WEC: Negrão fala de caminho para superar Toyota em Le Mans

Piloto brasileiro da Alpine tenta terceira vitória no maior endurance do planeta, a primeira da história do Brasil na divisão máxima

WEC: Negrão fala de caminho para superar Toyota em Le Mans

Principal piloto brasileiro na temporada de 2020-21 do Mundial de Endurance (WEC), André Negrão chega a mais uma edição das 24 Horas de Le Mans com a dura missão de vencer a Toyota pela Hypercar. Com duas vitórias do evento na LMP2 e um título da divisão em 2016 na bagagem, o piloto se junta, mais uma vez, a Nicolas LapierreMatthieu Vaxivière no Alpine A480 para a prova deste fim de semana.

No atual campeonato, o trio subiu ao pódio nas três corridas disputadas até então e superou em duas ao menos um dos carros da rival japonesa: Spa-Francorchamps, à frente de Mike Conway, Kamui Kobayashi e José María López, e Monza, vencendo Sébastien Buemi, Brendon Hartley e Kazuki Nakajima.

Leia também:

Em coletiva de imprensa nesta terça-feira (17), Negrão deu detalhes sobre as chances contra a Toyota de acordo com as condições de corrida. Além de revelar uma nova regra para o evento de 2021 que pode equilibrar a disputa.

"Aqui em Le Mans são três safety cars: A, B e C, e a partir desse ano, colocaram a configuração: líder no safety car A, e a gente, por exemplo, no B. Poderia sair do meu quando autorizado após eles alcançarem o A", disse o piloto. "Se a gente ficar uma volta de diferença entre os pit stops a chance de ganhar é grande, mas se passar de duas, já era, porque no final o gap de stint seria enorme."

"Então esse gap vai diminuir. Obviamente, se já tiver uma volta sobre mim, já era, mas caso esteja na mesma volta, isso vai acontecer. Eu vou poder ir até o safety car A a partir do momento que a torre deixar. É uma coisa nova do WEC esse ano."

Caso vença, Negrão seria o primeiro brasileiro na história a triunfar nas 24 Horas pela categoria máxima e completaria a "dobradinha" de vitórias nas duas principais divisões: Hypercar e LMP2.

"É curioso como a minha carreira me trouxe até aqui, até esta prova", relembrou André. "Eu, como todo brasileiro, sonhava com a Fórmula 1, mas foi aqui, no endurance, que eu me achei. Le Mans é o troféu máximo que eu poderia almejar."

"Durante o ano, todo o nosso trabalho é voltado para essas 24 horas. Aqui é o tudo ou nada. Só de estar lá já é um grande momento na vida de um piloto. Já vi muita gente chorando como criança só por completar a prova. Isso diz muito sobre o evento", concluiu.

F1: Burti revela início DIFÍCIL com GALVÃO e traz história INCRÍVEL de como conseguiu vaga na GLOBO

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Qual piloto merece uma segunda chance na F1?

 

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
WEC: Confira horários e grid completo das 24 horas de Le Mans, com seis brasileiros
Artigo anterior

WEC: Confira horários e grid completo das 24 horas de Le Mans, com seis brasileiros

Próximo artigo

Le Mans: Alonso guiará Alpine em evento das 24 Horas de Le Mans

Le Mans: Alonso guiará Alpine em evento das 24 Horas de Le Mans
Carregar comentários