MotoGP
R
GP da Grã-Bretanha
27 ago
Canceled
15 out
Evento encerrado
16 out
Evento encerrado
R
GP da Austrália
23 out
Canceled
R
GP da Malásia
29 out
Canceled
R
GP da Europa
06 nov
Próximo evento em
13 dias
R
GP de Valência
13 nov
Próximo evento em
20 dias
R
GP de Portugal
20 nov
Próximo evento em
27 dias

Quartararo vê Mir como principal rival na luta pelo título da MotoGP: "É o mais forte"

compartilhar
comentários
Quartararo vê Mir como principal rival na luta pelo título da MotoGP: "É o mais forte"
Por:

Piloto francês venceu pela terceira vez no ano e reassumiu a liderança, com oito pontos a frente de Joan Mir

Fabio Quartararo voltou a vencer na MotoGP ao triunfar pela terceira vez na temporada 2020 no último domingo (27) no GP da Catalunha. E agora que ocupa novamente a liderança do Mundial, o francês já analisa com mais cuidado seus concorrentes. Para ele, um se destaca como o principal rival: Joan Mir, da Suzuki.

Essa foi a primeira vitória do francês desde a rodada dupla de Jerez, quando dominou e parecia que seria o franco favorito ao título. Porém, nas provas seguintes, teve performances abaixo do esperado, perdendo a liderança do Mundial para Andrea Dovizioso, o que rendeu uma cutucada de Marc Márquez, que disse que "esperava mais" do piloto da Petronas.

Leia também:

Com a vitória, ele tem agora 108 pontos no Mundial, oito a mais que Mir, que acumula quatro pódios nas últimas cinco corridas.

"Hoje fui muito bem. Passei por momentos difíceis e ganhar em uma das minhas pistas favoritas é espetacular. Tivemos problemas com os pneus no final e os caras que estavam comigo no pódio [Mir e Rins] tinham condições melhores no final. São 25 pontos muito importantes".

"Eu vi Joan [Mir] falando que não é candidato ao título. Eu não vejo assim. Ele está na disputa pelas boas performances. Na Áustria, a vitória seria dele, é um piloto muito rápido e consistente. Para mim, é o mais forte ou um dos mais fortes na luta".

Quartararo baseou a vitória em sua boa saída, assumindo a primeira posição o mais rápido possível.

"É verdade que em volta rápida somos muito fortes, e é isso que falei com Joan e Álex. Temos os melhores sábados mas, na corrida, temos menos performance que eles [Suzuki]. Temos que lidar melhor com essas situações".

O piloto da Petronas ainda falou sobre a sensação de correr em casa na próxima etapa, o GP da França.

"Le Mans é uma pista boa para nós. Sempre tive boas sensações lá, mas vamos esperar o tempo para ver. Chegar em Le Mans em outubro, em meio ao frio que sempre faz ali, será difícil. Teremos alguns fãs, espero que eles deem um pouco de calor", brincou.

PÓDIO: Hamilton é punido e Bottas vence na Rússia, com Verstappen em segundo

PODCAST: Qual é o limite de Max Verstappen na Red Bull?

 

VÍDEO: Fernández quase 'pega fogo' na Moto2; Rossi cai na MotoGP

Artigo anterior

VÍDEO: Fernández quase 'pega fogo' na Moto2; Rossi cai na MotoGP

Próximo artigo

MotoGP: Ducati confirma duplas para 2021 com Bagnaia ao lado de Miller na equipe oficial e nomes da Moto2

MotoGP: Ducati confirma duplas para 2021 com Bagnaia ao lado de Miller na equipe oficial e nomes da Moto2
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Evento GP da Catalunha
Sub-evento Race
Localização Circuit de Barcelona-Catalunya
Pilotos Fabio Quartararo
Autor Germán Garcia Casanova