Fórmula 1
03 jul
-
05 jul
Evento encerrado
10 jul
-
12 jul
Treino Livre 3 em
13 Horas
:
04 Minutos
:
39 Segundos
R
GP da Hungria
17 jul
-
19 jul
Próximo evento em
6 dias
31 jul
-
02 ago
Próximo evento em
20 dias
R
GP de 70º aniversário
07 ago
-
09 ago
Próximo evento em
27 dias
28 ago
-
30 ago
Próximo evento em
48 dias
04 set
-
06 set
Próximo evento em
55 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Canceled
25 set
-
27 set
Próximo evento em
76 dias
08 out
-
11 out
Canceled
R
GP dos Estados Unidos
23 out
-
25 out
Próximo evento em
104 dias
R
GP do México
30 out
-
01 nov
Próximo evento em
111 dias
13 nov
-
15 nov
Próximo evento em
125 dias
R
GP de Abu Dhabi
27 nov
-
29 nov
Próximo evento em
139 dias

Conheça o mal entendido bizarro que quase fez Farfus e Massa serem presos em estrada italiana

compartilhar
comentários
Conheça o mal entendido bizarro que quase fez Farfus e Massa serem presos em estrada italiana
15 de jun de 2020 15:20

Pilotos brasileiros moravam juntos e foram abordados pela polícia após treino na Itália

Bicampeão das 24 Horas de Daytona, vencedor da temporada 2003 da Euro Fórmula 3000 e detentor da Copa do Mundo de Gran Turismo de 2018, Augusto Farfus é um dos pilotos brasileiros com mais conquistas na história recente do automobilismo.

Representante da BMW, com a qual venceu as 24 Horas de Nürburgring em 2010, o piloto também foi campeão da Fórmula Renault 2000 Eurocup em 2001, um ano após o compatriota Felipe Massa ter conquistado o título da categoria.

Leia também:

As glórias dos dois pilotos brasileiros no mundo do esporte a motor já são bastante conhecidas, mas o que poucos sabem é que eles moraram juntos, dividiram carro e quase foram presos após um treino na temporada 2000.

É o que Farfus revelou ao Motorsport.com durante entrevista exclusiva via live de Instagram. No vídeo abaixo, você confere o relato do dia em que o curitibano quase foi 'baleado' e preso com Massa na Itália:

"O Felipe, como ele é mais velho do que eu, tinha carteira (de motorista). E eu não tinha, então o Felipe se tornou o 'meu motorista'. A gente passou um ano... eu só ia onde o Felipe ia e a equipe comprou, na época, um Audi."

"A gente, quando veio para a Europa, não tinha dinheiro para comprar carro. Nosso budget (orçamento) era muito limitado, então a gente conseguiu convencer o dono da equipe a comprar esse Audi usado e alugar para nós durante o ano."

"Gentilmente, ele fez esse negócio. Ele comprou esse Audi 80 e, quando a gente recebeu o carro, ele já tinha 140.000 km. Então o carro já estava 'para lá de Bagdá'. Mas, para nós, jovens, aventureiros, vindos do Brasil... A gente ganhou um Audi! Era coisa fina".

Os 'rolês' de Audi pela Europa

"A gente andava de Audi na Europa. O carro era 94, então já tinha seus seis ou sete anos de uso e 150.000 km, praticamente. A gente usou esse carro, eu e o Felipe, para tudo, todas as corridas eram com o carro, em todos os treinos a gente ia com o carro."

"Em uma das viagens, a gente foi treinar em um autódromo no meio da Itália. Voltando, era calor e o Felipe tirou o sapato dirigindo. De repente, eu falo: 'Pô, Felipe, vou tirar o sapato também'. E me agachei no carro para tirar o sapato. Nessa história, a gente passou uma viatura da polícia."

"Normal, a polícia estava a 80 km/h e o Felipe passou a 100. E eu, enquanto eu tirava o sapato, fiquei olhando para os caras. E o Felipe, com o cotovelo, fazia assim: 'Pára de olhar, Augusto, pára de olhar'. E eu olhando para os caras e tirando o sapato".

"Quando a gente passa a viatura de polícia, a polícia entra atrás de nós. E o Felipe começa: 'Está vendo? Te falei para não olhar para a polícia, agora a polícia está atrás de nós'. E nós na maciota. De repente, o cara liga as luzes (da sirene)."

