Fórmula 1
24 out
-
27 out
Evento encerrado
01 nov
-
03 nov
Evento encerrado
14 nov
-
17 nov
Evento encerrado
28 nov
-
01 dez
Evento encerrado

Leclerc quer que Vettel deixe episódio “para trás” e chefe diz que não julgará agora

compartilhar
comentários
Leclerc quer que Vettel deixe episódio “para trás” e chefe diz que não julgará agora
17 de nov de 2019 20:32

Monegasco explicou manobra polêmica com companheiro de equipe e afirmou que ambos terão que ser “maduros” para deixar o caso para trás. Mattia Binotto lamentou, mas disse que não julgará no calor do momento

Um dos grandes momentos do histórico GP do Brasil de 2019 foi o encontro nada amigável entre Charles Leclerc e Sebastian Vettel na 66ª volta, no fim da reta oposta. Enquanto que o monegasco teve avarias em seu carro na roda dianteira direita, o alemão teve um pneu furado, com ambos abandonando a prova.

Imediatamente após o incidente, os pilotos da Ferrari se dirigiram à área reservada à equipe e depois de cerca de 15 minutos voltaram para a atender as TVs.

Leia também:

“Falando sobre o meu lado, superei (Vettel) na curva 1 e na curva 3, tive que fechar porque sabia que ele tentaria novamente”, disse Leclerc à Sky Sports. “Ele veio, foi pelo lado de fora, que havia pouco espaço, mas eu o deixei no espaço que ele ocupava e, em seguida, no final da reta, ele começou a me apertar para dentro e estávamos muito perto. Tudo aconteceu muito rápido, e assim que ele foi para dentro, nos tocamos, e então eu tive um furo.”

Com uma relação agitada por causa das disputas acirradas desde o início do ano, Leclerc disse que não espera que no futuro tenha grandes problemas de relacionamento com Vettel.

“Ainda não vi Seb, mas tenho certeza de que somos maduros o suficiente para deixar isso para trás. No final, sentimos muito pela nossa equipe. Este é o resultado final, os dois carros não terminaram e isso é muito decepcionante. Para o futuro, deixaremos isso para trás e continuaremos trabalhando juntos.”

A palavra do chefe

Mattia Binotto também comentou o ocorrido entre seus pilotos após a prova, mas preferiu não direcionar culpa a nenhum deles.

“Sentimos, muito pelo time”, disse Binotto à Sky. “Acho que os pilotos precisam sentir pelo time, porque no final eles estavam livres para brigar. Mas eles sabem que erros tolos são, de alguma forma, algo que devemos evitar pelo próprio time.”

“E hoje foi um contato muito pequeno, tenho que dizer, mas haverá tempo para analisar, haverá tempo para ver o vídeo, não quero fazer isso no calor do momento. Já conversei com eles (pilotos) que não quero julgar agora, eles não deveriam julgar agora, haverá um tempo para fazer tudo isso juntos.”

Binotto também foi cauteloso quando foi perguntado sobre culpa, mas afirmou que manterá a liberdade de lutarem por posições livremente.

“Acho que os dois receberam pelo menos uma pequena porcentagem de responsabilidade. Mas, novamente, não quero julgar agora, não quero contar minha opinião sobre o acidente.

“Sim 9poderão brigar livremente). Eles sabem que erros bobos ainda são erros bobos. E o que aconteceu hoje, acho que é realmente uma pena para a equipe.”

Veja como terminou o GP do Brasil de F1

Galeria
Lista

1º - Max Verstappen, Red Bull Racing RB15

1º - Max Verstappen, Red Bull Racing RB15
1/20

Foto de: Steven Tee / Motorsport Images

2º - Pierre Gasly, Toro Rosso STR14

2º - Pierre Gasly, Toro Rosso STR14
2/20

Foto de: Jerry Andre / Motorsport Images

3º - Carlos Sainz Jr., McLaren MCL34

3º - Carlos Sainz Jr., McLaren MCL34
3/20

Foto de: Andy Hone / Motorsport Images

4º - Kimi Raikkonen, Alfa Romeo Racing C38

4º - Kimi Raikkonen, Alfa Romeo Racing C38
4/20

Foto de: Glenn Dunbar / Motorsport Images

5º - Antonio Giovinazzi, Alfa Romeo Racing C38

5º - Antonio Giovinazzi, Alfa Romeo Racing C38
5/20

Foto de: Andy Hone / Motorsport Images

6º - Daniel Ricciardo, Renault F1 Team R.S.19

6º - Daniel Ricciardo, Renault F1 Team R.S.19
6/20

Foto de: Jerry Andre / Motorsport Images

7º - Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W10

7º - Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W10
7/20

Foto de: Andy Hone / Motorsport Images

8º - Lando Norris, McLaren MCL34

8º - Lando Norris, McLaren MCL34
8/20

Foto de: Andy Hone / Motorsport Images

9º - Sergio Perez, Racing Point RP19

9º - Sergio Perez, Racing Point RP19
9/20

Foto de: Mark Sutton / Motorsport Images

10º - Daniil Kvyat, Toro Rosso STR14

10º - Daniil Kvyat, Toro Rosso STR14
10/20

Foto de: Jerry Andre / Motorsport Images

11º - Kevin Magnussen, Haas F1 Team VF-19

11º - Kevin Magnussen, Haas F1 Team VF-19
11/20

Foto de: Jerry Andre / Motorsport Images

12º - George Russell, Williams Racing FW42

12º - George Russell, Williams Racing FW42
12/20

Foto de: Jerry Andre / Motorsport Images

13º - Romain Grosjean, Haas F1 Team VF-19

13º - Romain Grosjean, Haas F1 Team VF-19
13/20

Foto de: Zak Mauger / Motorsport Images

14º - Alexander Albon, Red Bull RB15

14º - Alexander Albon, Red Bull RB15
14/20

Foto de: Jerry Andre / Motorsport Images

15º - Nico Hulkenberg, Renault F1 Team R.S. 19

15º - Nico Hulkenberg, Renault F1 Team R.S. 19
15/20

Foto de: Jerry Andre / Motorsport Images

16º - Robert Kubica, Williams FW42

16º - Robert Kubica, Williams FW42
16/20

Foto de: Mark Sutton / Motorsport Images

17º - Sebastian Vettel, Ferrari SF90

17º - Sebastian Vettel, Ferrari SF90
17/20

Foto de: Jerry Andre / Motorsport Images

18º - Charles Leclerc, Ferrari SF90 (Punido)

18º - Charles Leclerc, Ferrari SF90 (Punido)
18/20

Foto de: Glenn Dunbar / Motorsport Images

19º - Lance Stroll, Racing Point RP19

19º - Lance Stroll, Racing Point RP19
19/20

Foto de: Jerry Andre / Motorsport Images

20º - Valtteri Bottas, Mercedes AMG W10

20º - Valtteri Bottas, Mercedes AMG W10
20/20

Foto de: Mark Sutton / Motorsport Images

Próximo artigo
GALERIA: Após punição a Hamilton, confira o resultado do GP do Brasil de F1

Artigo anterior

GALERIA: Após punição a Hamilton, confira o resultado do GP do Brasil de F1

Próximo artigo

Vettel, Leclerc e Sainz não são punidos no Brasil; Hulk toma 5s

Vettel, Leclerc e Sainz não são punidos no Brasil; Hulk toma 5s
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1