MotoGP: Honda confirma que conversa com Mir e Rins para 2023

Mas Alberto Puig, chefe da equipe, afirmou que Honda terá calma na hora de avaliar formação das duplas para o próximo ano

MotoGP: Honda confirma que conversa com Mir e Rins para 2023
Carregar reprodutor de áudio

A confirmação da Suzuki sobre seus planos de sair da MotoGP no fim de 2022 pegou de surpresa todo o paddock, mas já está incendiando o mercado de pilotos. Alberto Puig, chefe da Honda, confirmou que a montadora conversa com Joan Mir e Álex Rins para uma possível incorporação no próximo ano.

Mas o melhor posicionado para correr ao lado de Marc Márquez na Honda parece ser o campeão de 2020, Mir, que já negociou no passado com a montadora japonesa. Puig havia oferecido ao espanhol uma vaga na equipe satélite, a LCR, para sua estreia na MotoGP em 2019.

Leia também:

No final, essa conversa não atraiu muito Mir, que preferiu ir para a Suzuki, que lhe deu uma GSX-RR na equipe oficial, que lhe rendeu o título em 2020.

No cenário atual, tudo parece apontar para Mir na formação da equipe oficial da Honda, enquanto Márquez já possui um contrato garantido com a montadora até o fim de 2024, deixando em aberto o futuro de Pol Espargaró.

Sem dar muitas pistas sobre o que rola nos bastidores, Puig afirmou que recebeu ligações dos empresários de Mir e Rins, e que iniciou um diálogo que deve se desenvolver nas próximas semanas e meses, com um futuro indefinido.

"Mir e Rins nos contataram e temos mantido algumas conversas com eles, porque a Honda sempre escuta os pilotos que a procuram", reconheceu. "De qualquer forma, a saída da Suzuki não muda nada em nosso enfoque. Já decidimos há algum tempo que, neste ano, vamos ter calma para analisar a situação dos pilotos, esperando um pouco mais que o normal para nos decidirmos".

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST #177 - Red Bull 'roubou' status de favorita ao título da Ferrari?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
MotoGP: Márquez admite que não brigará por título de 2022
Artigo anterior

MotoGP: Márquez admite que não brigará por título de 2022

Próximo artigo

MotoGP: Bagnaia garante pole para o GP da França em dobradinha da Ducati; Quartararo é 4º

MotoGP: Bagnaia garante pole para o GP da França em dobradinha da Ducati; Quartararo é 4º