidido que a equipe perderá 15 pontos no campeonato de construtores, 7,5 de cada carro, no GP da Estíria, além de uma multa de 400 mil euros. A equipe também recebeu uma reprimenda por ter continuado a usar os dutos nos GPs da Hungria e da Grã-Bretanha.

No comunicado, a FIA disse que não aceitou os argumentos da Racing Point, que alegou que havia feito todo o processo de design dos dutos. A Federação ainda revelou que a Racing Point recebeu um conjunto completo de dutos de freios da Mercedes em 06 de janeiro.

E mesmo que o design atual dos dutos dianteiros sejam uma evolução do usado pela própria equipe em 2019, a FIA concluiu que o conceito do traseiro foi baseado no da Mercedes.

"Considerando que os dutos de freio traseiros do RP20 não foram usados no RP19 em 2019 e considerando que os fiscais acreditam que o esforço de design gasto pela Racing Point para adaptar os dutos desenhados originalmente pela Mercedes para o W10, a investigação conclui que o designer principal dos dutos traseiros do RP20 foi a Mercedes, e não a Racing Point".

A FIA acredita que, ao usar o design da Mercedes, a Racing Point teve uma vantagem competitiva, podendo se esforçar mais em outras áreas do carro.

Apesar da punição para a equipe no campeonato de construtores, a FIA disse que não é algo realista esperar que a Racing Point remova seus dutos nesse momento, trocando por novos.

"A investigação reconhece que, já que os dutos seguem o regulamento técnico de 2020 da FIA, não é realista esperar que a Racing Point desenvolva um novo projeto de modo que levaria eles a 'desaprender' o que já sabem".

"Portanto, a penalidade imposta tem como intenção punir a vantagem em potencial que a Racing Point pode ter ganho no processo de utilizar algo que não foi projetado por eles".

A desqualificação das corridas foi descartada porque o duto quebrou apenas o regulamento esportivo, em vez de fazer alguma coisa que não cumprisse o regulamento técnico. A Racing Point tem agora 24 horas para decidir se recorrerá.

Verstappen detona F1, RP vive semana decisiva e da Matta conta 'causos' da F1; veja:

PODCAST: Qual é o tamanho da 'sorte' de Hamilton ao vencer com três rodas?

 

Racing Point confirma Hulkenberg para GP dos 70 Anos de F1

Artigo anterior

Racing Point confirma Hulkenberg para GP dos 70 Anos de F1

Próximo artigo

F1: Mercedes dá as cartas e Bottas lidera primeiro treino livre para o GP dos 70 Anos

F1: Mercedes dá as cartas e Bottas lidera primeiro treino livre para o GP dos 70 Anos
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Jonathan Noble