F1: Wolff diz que não há planos para que Hamilton troque de unidade e seja punido

Chefe da Mercedes se diz satisfeito com atual motor de atual campeão e quer aproveitar de performance na Rússia

F1: Wolff diz que não há planos para que Hamilton troque de unidade e seja punido

O chefe da Mercedes na Fórmula 1, Toto Wolff, disse que a equipe não tem planos imediatos de equipar Lewis Hamilton com uma quarta unidade de potência e, portanto, obrigá-lo a cumprir uma punição no grid.

A Red Bull do rival de Hamilton, Max Verstappen, foi equipado com uma nova unidade da Honda entre TL1 e TL2 em Sochi, e assim o holandês será enviado para o final do grid.

Leia também:

Verstappen já tinha uma penalidade de três lugares após o incidente com Hamilton em Monza, o que ajudou a encorajar a Red Bull a fazer o sacrifício pelo GP da Rússia. O clima úmido previsto para sábado também deve misturar o grid.

Todas as equipes estão sob pressão para mudar seus pilotos para uma quarta unidade, pois fica cada vez mais claro que será difícil chegar ao final da temporada sem mudanças. Aumentar a quilometragem dos motores atuais arrisca problemas de confiabilidade, enquanto o desempenho também diminui.

O companheiro de equipe de Hamilton, Valtteri Bottas, teve uma nova unidade em Monza, e tendo vencido o evento de classificação, ele começou o GP do fundo do grid.

Wolff insistiu que a Mercedes quer aproveitar ao máximo sua performance em Sochi.

“Acho que temos uma boa oportunidade aqui”, disse Wolff ao Motorsport.com. “Se tudo correr como o planejado, começamos pela frente e espero que possamos terminar com muitos pontos.

“Acho que no momento estamos apenas olhando para o desenvolvimento da unidade de potência em termos de sinais de problemas de confiabilidade, que ainda não existem. Então, estamos levando de fim de semana em fim de semana.”

Ao contrário de Verstappen e Bottas, Hamilton não sofreu danos de motor em acidente, então ele tem um pouco mais de liberdade. No entanto, Wolff reconheceu que é complicado acertar o momento de qualquer penalidade.

"Exatamente. E pode haver um fim de semana em que você está totalmente perdido ou em um acidente e está começando na parte de trás de qualquer maneira. Portanto, acho que ter uma unidade de energia prematuramente não é algo que gostaríamos de fazer.”

O mais recente pacote de motor da Honda inclui um novo armazenamento de energia de especificação, um exemplo do qual Verstappen já tirou sem penalidade em Spa.

A Ferrari também tem uma unidade atualizada em Sochi, que foi dado a Leclerc. Como Verstappen, o piloto monegasco estará na retaguarda do grid.

Wolff disse que a Mercedes fez suas atualizações permitidas no início da temporada e, portanto, não haverá ganho de desempenho para Hamilton, além do associado à quilometragem.

“A verdade é que não sabemos o que os outros fazem. É só barulho. Para nós, é importante escolher o momento certo para as atualizações. E fizemos isso no início do ano.”

“Estamos felizes com a forma como fizemos isso, e é uma luta acirrada, você pode ver que todo mundo está sofrendo de algum tipo de problema de confiabilidade ou atrasando os desenvolvimentos.”

SEXTA-LIVRE: Mercedes BEM na Rússia, PUNIÇÃO para Verstappen, MEDO da chuva e as notícias de Sochi

PODCAST #134: TELEMETRIA: Chuva em Sochi? Mercedes perderá invencibilidade? Rico Penteado responde

 

compartilhar
comentários
SEXTA-LIVRE: Mercedes bem na Rússia, punição para Verstappen, chuva e notícias de Sochi

Artigo anterior

SEXTA-LIVRE: Mercedes bem na Rússia, punição para Verstappen, chuva e notícias de Sochi

Próximo artigo

F1: Verstappen prevê recuperação difícil durante corrida em Sochi

F1: Verstappen prevê recuperação difícil durante corrida em Sochi
Carregar comentários