FanBoost da F-E começa hoje; veja como votar nos brasileiros

Votação que dá potência extra aos competidores começa hoje e vai até os seis primeiros minutos de corrida

FanBoost da F-E começa hoje; veja como votar nos brasileiros
Bruno Senna, Mahindra Racing and Lucas di Grassi and Daniel Abt, ABT Schaeffler Audi Sport
Bruno Senna, Mahindra Racing
Nelson Piquet Jr., China Racing
Lucas di Grassi, ABT Schaeffler Audi Sport

O Fanboost da Fórmula E é o elemento que deixa o caminho mais estreito entre fã e piloto. Por causa da ajuda da torcida, três competidores podem ter definidas uma prova ou até mesmo o campeonato. 

Sabendo disso, cada um deles recruta sua base de fãs para conseguir os 100Kw a mais na prova para tentar aquela ultrapassagem que pode definir um melhor resultado.

A partir de hoje, basta entrar no www.fiaformulae.com/fanboost e votar em seu piloto favorito. 

A organização do campeonato mudou alguns tópicos, em relação à primeira temporada da F-E. A primeira novidade é a extensão do período de votação. Agora, o fechamento ocorre no sexto minuto após a largada, o que dá rendimento extra em apenas um dos carros aos contemplados, e não dois como era na temporada passada.

Além do site oficial da F-E, os torcedores poderão usar as redes sociais para ajudar na contabilização. Basta ir ao Twitter e/ou Instagram e citar #FanBoost e também uma hashtag com o nome completo do piloto. O fã mais ardoroso poderá dar um voto por dia pelas três plataformas: Twitter, Instagram e site oficial. 

Por exemplo: para votar nos brasileiros, basta incluir na mesma postagem #FanBoost e #LucasdiGrassi, #BrunoSenna ou #NelsonPiquet.

Outra mudança é no acompanhamento da disputa. Na primeira temporada somente nas últimas etapas era possível ver com antecedência como estava a disputa. A partir de hoje, qualquer pessoa pode ver este dado, inclusive com a porcentagem da briga.

Até o fechamento desta matéria, o português Antonio Felix da Costa liderava, com Jacques Villeneuve em segundo. Os brasileiros Nelson Piquet Jr. e Bruno Senna estavam empatados na terceira posição. Lucas di Grassi era apenas o décimo.

compartilhar
comentários
Austrália pode ter prova da Fórmula E
Artigo anterior

Austrália pode ter prova da Fórmula E

Próximo artigo

Em busca do bi, Nelsinho treina para estreia nas Maldivas

Em busca do bi, Nelsinho treina para estreia nas Maldivas
Carregar comentários