"Aí o Felipe sai da frente, o cara passa e a gente volta. E lá eles tem algo que a gente chama de 'pirulito', que é uma paletinha para indicar para o cara parar. O cara tira a paletinha para a gente parar. E o Felipe: 'Tá vendo? Não te falei? A culpa é tua'."

"Quando a gente pára no acostamento, o Felipe falou: 'Tenho que pôr o sapato, vou tomar multa por dirigir sem sapato'. O Felipe, meio que parando o carro, se abaixando para pôr o sapato, estaciona o carro no acostamento."

Policiais vs pilotos

"Quando o carro pára, os dois policiais 'pulam' da viatura assim (com as armas apontadas para Felipe e Augusto). Porque eles acharam que a gente estava escondendo uma arma ou alguma coisa embaixo do banco. Dois caras jovens...".

"E a polícia gritava: 'Desçam do carro, mãos para cima'. E o Felipe não sabia se colocava o sapato ou se levantava a mão. Eu falei: 'Felipe, levanta a mão que os caras vão atirar em nós, cara...'. E os caras muito nervosos. Muito nervosos, gritando muito."

"O policial bonzinho vai no lado do Felipe. Sempre tem o mau e o bom na história. O mau vai na minha porta. O cara olha para mim e fala: 'Desce do carro já!'. O cara gritando e apontando a arma para mim. Aí eu desço do carro e o cara: 'Se encosta no capô'.

"Eu, encostado no capô, e o cara apontando a arma. Ele fala: 'O que vocês esconderam?'. Eu falei: 'Nada, nada, a gente é piloto, tem o capacete no porta-malas'. O cara: 'Mentira, mentira, tira a camiseta!'. Aí eu, no meio da autoestrada, tiro a camiseta."

"Aí o cara fala assim: 'Tira o sapato'. Aí eu tiro o sapato. 'Tira a meia!'. Aí eu tiro a meia. Daqui a pouco o cara vai mandar 'tira as calças' e eu vou tirar as calças, porque é o cara com uma pistola apontada para mim, né...".

E o que fez Massa?

"No meio-tempo, o Felipe, para o outro policial, ele mostrou: título de eleitor, CPF, carteira de piloto, todos os documentos que ele tinha na carteira. Ele mostrou para o cara para querer dizer assim: 'Meu, nós somos inocentes'. E o cara mau comigo assim: 'O que vocês esconderam?!?!?'."

"E o outro policial, numa certa altura, ele se ligou que realmente a gente não tinha nada para esconder. Aí o cara foi no porta-malas e começou a revistar o carro e eu lá sem camiseta e sem sapato no meio da autoestrada, quase pelado."

"O cara viu que a gente era dois brasileiros e que não tinha nada a ver. Quando o cara se ligou, o cara falou assim: 'Desculpa'. O policial entrou no carro e foi embora, ficamos eu e o Felipe no meio da autoestrada que nem dois manés, um olhando para a cara do outro, em choque."

"Aí a gente caiu na risada, porque depois passou, mas todo esse episódio durou sei lá quanto tempo, mas pareceu que durou uma eternidade. O cara querendo atirar em mim e o Felipe mostrando para o outro cara tudo o que tinha de documentos. Até hoje a gente fala e se parte de dar risada dessa famosa história", completou Farfus, que conquistou seu bicampeonato de Daytona de forma consecutiva em 2019 e 2020. Massa atualmente está na Fórmula E.

GALERIA: Vice-campeão em 2008, Massa teve carreira marcante na F1; relembre abaixo

Galeria
Lista

Um detalhe sobre o início de carreira de Felipe Massa é que seu primeiro contato com o esporte a motor foi com o motocross, como ele próprio relatou no filme Heroes. Ao vê-lo começar a saltar cada vez mais alto e se machucar, seu pai, Titônio, decidiu apresentar o kart ao futuro orgulho da família.

Um detalhe sobre o início de carreira de Felipe Massa é que seu primeiro contato com o esporte a motor foi com o motocross, como ele próprio relatou no filme Heroes. Ao vê-lo começar a saltar cada vez mais alto e se machucar, seu pai, Titônio, decidiu apresentar o kart ao futuro orgulho da família.
1/24

Foto de: Malcolm Griffiths

Massa começou a correr de kart em 1989 e competiu no Brasil até 1999, quando foi campeão nacional de Fórmula Chevrolet. O passo seguinte, naturalmente, foi a Europa.

Massa começou a correr de kart em 1989 e competiu no Brasil até 1999, quando foi campeão nacional de Fórmula Chevrolet. O passo seguinte, naturalmente, foi a Europa.
2/24

Foto de: Ferrari

Ele se destacou ao chegar no Velho Continente, com títulos na Fórmula Renault (2000) e F3000 Europeia (2001). Isso, obviamente, o colocou nos radares da F1.

Ele se destacou ao chegar no Velho Continente, com títulos na Fórmula Renault (2000) e F3000 Europeia (2001). Isso, obviamente, o colocou nos radares da F1.
3/24

Foto de: Sam Bagnall / Motorsport Images

Em setembro de 2001, Massa fez seu primeiro teste na F1, em Mugello, e causou boa impressão. Já debaixo das asas da Ferrari, o jovem piloto conseguiu garantir uma vaga de titular na Sauber no ano seguinte.

Em setembro de 2001, Massa fez seu primeiro teste na F1, em Mugello, e causou boa impressão. Já debaixo das asas da Ferrari, o jovem piloto conseguiu garantir uma vaga de titular na Sauber no ano seguinte.
4/24

Foto de: LAT Images

Massa teve alguns desempenhos de destaque e fechou o campeonato em 13º, com quatro pontos. Porém, a inconstância cobrou seu preço, e o brasileiro perdeu sua vaga.

Massa teve alguns desempenhos de destaque e fechou o campeonato em 13º, com quatro pontos. Porém, a inconstância cobrou seu preço, e o brasileiro perdeu sua vaga.
5/24

Foto de: Sutton Motorsport Images

Massa, então, passou o ano de 2003 testando o carro da Ferrari e trabalhando de perto com Michael Schumacher e Rubens Barrichello. Mesmo sem competir, foi uma temporada de aprendizado para o ainda jovem piloto.

Massa, então, passou o ano de 2003 testando o carro da Ferrari e trabalhando de perto com Michael Schumacher e Rubens Barrichello. Mesmo sem competir, foi uma temporada de aprendizado para o ainda jovem piloto.
6/24

Foto de: Shell Motorsport

Mais maduro, Massa voltou ao grid pela Sauber em 2004. Apesar de ter sido derrotado por Giancarlo Fisichella, o brasileiro cresceu com o passar da temporada, especialmente com as segundas filas obtidas na China e no Brasil.

Mais maduro, Massa voltou ao grid pela Sauber em 2004. Apesar de ter sido derrotado por Giancarlo Fisichella, o brasileiro cresceu com o passar da temporada, especialmente com as segundas filas obtidas na China e no Brasil.
7/24

Foto de: Sauber Petronas

Massa foi mais sólido em 2005: derrotou Jacques Villeneuve no duelo interno e bateu na trave do pódio com um quarto lugar no Canadá. Com a saída de Barrichello da Ferrari, abriu-se a vaga desejada para se juntar à escuderia italiana no ano seguinte.

Massa foi mais sólido em 2005: derrotou Jacques Villeneuve no duelo interno e bateu na trave do pódio com um quarto lugar no Canadá. Com a saída de Barrichello da Ferrari, abriu-se a vaga desejada para se juntar à escuderia italiana no ano seguinte.
8/24

Foto de: Mark Capilitan

Massa competiu ao lado de Schumacher e deixou boa impressão em 2006: esteve com consistência no pódio e fechou o ano em terceiro, atrás apenas do alemão e de Fernando Alonso, que disputaram o título. Os destaques ficaram nos GPs da Turquia e do Brasil, suas primeiras vitórias.

Massa competiu ao lado de Schumacher e deixou boa impressão em 2006: esteve com consistência no pódio e fechou o ano em terceiro, atrás apenas do alemão e de Fernando Alonso, que disputaram o título. Os destaques ficaram nos GPs da Turquia e do Brasil, suas primeiras vitórias.
9/24

Foto de: Sutton Motorsport Images

Sem Schumacher 2007, Massa ganhou espaço e se colocou no páreo da disputa pelo título no começo do ano. Porém, Kimi Raikkonen cresceu com o passar do ano, o que deu ao finlandês seu primeiro título na F1.

Sem Schumacher 2007, Massa ganhou espaço e se colocou no páreo da disputa pelo título no começo do ano. Porém, Kimi Raikkonen cresceu com o passar do ano, o que deu ao finlandês seu primeiro título na F1.
10/24

Foto de: Steven Tee / Motorsport Images

Em 2008, Massa fez sua campanha mais forte, com seis vitórias e ocupando a posição de real protagonista. Mas, como todos sabem, o título escapou das mãos por pouco: ele ficou apenas 1 ponto atrás de Lewis Hamilton, o campeão.

Em 2008, Massa fez sua campanha mais forte, com seis vitórias e ocupando a posição de real protagonista. Mas, como todos sabem, o título escapou das mãos por pouco: ele ficou apenas 1 ponto atrás de Lewis Hamilton, o campeão.
11/24

Foto de: LAT Images

A Ferrari não veio tão forte em 2009, mas Massa ainda continuava com boas atuações. Contudo, sua campanha foi interrompida com o acidente da Hungria, que o deixou de fora da segunda metade da temporada.

A Ferrari não veio tão forte em 2009, mas Massa ainda continuava com boas atuações. Contudo, sua campanha foi interrompida com o acidente da Hungria, que o deixou de fora da segunda metade da temporada.
12/24

Foto de: Steve Etherington / Motorsport Images

Quando voltou à ativa em 2010, Massa encontrou uma situação diferente na Ferrari, desta vez com Alonso como parceiro. O brasileiro teve dificuldades dentro e fora da pista, e seu ano ficou marcado pelos fatídicos acontecimentos do GP da Alemanha, quando cedeu a liderança para o espanhol.

Quando voltou à ativa em 2010, Massa encontrou uma situação diferente na Ferrari, desta vez com Alonso como parceiro. O brasileiro teve dificuldades dentro e fora da pista, e seu ano ficou marcado pelos fatídicos acontecimentos do GP da Alemanha, quando cedeu a liderança para o espanhol.
13/24

Foto de: Sutton Motorsport Images

Em 2011, mais uma vez a Ferrari não se acertou, e Massa teve dificuldades a mais do seu lado da garagem. O piloto foi bastante apagado ao longo da temporada e teve sua primeira campanha na Ferrari sem sequer obter um pódio.

Em 2011, mais uma vez a Ferrari não se acertou, e Massa teve dificuldades a mais do seu lado da garagem. O piloto foi bastante apagado ao longo da temporada e teve sua primeira campanha na Ferrari sem sequer obter um pódio.
14/24

Foto de: XPB Images

No geral, 2012 foi um pesadelo para Massa. Enquanto Alonso disputou o título, o brasileiro tinha dificuldades para pontuar no início da campanha. Porém, ele ganhou terreno com o passar do campeonato e fechou o ano com dois pódios, no Japão e no Brasil.

No geral, 2012 foi um pesadelo para Massa. Enquanto Alonso disputou o título, o brasileiro tinha dificuldades para pontuar no início da campanha. Porém, ele ganhou terreno com o passar do campeonato e fechou o ano com dois pódios, no Japão e no Brasil.
15/24

Foto de: Andrew Hone / Motorsport Images

Mais um pódio foi para sua conta em 2013, mas sua relação com a Ferrari chegou ao ponto de ruptura. Com um discreto oitavo lugar na tabela, o brasileiro deixou a equipe italiana.

Mais um pódio foi para sua conta em 2013, mas sua relação com a Ferrari chegou ao ponto de ruptura. Com um discreto oitavo lugar na tabela, o brasileiro deixou a equipe italiana.
16/24

Foto de: Sutton Motorsport Images

Massa encontrou espaço na Williams a partir de 2014, que havia tido temporada ruim no ano anterior. Mas, surpreendentemente, a equipe deu a volta por cima, o que possibilitou a Massa uma pole position e três pódios.

Massa encontrou espaço na Williams a partir de 2014, que havia tido temporada ruim no ano anterior. Mas, surpreendentemente, a equipe deu a volta por cima, o que possibilitou a Massa uma pole position e três pódios.
17/24

Foto de: Williams F1

Massa anotou mais dois pódios em 2015 e se destacou no GP da Grã-Bretanha, quando liderou a primeira fase da prova. Acabou o campeonato em sexto, logo atrás do parceiro, Valtteri Bottas.

