Windsor: Russell está mostrando por que Hamilton queria Bottas na Mercedes

Incidentes entre os companheiros britânicos chamaram atenção nas últimas etapas da temporada 2023; saiba mais no Motorsport.com

Lewis Hamilton, Mercedes-AMG George Russell, Mercedes-AMG

Lewis Hamilton, Mercedes-AMG George Russell, Mercedes-AMG

Mark Sutton / Motorsport Images

Segundo o australiano Peter Windsor, jornalista de Fórmula 1 e ex-membro das equipes Williams e Ferrari na categoria, o piloto britânico George Russell, da Mercedes, "já está mostrando" por que o time favorecia o finlandês Valtteri Bottas nas negociações dos últimos anos.

O editor recomenda:

A fala de Windsor vem após novo momento de tensão entre o jovem inglês e seu companheiro e compatriota Lewis Hamilton no GP do Japão, depois de o veterano ter afirmado que poderia ter feito mais que Russell em Singapura, quando George bateu na briga pelo pódio em Marina Bay.

Na cidade-estado, Russell estava à frente de Hamilton quando ambos perseguiam o inglês Lando Norris, da McLaren, mas George não conseguiu passar e ainda bateu, de modo que Lewis herdou o pódio em Singapura. O heptacampeão, porém, fez questão de dizer que teria ultrapassado Norris.

Depois, em Suzuka, Russell estava à frente de Hamilton nos estágios finais da prova nipônica, mas com pneus mais velhos, com ritmo inferior. George, então, pediu que Lewis o protegesse do ataque do espanhol Carlos Sainz, que vinha logo atrás das Mercedes com sua Ferrari, mas não adiantou.

Na verdade, Hamilton logo disse que a tática não fazia sentido e Russell teve de se contentar com a ordem de ceder a posição ao veterano e com o fato de que Sainz também o passou, com George terminando em sétimo na terra do sol nascente. Mais um dia difícil para o jovem da Mercedes F1.

Para Windsor, ficou claro que o clima não está bom entre Russell e Hamilton: “Há claramente algo errado entre os dois, e isso não é bom. Suponhamos que a Mercedes tenha um carro que possa vencer o campeonato e que essas lutas sejam pelo título. Imagine o que pode acontecer".

“O bom é que [agora] são apenas ‘disputas menores’. Acho que a única coisa que poderia ser dita depois, na sala de reuniões, é: 'Isso é realmente tão importante?'. Então, se a Mercedes estiver realmente em uma situação em que poderá alcançar resultados mais sérios em 2024, como resolverá o desequilíbrio entre Lewis e George? Este é um problema realmente grande", seguiu o australiano em seu canal de YouTube.

"Lewis queria que ele (Valtteri) continuasse no time, não só porque gostava de Bottas, mas porque eles poderiam encontrar o equilíbrio certo para o time. Ele podia sentir isso. Acho que tudo ficou ainda mais evidente no GP do Japão", completou Windsor.

Russell chegou à Mercedes em 2022, substituindo Bottas, que defendeu a escuderia até o fim de 2021. Entretanto, para muitos, a ida de George para as Flechas de Prata apenas no ano passado foi muito demorada, uma vez que o jovem já mostrava ótimo desempenho desde 2019 na Williams.

Com isso, no fim de 2020, especialmente após Russell performar bem em substituição a Hamilton no GP de Sakhir, quando Lewis havia contraído Covid-19, falava-se da ida do júnior da Mercedes à equipe anglo-germânica já em 2021, mas Bottas acabou mantido por mais uma temporada.

Faça parte do Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast debate tensão interna na Mercedes e até quando Pérez 'sobrevive' na Red Bull

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte também do nosso canal no WhatsApp: clique aqui e se junte a nós no aplicativo!

Be part of Motorsport community

Join the conversation
Artigo anterior F1: Pérez diz que vai lutar pelo título de 2024 com a Red Bull
Próximo artigo F1: Entenda por que a Ferrari não compra o "conto de fadas" da McLaren

Top Comments

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Sign up for free

  • Get quick access to your favorite articles

  • Manage alerts on breaking news and favorite drivers

  • Make your voice heard with article commenting.

Motorsport prime

Discover premium content
Assinar

Edição

Brasil