MotoGP GP do Catar

MotoGP: Martín alega que título de 2023 foi "roubado" dele; entenda

Decisão ficou para Valência, mas Francesco Bagnaia tem uma vantagem de 21 pontos

Jorge Martin, Pramac Racing

Jorge Martín, da Pramac, mirou na Michelin, fornecedora oficial de pneus da MotoGP, quando problemas nas 'gomas' no GP do Qatar o deixaram em 10º, dizendo que “eles roubaram” dele o título de 2023.

Leia também:

Martín 'reinou' na sprint de sábado no GP do Catar para reduzir a vantagem em relação à Francesco Bagnaia no campeonato para sete pontos e forçar a batalha pelo título até Valência na próxima semana. Mas no GP de domingo, Martín lutou desde o início e terminou a 14s819 do vencedor Fabio Di Giannantonio em 10º, com a sua desvantagem para Bagnaia – que estava em segundo – crescendo para 21 pontos.

Martín culpou o pneu traseiro que “estava como uma pedra” desde o início da corrida de 22 voltas e se enfureceu com a Michelin – embora tenha se recusado a nomear o fornecedor do pneu.

“Bem, eu não sei. É difícil de entender. Parece que esqueci de andar”, começou ele. “Acho que você podia ver na largada quando o pneu traseiro começou a girar, era como uma pedra. Normalmente isso acontece quando a pista está suja. Não foi e quando o pneu talvez tivesse 30 voltas e não porque era novo."

“Então, você pode adivinhar o que aconteceu por conta própria. A partir daí tentei controlar um pouco, mas senti que estava batendo na traseira em todas as curvas. É uma pena que um campeonato como este, depois de uma temporada tão boa, trabalhando duro, sinto que eles [Michelin] roubaram de mim porque acho que poderia fazer isso [vencer] antes desta corrida. Agora é muito difícil. Então tanto faz. Acho que é difícil saber exatamente o que aconteceu.”

Martín acrescentou que o problema só surgiu na largada e “depois de três voltas entendi que era impossível fazer o mesmo” como fez na sprint. No momento do seu depoimento à imprensa, ele ainda não tinha falado com a Michelin, mas disse que é “inaceitável que um campeonato de MotoGP seja decidido por um pneu”.

Na sexta-feira, no Qatar, Martín queixou-se de falta de aderência traseira, enquanto Bagnaia lutou para ganhar ritmo na sprint devido ao mesmo problema. Pneus problemáticos comprometeram as corridas dos pilotos no passado, mas quando questionados sobre o que podem fazer para acabar com este problema, o espanhol respondeu: “Acho que eles nem entendem o que aconteceu."

“Acho que eles não querem decidir um campeonato. Eles querem ser competitivos. Penso que sim, espero que sim, que queiram dar-nos as mesmas condições. Mas perdi 1s5 de ritmo em um dia. Acho que não esqueci como pilota e acho que eles precisam melhorar e analisar para que isso não aconteça novamente no futuro. Espero poder lutar por campeonatos no futuro, mas hoje sinto uma grande perda porque é muito difícil [ganhar o campeonato] agora.”

O piloto da Pramac estava convencido de que poderia ter vencido seus rivais no domingo em circunstâncias normais e diz que as emoções que sentiu foram “como um relacionamento” em 40 minutos. “Em algum momento comecei a rir, porque não é que eles me venceram na pista”, disse ele.

“Com as mesmas condições, acredite, conseguiria vencê-los hoje. Mas fiquei frustrado, fiquei desapontado. Foi como um grande relacionamento, mas apenas por 40 minutos. Eu tive todos os momentos. Estou frustrado com certeza porque acho que também mereço este campeonato e perdemos uma grande parte hoje.”

Vegas CALOU CRÍTICOS ou foi VERSTAPPEN que animou o GP? Hamilton mandou INDIRETA para Max? | Porsche

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

 

Podcast #256 – Quais as chances do GP de Las Vegas se tornar um fiasco?


ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior MotoGP: Bagnaia ganha 'respiro' e decisão de título fica para última etapa; confira mundial
Próximo artigo MotoGP - Espargaró dispara contra Morbidelli: "Não tem respeito por ninguém"

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil