CBA revela que cancelamento de Mundial de Kart foi “unilateral” e “sem justificativa convincente”

Confederação emitiu nota explicando cancelamento e promete reunião com entidade máxima do automobilismo mundial para tratar do assunto

CBA revela que cancelamento de Mundial de Kart foi “unilateral” e “sem justificativa convincente”

O automobilismo brasileiro e sul-americano sofreu um duro golpe nesta sexta-feira (17). A FIA anunciou que o campeonato Mundial de Kart para as categorias OK e OK Junior que seria realizado no Speed Park foi cancelado, dando lugar a um novo evento em substituição na Espanha, em outubro. O evento no interior paulista seria de 2 a 5 de dezembro.

Leia também:

A Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA) e o Speed Park emitiram uma nota à imprensa, falando sobre o cancelamento. Segundo a entidade, foi uma decisão unilateral e “sem uma justificativa realmente convincente”. Além disso, os fabricantes italianos haviam anunciado que não estariam no evento.

Em seu comunicado, a FIA alegou que as restrições de viagens entre Brasil e a Europa atrapalhariam a logística para pilotos, equipes e organizadores. Vale lembrar que o GP de São Paulo de Fórmula 1 – em Interlagos - será realizado antes da data programada.

Veja a nota da CBA na íntegra:

A Confederação Brasileira de Automobilismo e o Speed Park lamentam informar que, por decisão unilateral e sem uma justificativa realmente convincente, a FIA cancelou nesta sexta-feira, 17, o Campeonato Mundial de Kart marcado para a cidade paulista de Birigui, de 2 a 5 de dezembro. O motivo alegado foi a Covid-19.

O cancelamento ocorre apenas dois dias após o encerramento das inscrições. Mesmo com a opção manifestada por fabricantes italianos de não comparecer ao evento, somente com pilotos brasileiros foi possível superar o grid mínimo, de 20 karts por categoria, imposto contratualmente pela própria entidade internacional. Os números preliminares apontavam 27 pilotos na categoria OK e 25 na OK Junior.

Os organizadores esperavam receber a relação oficial de inscritos na manhã de hoje, incluindo pilotos estrangeiros, cujas inscrições não foram submetidas ao controle da CBA. Extraoficialmente, seriam mais de 60 inscritos no total. Ao invés disso, a informação foi de cancelamento.

Um grande investimento foi feito para que o Kartódromo Speed Park estivesse pronto vários meses antes do Mundial e se tornasse uma das melhores estruturas do mundo. A logística também estava pronta, incluindo transporte de equipamento, hotelaria, alimentação, serviço de saúde, recepção de competidores e tudo o mais que diz respeito a um evento dessa magnitude.

Apesar do cancelamento, o kartismo brasileiro saiu desse episódio com moral elevada e união nunca antes verificada, pois mostrou ao mundo capacidade técnica, desportiva e de organização, mesmo diante de obstáculos que pareciam intransponíveis.

Está marcada uma reunião na próxima semana entre representantes da FIA, Speed Park e CBA para tratar do assunto.

Giaffone OPINA sobre BATIDA Verstappen/Hamilton, dá BASTIDORES dos comissários e projeta RIVALIDADE

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Caótico GP da Itália acirra ainda mais rivalidade Hamilton x Verstappen na F1

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

compartilhar
comentários
Mundial de Kart no Brasil é cancelado por restrições à pandemia

Artigo anterior

Mundial de Kart no Brasil é cancelado por restrições à pandemia

Próximo artigo

500 Milhas de Kart será em janeiro e abre calendário do kartismo nacional

500 Milhas de Kart será em janeiro e abre calendário do kartismo nacional
Carregar comentários