Se mantiver média, di Grassi chega a empate com Buemi em NY

compartilhar
comentários
Se mantiver média, di Grassi chega a empate com Buemi em NY
14 de jul de 2017 18:23

Brasileiro tem oportunidade de recuperação no campeonato com ausência do piloto suíço em ePrix do fim de semana

Lucas di Grassi, ABT Schaeffler Audi Sport
Daniel Abt, ABT Schaeffler Audi Sport, Lucas di Grassi, ABT Schaeffler Audi Sport
Lucas di Grassi, ABT Schaeffler Audi Sport
Lucas di Grassi, ABT Schaeffler Audi Sport
Lucas di Grassi, ABT Schaeffler Audi Sport
Lucas di Grassi, ABT Schaeffler Audi Sport

Lucas di Grassi tem oportunidade de ouro para sair de Nova York com a liderança do atual campeonato da Fórmula E. O líder da temporada, Sebastién Buemi, estará ausente da etapa de Nova York neste fim de semana, competindo pelo WEC em Nurburgring, o que significa que o brasileiro pode alcançar, ou até mesmo, assumir a ponta na classificação ao término da segunda corrida.

Buemi tem 157 pontos, contra 125 de di Grassi, uma diferença de 32. Como as provas nas ruas do Brooklin proporcionarão até 58 pontos, esta é a chance do piloto da Audi dar o pulo do gato.

A vitória dá 25 pontos e com os bônus de pole position (+3) e da volta mais rápida (+1), di Grassi pode virar o jogo para 183 a 157, faltando apenas a rodada dupla de Montreal, no último fim de semana do mês de julho.

Partindo para um campo mais realista, poderemos ter a competição empatada se di Grassi mantiver o mesmo ritmo do campeonato 2016/2017. A F-E teve até agora oito corridas e o brasileiro somou 125 pontos, média de 15,625 pontos por corrida. Como teremos rodada dupla nos Estados Unidos, ele poderá somar 31,25 pontos. Como não há pontuação quebrada, a diferença pode estar em zero ou em apenas em um ponto a favor de Buemi, dependendo do desempenho do seu principal concorrente.

Outro fato é que di Grassi construiu sua média atual com a presença de Buemi na pista. O piloto da Renault tem seis triunfos no campeonato, o que deixa o caminho aberto aos outros concorrentes, podendo deixar as coisas mais fáceis ao brasileiro.

Antes dos carros desfilarem em Nova York, di Grassi esbanjou otimismo quanto às suas possibilidades.

“Contando Nova York e Montreal, são quatro corridas. Então o nosso foco é vencer as quatro, independente da presença ou não do Buemi, porque com ou sem ele a competição ainda assim permanece bastante forte.”

“Estamos nos concentrando somente em nós mesmos. Nosso foco é vencer as corridas – e se não for possível, então queremos marcar o maior número possível de pontos que pudermos. É por isso que vamos lutar”, diz o piloto da ABT Schaeffler Audi Sport.

Coluna do Nelsinho: Por que adoro corridas de rua na F-E

Artigo anterior

Coluna do Nelsinho: Por que adoro corridas de rua na F-E

Próximo artigo

Lynn conquista pole em NY; Di Grassi larga em 10º

Lynn conquista pole em NY; Di Grassi larga em 10º
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula E
Evento ePrix de Nova Iorque
Localização Brooklyn Street Circuit
Pilotos Lucas di Grassi