Crutchlow: "se tivesse sido esperto, teria brigado por pole"

Segundo no grid para o GP da Austrália, Cal Crutchlow lamentou não ter seguido o próprio instinto durante o Q2 e seguido com pneus de pista molhada; britânico acredita que poderia ter brigado pela pole com pneu slick na dianteira

Crutchlow: "se tivesse sido esperto, teria brigado por pole"
Eugene Laverty, Aspar MotoGP Team, Cal Crutchlow, Team LCR Honda
Cal Crutchlow, Team LCR Honda
Cal Crutchlow, Team LCR Honda
Cal Crutchlow, Team LCR Honda
Cal Crutchlow, Team LCR Honda
Cal Crutchlow, Team LCR Honda
Cal Crutchlow, Team LCR Honda
Carregar reprodutor de áudio

Mesmo passando pelo Q1, Cal Crutchlow obteve um bom resultado na classificação para o GP da Austrália, realizada neste sábado (22). Após se juntar ao grupo que brigaria pela pole position, o britânico terminou com a segunda posição no grid de largada, a 0s792 de Marc Márquez, o pole.

Entretanto, Crutchlow não terminou o dia totalmente satisfeito, pois acredita que se tivesse seguido a intuição e colocado pneus slick tanto na dianteira quanto na traseira, poderia ter brigado pela primeira posição com o recém-coroado campeão da temporada 2016 da MotoGP - o piloto da LCR optou, no fim, por uma combinação de intermediário na dianteira e slick na traseira.

“Estamos um pouco desapontados com o resultado de hoje. Se tivesse sido esperto, poderia ter brigado pela pole. Normalmente, sou o primeiro a tentar usar os slicks. Deveria ter seguido o meu instinto", reconheceu.

“Após o Q1, pensei 'vamos com os slicks', mas mudei de ideia e foi uma decisão equivocada. Perdi um pouco de desempenho, mas fiz um bom trabalho com os pneus que tinha. No fim das contas, Marc (Márquez) conseguiu uma grande volta", disse.

“Temos enfrentado situações complicadas durante todo o final de semana. De qualquer forma, não deveríamos ter sido obrigados a participar do Q1, mas eu escolhi os pneus errados na hora errada durante o TL3", afirmou.

Crutchlow, por fim, destacou que ainda é incerto se Márquez terá adversários pela vitória se a pista estiver seca. "Amanhã será uma loteria. Marc pode disparar na frente ou podemos seguir com ele e ficar na briga. O ponto é que ainda não sei como serão as coisas amanhã", completou.

compartilhar
comentários
Rossi: "realizar corrida duas horas mais tarde é perigoso"
Artigo anterior

Rossi: "realizar corrida duas horas mais tarde é perigoso"

Próximo artigo

Pole, Márquez diz: “sem título, não teria arriscado tanto"

Pole, Márquez diz: “sem título, não teria arriscado tanto"
Carregar comentários