MotoGP
30 abr
-
03 mai
Próximo evento em
32 dias
R
GP da França
14 mai
-
17 mai
Próximo evento em
46 dias
R
GP da Itália
28 mai
-
31 mai
Próximo evento em
60 dias
04 jun
-
07 jun
Próximo evento em
67 dias
R
GP da Alemanha
18 jun
-
21 jun
Próximo evento em
81 dias
R
GP da Holanda
25 jun
-
28 jun
Próximo evento em
88 dias
R
GP da Finlândia
09 jul
-
12 jul
Próximo evento em
102 dias
R
GP da República Tcheca
06 ago
-
09 ago
Próximo evento em
130 dias
R
GP da Áustria
13 ago
-
16 ago
Próximo evento em
137 dias
R
GP da Grã-Bretanha
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
151 dias
R
GP de San Marino
10 set
-
13 set
Próximo evento em
165 dias
R
GP de Aragón
25 set
-
27 set
Próximo evento em
180 dias
R
GP do Japão
15 out
-
18 out
Próximo evento em
200 dias
R
GP da Austrália
23 out
-
25 out
Próximo evento em
208 dias
R
GP da Malásia
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
214 dias
13 nov
-
15 nov
Próximo evento em
229 dias
R
GP da Argentina
20 nov
-
22 nov
Próximo evento em
236 dias
R
GP de Valência
27 nov
-
29 nov
Próximo evento em
243 dias

Pole position, Márquez destaca condição “assustadora”

compartilhar
comentários
Pole position, Márquez destaca condição “assustadora”
Por:
27 de out de 2018 06:49

Espanhol conquista pela quinta vez seguida posição de honra em Phillip Island apesar de garoa no Q2

Parece que não tem para ninguém. Marc Márquez conquistou mais uma pole position neste sábado (27). Desta vez, em uma das pistas mais favoráveis para ele em toda a sua carreira no mundial.

Foi nada menos que a quinta pole seguida de Márquez na Austrália e sua sexta nesta temporada que já o coroou como pentacampeão de MotoGP.

No entanto, o espanhol disse que não foi fácil ser o mais rápido no Q2 devido a uma chuva intermitente que caia e parava. Para o 93, sua pole position foi “assustadora”.

“Esta classificação foi a condição mais difícil que tivemos o ano todo”, iniciou.

“Especialmente porque foi assustador – mesmo depois de ganhar o título e tudo. Mas quando você anda nessas condições e em uma pista que você faz curvas durante a volta toda a mais de 200 km/h, é difícil.”

“Quando você vê pingos de chuva na viseira, você não sabe qual é o limite, mas, ainda na primeira tentativa, em uma volta parou de chover completamente e dei tudo o que tinha naquela volta porque sabia que a pista ainda estava seca.”

“Mas aí na segunda volta começou a cair mais chuva. Eu conseguia ser rápido, mas não mais do que em minha primeira tentativa.”

“Apenas fiz um tempo competitivo e tomei cuidado porque a corrida é só amanhã.”

Próximo artigo
3º, Zarco vê possibilidade de lutar pelo pódio na Austrália

Artigo anterior

3º, Zarco vê possibilidade de lutar pelo pódio na Austrália

Próximo artigo

Viñales lamenta chuva no Q2: “não consegui terminar a volta”

Viñales lamenta chuva no Q2: “não consegui terminar a volta”
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Evento GP da Austrália
Autor Gabriel Lima