Villeneuve: “Massa pode ser último grande piloto do Brasil”

Companheiro de Felipe em 2005 na equipe Sauber, canadense campeão em 1997 relembra bons momentos ao lado do brasileiro

Villeneuve: “Massa pode ser último grande piloto do Brasil”
Jacques Villeneuve,
Felipe Massa, Williams FW38
Felipe Massa, Williams
Jacques Villeneuve
Felipe Massa, Williams FW38
Helmets of Jacques Villeneuve and Felipe Massa
Felipe Massa and Jacques Villeneuve
Jacques Villeneuve
(L to R): Marc Gene, Ferrari Test Driver with Davide Valsecchi, Sky F1 Italia Presenter, Federica Masolin, Sky F1 Italia Presenter, and Jacques Villeneuve
Sauber photoshoot: Felipe Massa and Jacques Villeneuve pose with Sauber team members

A preocupação pelo futuro do Brasil na Fórmula 1 não está apenas na mente do torcedor brasileiro. O campeão de 1997, Jacques Villeneuve, também se confessou pessimista com o futuro do país na Fórmula 1 após a aposentadoria de Felipe Massa.

Perguntado pelo Motorsport.com em Interlagos sobre qual seria o legado de Felipe na F1, o campeão de 1997 disse que Massa pode ser lembrado nos próximos anos como o último bom nome do Brasil na categoria.

“Massa pode ser o último grande piloto brasileiro em muito tempo”, falou.

“Não há ninguém atrás dele. Temos tido uma grande história de pilotos brasileiros no decorrer dos anos, algo carregado até este ano. E não vejo nada vindo depois. Ele vai estar na história, com certeza.”

Na Fórmula 1 entre 1996 e 2006, Villeneuve foi companheiro de Massa na Sauber em 2005. Naquela temporada, o brasileiro derrotou o canadense por 11 pontos a 9 no campeonato de pilotos. Jacques recordou o tempo que passou ao lado de Felipe na F1.

“Foi muito divertido. Ele foi um grande companheiro de equipe, porque havia muito respeito entre nós, o que era bem legal.”

“Ele sempre trabalhou muito. Ele sabia o que queria aqui na Fórmula 1, era um piloto muito rápido. A energia foi muito boa, eu realmente gostei. Tive muitos companheiros de equipe, mas Felipe provavelmente foi o mais legal que tive.”

“Aquela não foi uma boa temporada, não tivemos um grande momento. O carro não era muito bom. Mesmo tendo sinergia com o companheiro, quando o equipamento não é bom não tem muito o quê você falar de bom.”

O canadense relembrou também o incidente que se envolveu com Massa, em Mônaco. Ambos disputavam posição dentro da zona de pontos, quando o Jacques tirou Felipe da pista por uma manobra na primeira curva da pista e acabou batendo.

“O pior momento daquele ano foi quando acabamos nos envolvendo em uma confusão em Mônaco. Não nos tocamos, mas nós dois saímos na primeira curva. Quando voltamos para o box, Peter (Sauber) gritou muito conosco (risos). Este foi o ponto baixo.”

O único ponto a lamentar para Villeneuve é o fato de Massa não ter sido campeão em 2008. “Ele está na Fórmula 1 há muito tempo e chegou em um ponto que está feliz para sair. Isso é bom. A única pena foi que ele não venceu o campeonato quando ele merecia, mas mesmo assim ele ainda teve uma grande carreira.”

compartilhar
comentários
Dennis recorre a tribunal para se manter na McLaren
Artigo anterior

Dennis recorre a tribunal para se manter na McLaren

Próximo artigo

Ecclestone diz que GP do Brasil está sob risco para 2017

Ecclestone diz que GP do Brasil está sob risco para 2017
Carregar comentários