Últimas notícias

Nelsinho critica comissários por não punirem di Grassi

Nelsinho Piquet critica inconsistência dos comissários na Fórmula E após Lucas di Grassi manter pódio em Buenos Aires mesmo tendo sido liberado de forma perigosa dos boxes

Nelson Piquet, NEXTEV TCR Formula E Team, Spark-NEXTEV, NEXTEV TCR Formula 002

LAT Images

Nelson Piquet Jr., NEXTEV TCR Formula E Team
Nelson Piquet Jr., NEXTEV TCR Formula E Team
Lucas di Grassi, ABT Schaeffler Audi Sport leads the field at the start of the race
Driver parade
The grid
Nelson Piquet Jr., NEXTEV TCR Formula E Team
Lucas di Grassi, ABT Schaeffler Audi Sport
Nelson Piquet Jr., NEXTEV TCR Formula E Team
Nelson Piquet Jr., NEXTEV TCR Formula E Team
Nelson Piquet Jr., NEXTEV TCR Formula E Team
Nelson Piquet, NEXTEV TCR Formula E Team, Spark-NEXTEV, NEXTEV TCR Formula E Team Formula 002
Nelson Piquet, NEXTEV TCR Formula E Team, Spark-NEXTEV, NEXTEV TCR Formula 002

Nelsinho Piquet não está satisfeito com os comissários da Fórmula E. No último sábado (18), o piloto se viu envolvido em um lance com Lucas di Grassi, com quem entrou praticamente junto nos boxes para a troca de carro durante o ePrix de Buenos Aires.

A ABT Audi liberou di Grassi imediatamente à frente de Piquet, que vinha pelo pit lane após a troca. Os comissários investigaram o incidente e viram que o campeão da primeira temporada da F-E foi obrigado a frear para permitir que o compatriota saísse dos boxes.

Entretanto, di Grassi não foi punido com um drive-through ou acréscimo de tempo, como saídas perigosas dos boxes foram julgadas no passado. Em vez disso, os comissários deram uma reprimenda formal e uma multa a di Grassi, que terminou a prova em terceiro.

Para Piquet, é injusto dar punições diferentes para casos iguais. "Eles não demonstram consistência no que estão fazendo. Eles dizem que cada caso é um caso, mas neste especificamente é diferente - uma saída perigosa sempre será uma saída perigosa", disse Piquet ao Motorsport.com.

“É muito frustrante - gostaria que as regras fossem claras, mas estamos em uma zona cinzenta. Não sei como eles podem resolver isso, mas eles deveriam. Eles têm pessoas o suficiente, câmeras, GPS nos carros", afirmou.

Confusão com bandeira amarela

Durante a classificação, Piquet foi investigado pelos comissários por ter registrado o melhor tempo com bandeira amarela em um trecho da pista. O piloto não foi punido, mas reclamou dos comissários novamente por ter vivido uma situação que a direção de prova garantiu que não aconteceria.

“Eles nos disseram que a classificação teria bandeiras verdes ou vermelhas, não amarelas. Eu tirei o pé e, quando passei pela curva, não havia nada", contou.

“Foi algo que comprometeu meu tempo de volta e ainda fui chamado pelos comissários por não ter reduzido o suficiente em uma bandeira amarela que não deveria estar ali. É inacreditável que tenhamos de ouvir e passar por isso", criticou.

Satisfeito com melhora do carro

Piquet, que terminou a prova em quinto lugar, se mostrou satisfeito com a melhora do carro da NextEV. “A corrida em geral foi boa. A gente ainda teve um pouco de problemas com nosso powertrain, especialmente no início. Mas só de andar próximo dos líderes durante boa parte da prova já foi bem satisfatório", disse.

"Dá para perceber que não estamos longe e que, se realmente acertarmos tudo, com uma corrida limpa e uma classificação boa, temos chance de brigar pelo pódio constantemente. Claro que tem muitos carros no nível parecido e muitos pilotos bons, então realmente tudo precisa dar certo para estarmos entre os primeiros sempre”, afirmou.

“O carro está cada vez mais competitivo, mesmo com as restrições de upgrades impostas pelo regulamento. Estou otimista e vamos tratar de recuperar os pontos que perdemos nas duas primeiras provas, que poderiam ter sido parecidas com esta”, completou.

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior 3º, di Grassi reconhece superioridade da Renault
Próximo artigo Massa admite que teve conversas com Jaguar na F-E

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil