Fórmula 1
19 mar
-
22 mar
Próximo evento em
18 dias
02 abr
-
05 abr
Próximo evento em
32 dias
30 abr
-
03 mai
Próximo evento em
60 dias
07 mai
-
10 mai
Próximo evento em
67 dias
21 mai
-
24 mai
Próximo evento em
81 dias
R
GP do Azerbaijão
04 jun
-
07 jun
Próximo evento em
95 dias
11 jun
-
14 jun
Próximo evento em
102 dias
25 jun
-
28 jun
Próximo evento em
116 dias
R
GP da Áustria
02 jul
-
05 jul
Próximo evento em
123 dias
R
GP da Grã-Bretanha
16 jul
-
19 jul
Próximo evento em
137 dias
30 jul
-
02 ago
Próximo evento em
151 dias
R
GP da Bélgica
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
179 dias
03 set
-
06 set
Próximo evento em
186 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Próximo evento em
200 dias
24 set
-
27 set
Próximo evento em
207 dias
08 out
-
11 out
Próximo evento em
221 dias
R
GP dos Estados Unidos
22 out
-
25 out
Próximo evento em
235 dias
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
242 dias
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
256 dias
R
GP de Abu Dhabi
26 nov
-
29 nov
Próximo evento em
270 dias

Hamilton vê Red Bull na briga na “quente” Singapura

compartilhar
comentários
Hamilton vê Red Bull na briga na “quente” Singapura
14 de set de 2018 18:56

Piloto acredita que time austríaco está na briga e relata que deve ter perdido dois quilos nos treinos desta sexta-feira por causa das altas temperaturas em Marina Bay

O líder do campeonato mundial de F1, Lewis Hamilton, não terminou na frente em nenhuma das sessões de treinos livres que visam o GP de Singapura. Mais do que isso, na primeira parte, o piloto da Mercedes teve que se conformar com a sexta melhor marca.

Perguntado sobre a representatividade destes tempos, ele explicou os motivos e minimizou o resultado.

“Acho que os outros estavam com hipermacios. Começamos com ultramacios e depois macios. Mas a sessão foi boa, passamos pelo que precisávamos passar, estávamos fazendo alguns experimentos, e acho que conseguimos alguns bons resultados com isso.”

“Depois entramos no TL2 com a mudança que fizemos, e surpreendentemente ficamos bastante perto das Ferraris. Eu não sei se isso é real ou não, nós descobriremos amanhã, mas o carro definitivamente está melhor.”

“A pista é incrível, obviamente porque estamos muito mais rápidos do que no ano passado. As forças G aumentaram, a velocidade real, reações, tudo aumentou. Então é uma volta muito mais difícil do que no ano passado.”

Mesmo à noite, Hamilton se queixou sobre as altas temperaturas em Marina Bay.

“Está quente como o inferno. Muito quente, é uma loucura. Você está suando antes de entrar no carro, e nessa sessão acho que perdi quase dois quilos, então domingo provavelmente vou perder mais do que isso.”

A vitória de Hamilton no ano passado veio após o inglês largar na quinta posição, atrás justamente dos carros da Ferrari e Red Bull. Mas para este sábado, ele imagina que a Mercedes deva entrar na briga pela pole também.

“Será uma luta de três vias, realmente. Acho que ano passado foi a Red Bull e a Ferrari, enquanto este ano parece que pode ser uma luta entre os três. Então, isso deve resultar em uma classificação emocionante.”

Próximo artigo
Mudanças no carro para o TL2 não funcionaram, diz Vettel

Artigo anterior

Mudanças no carro para o TL2 não funcionaram, diz Vettel

Próximo artigo

F1 considera permanência do DRS para 2021

F1 considera permanência do DRS para 2021
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP de Singapura
Pilotos Lewis Hamilton Compre Agora