Massa anotou mais dois pódios em 2015 e se destacou no GP da Grã-Bretanha, quando liderou a primeira fase da prova. Acabou o campeonato em sexto, logo atrás do parceiro, Valtteri Bottas.
18/24

Foto de: Sutton Motorsport Images

Massa fez campanha inconstante em 2016 e se viu ameaçado com a chegada do ‘endinheirado’ Lance Stroll. Assim, anunciou que se aposentaria da categoria ao fim daquele ano.

Massa fez campanha inconstante em 2016 e se viu ameaçado com a chegada do ‘endinheirado’ Lance Stroll. Assim, anunciou que se aposentaria da categoria ao fim daquele ano.
19/24

Foto de: Glenn Dunbar / Motorsport Images

Porém, a aposentadoria de Nico Rosberg abriu espaço para a ida de Bottas à Mercedes, o que proporcionou que Massa voltasse à Williams em 2017. O brasileiro prevaleceu no duelo contra o jovem canadense, mas, desta vez, sua despedida foi confirmada.

Porém, a aposentadoria de Nico Rosberg abriu espaço para a ida de Bottas à Mercedes, o que proporcionou que Massa voltasse à Williams em 2017. O brasileiro prevaleceu no duelo contra o jovem canadense, mas, desta vez, sua despedida foi confirmada.
20/24

Foto de: Charles Coates / Motorsport Images

Massa fechou seu período na F1, com 269 corridas, 11 vitórias, 41 pódios e 16 poles, sendo o último representante do país na maior categoria do automobilismo mundial.

Massa fechou seu período na F1, com 269 corridas, 11 vitórias, 41 pódios e 16 poles, sendo o último representante do país na maior categoria do automobilismo mundial.
21/24

Foto de: XPB Images

Em 2018, Massa anunciou que correria na categoria totalmente elétrica, a Fórmula E. Na primeira temporada, seu melhor resultado foi em Mônaco, na terceira posição. Ainda em fase de aprendizado, o brasileiro foi o 15º colocado no campeonato.

Em 2018, Massa anunciou que correria na categoria totalmente elétrica, a Fórmula E. Na primeira temporada, seu melhor resultado foi em Mônaco, na terceira posição. Ainda em fase de aprendizado, o brasileiro foi o 15º colocado no campeonato.
22/24

Foto de: Andrew Ferraro / Motorsport Images

Na atual temporada, interrompida por causa da pandemia do novo coronavírus, Massa é apenas o 19º colocado, após cinco provas.

Na atual temporada, interrompida por causa da pandemia do novo coronavírus, Massa é apenas o 19º colocado, após cinco provas.
23/24

Foto de: Sam Bloxham / Motorsport Images

Fora das pistas, Massa ocupa o cargo de presidente da Comissão Mundial de Kart da FIA, ajudando a trazer o Mundial de Kart ao Brasil, mais precisamente a Birigui. Inicialmente o campeonato seria realizado em outubro deste ano, mas como consequência do coronavírus, terá que ser realizado em 2021.

Fora das pistas, Massa ocupa o cargo de presidente da Comissão Mundial de Kart da FIA, ajudando a trazer o Mundial de Kart ao Brasil, mais precisamente a Birigui. Inicialmente o campeonato seria realizado em outubro deste ano, mas como consequência do coronavírus, terá que ser realizado em 2021.
24/24

Foto de: Glenn Dunbar / Motorsport Images

VÍDEO: Massa detalha dia em que Raikkonen 'zoou' Schumacher em evento da Ferrari

PODCAST Motorsport.com entrevista Felipe Massa, ex-piloto da Ferrari na Fórmula 1

 

Próximo artigo
F1: Wolff afirma que segue na Mercedes em 2020, mas deixa futuro em aberto

Artigo anterior

F1: Wolff afirma que segue na Mercedes em 2020, mas deixa futuro em aberto

Próximo artigo

Com Hamilton e Rossi no Top 10, jornal espanhol elege os 100 maiores atletas do século XXI

Com Hamilton e Rossi no Top 10, jornal espanhol elege os 100 maiores atletas do século XXI
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1 , WTCC
Pilotos Felipe Massa Compre Agora , Augusto Farfus