F1: Verstappen critica Drive to Survive por "falsificar rivalidades" e revela que não participará da próxima temporada

Holandês não gostou de ver, em anos anteriores, suas entrevistas sendo usadas em contextos que não tinham nada a ver com a realidade

F1: Verstappen critica Drive to Survive por "falsificar rivalidades" e revela que não participará da próxima temporada

Parte do projeto da Liberty Media para popularizar a Fórmula 1, levando o esporte a novos fãs, a série da Netflix Drive to Survive segue sendo um sucesso ao redor do mundo, mas não é isenta de críticas. Atual líder da temporada, Max Verstappen é mais um a se juntar a essa lista, revelando ainda que decidiu não participar da nova safra de episódios, sobre o campeonato de 2021, alegando que a produção "falsifica rivalidades".

Após uma primeira temporada bem-sucedida, colocada como fator fundamental para a popularização do esporte em mercados importantes para a F1, como os Estados Unidos, a safra mais recente de episódios, sobre o campeonato de 2020, foi criticada por fãs pela criação de rivalidades inexistentes, como a de Lando Norris e Carlos Sainz na McLaren.

Leia também:

Sendo um sucesso de audiência, a quarta temporada da série documental, sobre a disputa entre Lewis Hamilton e Max Verstappen pelo título de 2021, está confirmada, mas não deve contar com a presença do holandês, como revelado pelo piloto em entrevista à Associated Press.

"Eu entendo que isso precisa ser feito para aumentar a popularidade nos Estados Unidos. Mas, do meu lado, como piloto, não gosto de fazer parte".

O holandês criticou a produção por usar entrevistas suas em assuntos que não eram os discutidos no momento, falseando a realidade.

"Eles falsificaram algumas rivalidades que não existem de verdade. Então decidi não participar disso e não dar mais nenhuma entrevista desde então, porque assim não tem nada para mostrar. Não sou uma pessoa que gosta de programas de drama, gosto dos fatos e das coisas reais".

Desde a confirmação da nova temporada, uma das grandes dúvidas sobre a leva de episódios é como a produção retrataria a rivalidade entre Hamilton e Verstappen dentro e fora das pistas. E apesar de reforçar que não exista inimizade entre eles, o holandês acredita que na série a realidade será outra.

"Provavelmente na série da Netflix seremos [rivais]. Nos cruzamos uma vez enquanto andávamos. Possivelmente estará lá".

Verstappen ainda terminou a entrevista falando sobre como cresceu sendo preparado para ser um piloto de F1 no futuro nas mãos de seu pai, o ex-F1 Jos Verstappen.

"Ele sabia o que era necessário para ser um piloto de F1, e sempre me preparou para isso, desde muito jovem. Acho que em nossa família somos muito focados no que fazemos e eu cresci assim, mas isso também tira um pouco do stress, tornando tudo mais simples".

"Hoje sou apenas um cara normal que cresceu em uma cidade pequena. Todas essas coisas, o drama, não é para mim. Não é meu mundo".

F1 2021: Mercedes FAVORITA em Austin? Pista será um PROBLEMA? RICO PENTEADO responde | TELEMETRIA

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #139 – Qual o campeonato da F1 mais emocionante do século?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1: Entenda como a batalha de desenvolvimento oscilou entre a Mercedes e a Red Bull
Artigo anterior

F1: Entenda como a batalha de desenvolvimento oscilou entre a Mercedes e a Red Bull

Próximo artigo

Fórmula 1 e Motorsport Network revelam resultados da maior pesquisa esportiva de fãs realizada pela Nielsen Sports

Fórmula 1 e Motorsport Network revelam resultados da maior pesquisa esportiva de fãs realizada pela Nielsen Sports
Carregar comentários