Fórmula 1
10 out
-
13 out
Evento encerrado
24 out
-
27 out
Evento encerrado
01 nov
-
03 nov
Evento encerrado
14 nov
-
17 nov
Evento encerrado
28 nov
-
01 dez
Evento encerrado

Hamilton pede desculpas a Albon e pode ser punido no GP do Brasil

compartilhar
comentários
Hamilton pede desculpas a Albon e pode ser punido no GP do Brasil
17 de nov de 2019 18:38

Piloto britânico da Mercedes bateu em Albon no fim da corrida e terá que se explicar aos comissários

Lewis Hamilton atacava Alex Albon para chegar em segundo no GP do Brasil de Fórmula 1, mas acabou batendo no tailandês da Red Bull e fez com que o novato caísse para o fim do grid em Interlagos. O britânico da Mercedes terminou em terceiro, mas terá de se explicar aos comissários.

A direção de prova disse que o incidente seria investigado após a corrida e Hamilton foi convocado para ver os comissários às 16h45, horário local. A batida aconteceu nos estágios finais da prova em São Paulo, após safety car.

Leia também:

"Peço desculpas a Albon. Foi completamente minha culpa. Eu corri muitos riscos hoje. Arriscamos tudo", admitiu o hexacampeão, que fez um pit stop antes da saída do safety car para buscar a vitória em Interlagos.

Na relargada, Hamilton passou Gasly e foi para cima de Albon, que estava atrás de Verstappen. Com a batida entre o tailandês e o britânico, o francês da Toro Rosso chegou em segundo, atrás do ex-companheiro holandês.

O rendimento de Gasly rendeu elogios de Hamilton. "Ele fez um ótimo trabalho. Foi muito justo com a forma como posicionou o carro", disse o hexacampeão, que também disse que "não tinha o que fazer" para alcançar Verstappen.

Próximo artigo
Veja como foi o GP do Brasil de Fórmula 1

Artigo anterior

Veja como foi o GP do Brasil de Fórmula 1

Próximo artigo

Verstappen vence GP do Brasil marcado por batida entre Ferraris

Verstappen vence GP do Brasil marcado por batida entre Ferraris
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP do Brasil