Indy: Newgarden é pole e pode ser campeão, mas Palou é décimo; Castroneves larga em terceiro

Corrida derradeira da temporada definirá campeão do ano e acontece neste domingo, às 16h30, com transmissão da TV Cultura

Indy: Newgarden é pole e pode ser campeão, mas Palou é décimo; Castroneves larga em terceiro

Bicampeão da IndyCar, o norte-americano Josef Newgarden, da Penske, cravou a pole position para a etapa final do campeonato de 2021, disputada neste fim de semana em Long Beach, e segue vivo na briga pelo seu terceiro título na categoria de monopostos.

 

A segunda posição ficou com o neozelandês Scott Dixon, da Chip Ganassi. O terceiro é o brasileiro Hélio Castroneves, da Meyer Shank, à frente de Simon Pagenaud, francês da Penske, Félix Rosenqvist, sueco da Arrow McLaren, e Romain Grosjean, francês da Dale Coyne. Veja:

 

Nome

Tempo

Diferença

Voltas

Motor

Equipe

1

Josef Newgarden

1:08.2241

-

3

Chevy

Penske

2

Scott Dixon

1:08.4422

0.2181

3

Honda

Chip Ganassi 

3

Helio Castroneves

1:08.4827

0.2586

3

Honda

Meyer Shank 

4

Simon Pagenaud

1:08.6514

0.4273

3

Chevy

Penske

5

Felix Rosenqvist

1:08.7461

0.5220

4

Chevy

Arrow McLaren 

6

Romain Grosjean

1:08.7577

0.5336

3

Honda

Dale Coyne Racing

O treino

Leia também:

O primeiro grupo da parte inaugural da classificação contou com pilotos de destaque da categoria, como Álex Palou, espanhol da Chip Ganassi, Pato O'Ward, mexicano da Arrow McLaren, e também Newgarden, os três concorrentes à taça da temporada deste ano.

 

Líder do campeonato de 2021 com relativa 'folga' em relação aos adversários, Palou deu uma leve errada e quase bateu, como você vê no vídeo abaixo, mas seguiu adiante avançando em terceiro.

 

Além do jovem espanhol da Chip Ganassi, também avançaram os seguintes pilotos, conforme a ordem abaixo, com Newgarden, vencedor do título nas temporadas de 2017 e 2019, à frente do resto:

 

No segundo grupo, o destaque ficou para o norte-americano Colton Herta. O piloto da Andretti, que liderou os treinos livres 1 e 2, acabou eliminado, frustrando as boas expectativas que havia criado. Ele tocou o muro:

 

Entre os competidores do segundo grupo que foram adiante, Castroneves, vencedor da Indy 500 de 2021, além de Grosjean, ex-Fórmula 1 que correrá pela Andretti Autosport no próximo ano.

 

Na segunda parte da classificação, competiram alguns dos principais nomes da temporada 2021. Além dos postulantes ao campeonato e dos representantes de Brasil e França, o hexacampeão Dixon.

 

Outra importante figura que esteve na disputa foi Will Power, piloto australiano da Penske que foi campeão em 2014 e que teve toque com o britânico Jack Harvey, da Meyer Shank, no começo da sessão qualificatória deste sábado em Long Beach.

 

Alheios aos incidentes, dois concorrentes ao título ficaram 'pelo caminho' no Q2: Palou larga em décimo, dois postos atrás de O'Ward. Rumo à pole, Newgarden avançou à disputa decisiva -- que culminou em conquista da posição de honra -- em quinto lugar.

  Piloto Equipe Voltas Tempo Diferença Intervalo
1 France Romain Grosjean United States Dale Coyne Racing 7 1'08.177    
2 New Zealand Scott Dixon United States Chip Ganassi Racing 7 1'08.311 0.133 0.133
3 France Simon Pagenaud United States Team Penske 7 1'08.530 0.353 0.219
4 Brazil Hélio Castroneves United States Meyer Shank Racing 5 1'08.556 0.378 0.025
5 United States Josef Newgarden United States Team Penske 6 1'08.567 0.389 0.011
6 Sweden Felix Rosenqvist United States Arrow McLaren SP 7 1'08.629 0.451 0.062
7 Canada James Hinchcliffe United States Andretti Autosport 7 1'08.714 0.536 0.084
8 Mexico Patricio O'Ward United States Arrow McLaren SP 7 1'08.833 0.656 0.119
9 United Arab Emirates Ed Jones United States Dale Coyne Racing 7 1'08.879 0.702 0.045
10 Spain Álex Palou United States Chip Ganassi Racing 7 1'08.946 0.768 0.066
11 United States Ryan Hunter-Reay United States Andretti Autosport 6 1'09.133 0.955 0.186
12 Australia Will Power United States Team Penske 5 1'09.227 1.050 0.094

De todo modo, Palou só precisa chegar na 11ª posição para fazer 19 pontos, somar 536 e se sagrar campeão. Já O'Ward precisaria conquistar as 54 unidades em disputa do final de semana e torcer para Palou terminar da 12ª colocação para trás e não liderar nenhuma volta. Ou, então, o espanhol poderia ficar com o 13º posto, liderando 'apenas' uma volta. Assim, o vencedor da temporada seria O’Ward com 536 pontos, contra 535 de Palou.

Para Newgarden ser campeão, Palou pode chegar no máximo em 24º, fazendo seis pontos. Enquanto isso, o norte-americano terá de somar as 54 unidades possíveis. Assim, a dupla empataria em 523. O desempate é pelas melhores posições nos GPs. Como ambos teriam três vitórias, o número de segundos lugares determinaria o melhor e isso pesaria a favor do norte-americano, já que o piloto da Penske tem três segundos lugares, contra dois do espanhol.

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST #134: TELEMETRIA: Chuva em Sochi? Mercedes perderá invencibilidade? Rico Penteado responde

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
Indy: Grosjean correrá temporada completa pela Andretti em 2022

Artigo anterior

Indy: Grosjean correrá temporada completa pela Andretti em 2022

Próximo artigo

Indy: Herta vence em Long Beach e Palou é quarto para se sagrar campeão

Indy: Herta vence em Long Beach e Palou é quarto para se sagrar campeão
Carregar comentários