Fórmula 1
25 mar
Próximo evento em
62 dias
06 mai
Próximo evento em
104 dias
20 mai
Próximo evento em
118 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
132 dias
10 jun
Próximo evento em
139 dias
24 jun
Próximo evento em
153 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
160 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
174 dias
29 jul
Próximo evento em
188 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
216 dias
02 set
Próximo evento em
223 dias
09 set
Próximo evento em
230 dias
23 set
Próximo evento em
244 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
251 dias
07 out
Próximo evento em
258 dias
21 out
Próximo evento em
272 dias
28 out
Próximo evento em
279 dias
05 nov
Próximo evento em
287 dias
R
GP da Austrália
18 nov
Próximo evento em
300 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
315 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
324 dias

F1: Hamilton vence fácil o GP da Hungria; Verstappen segura Bottas

compartilhar
comentários
F1: Hamilton vence fácil o GP da Hungria; Verstappen segura Bottas
Por:
, Repórter

Hexacampeão ganhou com folga em prova movimentada no travado circuito do Hungaroring

Depois de vencer o GP da Estíria no último fim de semana, Lewis Hamilton voltou a mostrar sua superioridade na Fórmula 1 e triunfou com folga na etapa da Hungria neste domingo, dando à equipe Mercedes sua terceira vitória em três corridas em 2020.

Leia também:

Hexacampeão mundial, o piloto britânico abriu grande vantagem já na largada e não foi incomodado durante a corrida, ganhando o ponto extra pela volta mais rápida e vencendo com vantagem confortável para o holandês Max Verstappen, da Red Bull.

Quem completou o pódio foi o finlandês Valtteri Bottas, da Mercedes, que pressionou, mas não conseguiu passar Verstappen. O quarto colocado foi o canadense Lance Stroll, que fez boa corrida com Racing Point. O tailandês Alexander Albon, da Red Bull, completou o top-5.

A corrida

Na largada com pista molhada, Hamilton saltou à frente e Bottas ficou para trás, em sexto. Quem largou bem foram Stroll e Verstappen, que subiram para segundo e terceiro, respectivamente, à frente de Vettel e Leclerc. Pérez foi para sétimo, à frente de Sainz e Ricciardo.

 

Alguns giros depois do começo da prova, os carros foram para os boxes para trocar os pneus intermediários por compostos para pista seca, apesar de o circuito ainda ter água. De todo modo, a chuva já havia parado e os pilotos resolveram arriscar, o que se mostrou correto.

Entre eles, o líder Hamilton, que colocou pneus médios e logo reassumiu a ponta. Todos os pilotos do pelotão frontal seguiram a tônica do hexacampeão, com exceção de Leclerc, que optou por compostos macios. 

Verstappen se manteve em segundo, à frente de Magnussen, Grosjean, Stroll, Leclerc, Bottas e Vettel. Quem levou a pior foi o canadense Nicholas Latifi, que rodou com a Williams e danificou o pneu traseiro esquerdo, tendo que fazer pit stop extra após boa largada.

Na sétima volta, Stroll capitalizou o rendimento da Racing Point e ultrapassou Grosjean, subindo para quarto. Na sequência, foi a vez de Bottas ir para cima de Leclerc, mas o ferrarista deu o troco e manteve a sexta posição. Não por muito tempo, já que o finlandês passou depois.

 

No 15º giro do total de 70, Hamilton seguia na ponta com folga, à frente de Verstappen, Stroll, Bottas, Magnussen, Grosjean, Leclerc, Albon, Vettel e Pérez. O monegasco começou a sofrer com os pneus macios e foi passado por Albon, que já superara Vettel após erro do alemão.

Na sequência, Leclerc foi para os boxes e colocou pneus duros, caindo para 15º. Na volta 26, Albon passou Grosjean e foi para sexto. Já Leclerc foi para cima da McLaren de Norris na briga pelo 14º lugar, mas o britânico resistiu. Vettel parou e pôs pneus duros, voltando em 11º.

No 33º giro, Leclerc finalmente passou Norris. Bottas parou e colocou pneus médios para tentar dar o undercut em Stroll. Logo depois, os carros da Haas perderam rendimento e pararam, caindo no pelotão. Stroll parou, pôs médios e voltou atrás de Bottas, em quarto.

Verstappen fez o pit e colocou pneus duros. Hamilton fez a parada e manteve compostos médios. Eles ficaram nas posições, com o hexa à frente. Ricciardo apareceu em quinto, à frente de Vettel e Albon, estes com as borrachas mais resistentes. Logo, o australiano parou.

Ricciardo voltou em oitavo, à frente de Magnussen e Leclerc. À frente, o pelotão vinha na seguinte ordem: Hamilton, Verstappen, Bottas, Stroll, Vettel, Albon e Pérez. Na volta 61, Sainz passou Leclerc pelo décimo posto. Já Albon passou Vettel no fim. Pérez foi sétimo, à frente de Ricciardo, Magnussen e Sainz. 

Cla   # Piloto Chassi Motor Voltas Tempo Diferença Intervalo km/h Pits Abandono Pontos
1   44 United Kingdom Lewis Hamilton Mercedes Mercedes 70 -       3   26
2   33 Netherlands Max Verstappen Red Bull Honda 70 8.702 8.702 8.702   2   18
3   77 Finland Valtteri Bottas Mercedes Mercedes 70 9.452 9.452 0.750   3   15
4   18 Canada Lance Stroll Racing Point Mercedes 70 57.579 57.579 48.127   3   12
5   23 Thailand Alexander Albon Red Bull Honda 70 1'18.316 1'18.316 20.737   2   10
6   5 Germany Sebastian Vettel Ferrari Ferrari 69 1 lap       2   8
7   11 Mexico Sergio Perez Racing Point Mercedes 69 1 lap       2   6
8   3 Australia Daniel Ricciardo Renault Renault 69 1 lap       2   4
9   20 Denmark Kevin Magnussen Haas Ferrari 69 1 lap       1   2
10   55 Spain Carlos Sainz Jr. McLaren Renault 69 1 lap       2   1
11   16 Monaco Charles Leclerc Ferrari Ferrari 69 1 lap       2    
12   26 Russian Federation Daniil Kvyat AlphaTauri Honda 69 1 lap       2    
13   4 United Kingdom Lando Norris McLaren Renault 69 1 lap       2    
14   31 France Esteban Ocon Renault Renault 69 1 lap       2    
15   8 France Romain Grosjean Haas Ferrari 69 1 lap       1    
16   7 Finland Kimi Raikkonen Alfa Romeo Ferrari 69 1 lap       2    
17   99 Italy Antonio Giovinazzi Alfa Romeo Ferrari 69 1 lap       3    
18   63 United Kingdom George Russell Williams Mercedes 69 1 lap       3    
19   6 Canada Nicholas Latifi Williams Mercedes 65 5 laps       5    
  dnf 10 France Pierre Gasly AlphaTauri Honda 15         2 Abandono

PÓDIO: di Grassi e Rico Penteado analisam o GP da Hungria de 2020 da Fórmula 1

Verstappen bate na ida ao grid para o GP da Hungria de F1; veja

Artigo anterior

Verstappen bate na ida ao grid para o GP da Hungria de F1; veja

Próximo artigo

Hamilton coloca GP da Hungria entre suas melhores na F1 e agradece Mercedes: "Não teria acontecido sem esses caras"

Hamilton coloca GP da Hungria entre suas melhores na F1 e agradece Mercedes: "Não teria acontecido sem esses caras"
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP da Hungria
Autor Carlos Costa