Fórmula 1
02 jul
-
05 jul
Treino Livre 3 em
18 Horas
:
38 Minutos
:
23 Segundos
16 jul
-
19 jul
Próximo evento em
12 dias
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
54 dias
03 set
-
06 set
Próximo evento em
61 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Canceled
24 set
-
27 set
Próximo evento em
82 dias
08 out
-
11 out
Canceled
R
GP dos Estados Unidos
22 out
-
25 out
Próximo evento em
110 dias
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
117 dias
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
131 dias
R
GP de Abu Dhabi
26 nov
-
29 nov
Próximo evento em
145 dias

F1: Gasly admite que tempo de Leclerc estava fora de alcance

compartilhar
comentários
F1: Gasly admite que tempo de Leclerc estava fora de alcance
Por:
Co-autor: Filip Cleeren, Writer
28 de fev de 2019 22:13

Piloto francês da Red Bull diz que Ferrari ainda está muito à frente da equipe austríaca na pré-temporada em Barcelona

No teste desta quinta-feira, Charles Leclerc marcou o tempo mais rápido na pré-temporada 2019 da Fórmula 1, com 1min16s231. Com o composto mais macio (C5), o monegasco ficou seis décimos à frente da segunda melhor volta de 2019 até agora. Com o C4, Pierre Gasly marcou 1min16s231e foi o quarto mais rápido, antes de bater forte na curva 9 do circuito de Barcelona.

Questionado se poderia igualar o tempo de Leclerc, que ficou a apenas meio décimo da pole de Lewis Hamilton no GP da Espanha em 2018, Gasly disse: “Honestamente, não. Nós tentamos. A Ferrari está realmente rápida, com um ritmo muito bom. Tentamos focar em nós mesmos e não nos outros. Temos potencial, testamos muitas coisas, sabemos que temos boa performance, mas ainda temos trabalho a fazer”.

No mesmo sentido, Valtteri Bottas, da Mercedes, afirmou nesta quinta-feira que a Ferrari atualmente está em outro patamar, ao passo que a Red Bull e a equipe alemã estão no mesmo nível.

Leia também:


Perguntado se a Red Bull estava logo atrás da Ferrari, Gasly ponderou: “Prefiro não me adiantar, uma vez que ainda não vimos o que a Mercedes pode fazer. Hamilton fez uma volta muito boa [1min18s097] com pneus médios [C2]. Ainda temos trabalho a fazer. Temos um bom carro, mas precisamos nos aproximar dos líderes”.

Apesar disso, o francês ficou feliz com a performance de pré-temporada da Red Bull e da Honda. “Nós vamos trabalhar em áreas em que temos que melhorar porque vimos que todos estão bem, mas acho que estamos bem, no geral”.

“Acho que o carro e o conjunto que temos no momento, com chassi e motor, está bom. Demos um bom passo, a confiabilidade foi boa e temos bom desempenho. Só precisamos entender como maximizar nosso pacote, então talvez não sejamos os favoritos ou os mais rápidos. Mas vamos trabalhar duro antes de Melbourne para chegarmos com o melhor carro que pudermos”.

Pierre Gasly, Red Bull Racing RB15

Pierre Gasly, Red Bull Racing RB15

Photo by: Jerry Andre / Sutton Images

Próximo artigo
F1: Hamilton otimista após "um dos melhores dias" para a Mercedes

Artigo anterior

F1: Hamilton otimista após "um dos melhores dias" para a Mercedes

Próximo artigo

GALERIA: Imagens do terceiro dia da segunda parte dos testes de pré-temporada da F1

GALERIA: Imagens do terceiro dia da segunda parte dos testes de pré-temporada da F1
Carregar comentários