Fórmula 1 GP da Espanha

Fórmula 1 - Red Bull: 'cópia ignorante' não vai ajudar rivais

Red Bull afirma que copiar o assoalho e difusor sem entender o conceito não fará com que rivais sejam mais rápidos

Marshals remove the car of Sergio Perez, Red Bull Racing RB19, from the circuit after a crash in Q1

A equipe com sede em Milton Keynes deixou o GP de Mônaco incomodada com o vazamento dos segredos do design do assoalho e difusor, que acabaram revelados ao público após o carro de Sergio Perez ter sido içado após o mexicano bater durante a classificação.

Muitos dos rivais da Red Bull admitiram ter ganho importante conhecimento do RB19, com a Mercedes falando que teve uma boa imagem da aerodinâmica com o episódio.

A Red Bull acredita que as equipe levarão até o GP do Japão para que consiga mudar algo no assoalho levando em consideração o que aprenderam com o que viram, mas que fazer uma cópia sem entender o conceito, fará com que as rivais não tenham nenhum progresso.

Chefe dos engenheiros da Red Bull, Paul Monaghan falou sobre o que aconteceu em Mônaco: "Não é legal. Nós não levantamos nossos carros [como foi ali], mas aconteceu e seguimos. Mas há um atraso de fase entre o que as pessoas viram, colocarem no carro e, realmente, irem mais rápido com ele. Uma cópia ignorante não fará com que necessariamente vai ser mais rápida. Tem que integrar. E não é só um pouco de geometria do assoalho".

Monaghan disse que leverão muitos meses para que as ideias de design tenham um caminho efeitivo no carro, o que pode levar até outubro para que os conceitos dessa 'cópia' deem resultado na pista.

"Nosso caminho de desenvolvimento está razoavelmente bem definido em termos dos períodos que queremos tentar implantar, se eles vão nos fazer ir mais rápido", disse.

Mercedes' floor was also exposed in Monaco.

Mercedes' floor was also exposed in Monaco.

Photo by: Uncredited

"Se algo mudar no plano de desenvolvimento, então aumentará o atraso entre o que vamos colocar no carro. Então, perto do Japão, veremos como todo mundo estará. Mas nós manteremos nossa disciplina e desenvolvimento e só no nosso carro podemos mudar. Não nos influenciamos sobre o que esses caras [outras equipes] fazem. Seguimos nosso trabalho e tentando ser mais rápidos", completou.

Após as imagens do assoalho 'vazarem', a Red Bull vê Mercedes e Ferrari fazendo mudanças no conceito da parte de baixo do carro. Monaghan diz que a convergência sobre o design é algo que acontece na Fórmula 1 há muitos anos, então não é algo novo.

"Voltando para 2009, 2010, 2011 até 2014, nós vencemos corridas com um pacote similar ao que a Mercedes tinha. Então, não estamos imunes. Outras pessoas olham nosso carros, eles pensam que vão ser mais rápidos e se influenciam com isso. Ok, faz parte. Pergunte para a McLaren sobre 2011. O carro não era rápido, eles apareceram com uns exaustores parecidos com os nossos e ficaram um pouco mais rápidos", pontou.

"Isso acontece há muitos anos e seguimos. É o método do esporte. Tem patente aqui, tem?", finalizou.

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior Fórmula 1: Newey revela que recusou a Ferrari em quatro oportunidades
Próximo artigo F1: Leclerc admite planos para correr nas 24 Horas de Le Mans

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil