F1: Hulkenberg opina sobre briga de Bottas e Russell pela Mercedes

Alemão acredita que "faz muito sentido trazer Russell" para a equipe de Toto Wolff

F1: Hulkenberg opina sobre briga de Bottas e Russell pela Mercedes

Nico Hulkenberg opinou sobre briga entre Valtteri Bottas e George Russell pelo segundo assento da Mercedes na Fórmula 1.

A equipe alemã anunciou no último sábado a renovação com Lewis Hamilton até o final de 2023, colocando um ponto final em qualquer especulação sobre uma possível aposentadoria do heptacampeão no fim desta temporada.

Leia também:

O segundo assento da Mercedes, no entanto, continua sendo uma incógnita, uma vez que o atual companheiro de Hamilton, Bottas, fica sem contrato no fim do ano e sabe que precisa impressionar se quiser se manter no time na próxima temporada. A outra opção é Russell, que é membro do grupo de jovens pilotos da equipe e que vem sendo um candidato em potencial para assumir a vaga há algum tempo. 

Falando sobre a situação, Hulkenberg e Marc Surer concordaram que a equipe de Toto Wolff deva escolher o britânico da Williams como companheiro de Hamilton para 2022.

“Do ponto de vista da Mercedes, faz muito sentido trazer Russell, já que Bottas também parece um pouco esgotado”, disse Hulkenberg.

Surer acredita que a Mercedes precisa "pensar no futuro" e que a melhor opção seria "escolher Russell" como segundo piloto.

“Toto Wolff tem que pensar no futuro. Ele precisa de um piloto para quando Hamilton decidir parar. É por isso que ele realmente só pode escolher Russell. Ele pode lhe dar um contrato como segundo piloto. Ele vai assinar de qualquer maneira se conseguir sentar naquele carro, mas Toto realmente tem que pensar no futuro, senão ele terá que conseguir dois pilotos de uma vez”, disse.

Questionado recentemente sobre a possibilidade de conquistar a vaga no time alemão, Russell disse que "eles farão isso quando acreditarem que é a hora certa".

"Sim, eu realmente não sei para ser honesto. Como disse, não estou pressionando ninguém, porque só quero falar na pista e focar apenas no circuito, porque sei que se fizer o trabalho na pista, tudo se resolverá", disse o britânico.

"Eu acho, você sabe, a Mercedes me conhece tão bem ao longo de todos esses anos, e estou em contato com ela diariamente, como tem sido nos últimos três anos. Sim, eles farão isso quando acreditarem que é a hora certa, seja qual for o caminho que decidam seguir", concluiu. 

SAIBA como marca de CAMISINHAS impediu TRANSMISSÃO da guerra LAUDA vs HUNT na Inglaterra há 45 anos

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Qual é o tamanho da temporada de Norris até agora?

 

.

compartilhar
comentários
F1: Mercedes fará atualizações para Inglaterra na tentativa de "fazer frente à Red Bull"
Artigo anterior

F1: Mercedes fará atualizações para Inglaterra na tentativa de "fazer frente à Red Bull"

Próximo artigo

F1- Chefe da McLaren revela que está desapontado com Ricciardo: pensávamos que seria mais rápido

F1- Chefe da McLaren revela que está desapontado com Ricciardo: pensávamos que seria mais rápido
Carregar comentários