MotoGP
15 out
Evento encerrado
18 out
Evento encerrado
25 out
Evento encerrado
R
GP da Austrália
23 out
Canceled
08 nov
Evento encerrado
22 nov
Evento encerrado

Viñales: “Não foi fácil renovar com a Yamaha”

compartilhar
comentários
Viñales: “Não foi fácil renovar com a Yamaha”
Por:

Com o anúncio de sua renovação para 2021 e a saída de Valentino Rossi da equipe oficial, Maverick Viñales assume a função de primeiro piloto na Yamaha

O Maverick Viñales vai para sua quarta temporada na Yamaha com a renovação para 2021 e 2022 já no bolso, uma situação que, combinada com os eventos que levaram Fabio Quartararo à equipe oficial no próximo ano no lugar de Valentino Rossi, fazem do jovem piloto espanhol o mais experiente da equipe de fábrica.

"Não foi fácil renovar com a Yamaha, porque antes eu precisava esclarecer alguns pontos com eles. Criamos uma equipe muito forte, na qual cada pessoa tem um papel importante e tem um grande peso", falou o piloto nesta quinta-feira em Sepang, após a apresentação da equipe.

Leia também:

O espanhol concorda com a decisão tomada pela Yamaha, com base nos resultados.

"Nos últimos dois anos, fomos os únicos pilotos que venceram corridas com o M1. Fiquei surpreso com o esforço que eles fizeram. Era muito importante para a Yamaha continuar com um piloto que conhece bem esta moto", argumentou. Uma confiança que o piloto deve tratar de devolver na forma de resultados. "Neste ano me sinto muito mais preparado que nos anteriores".

Uma das novidades para 2020 são os novos pneus da Michelin, com características que podem ajudar a melhorar a tração e a aderência: "Desde as primeiras voltas com os novos pneus meu senti bem".

Quando perguntado sobre onde precisa focar para conseguir melhores resultados, Maverick apontou uma saída: "Tenho que tratar de fazer uma classificação boa, saindo em primeiro ou segundo, porque sempre que fiz isso fui bem e bastante competitivo".

Ele espera poder contar com o sistema de saída implementado pela Ducati no ano passado, que baixa a moto para conseguir uma melhor aderência: "Esperamos ter o holeshot já na primeira corrida".

Sobre a pressão que terá a partir de agora, Viñales não se rebaixa: "Me sinto bem quando estou sob pressão, vou pior quando não tenho. Que a Yamaha continue me dando a responsabilidade que me deram". E o seu objetivo segue sendo o título. "Este ano é uma grande oportunidade de lutar pelo mundial. Tenho três oportunidades para conseguir", concluiu.

Veja as imagens do lançamento da nova M1 da Yamaha

Maverick Vinales e Valentino Rossi com a nova M1 da Yamaha Factory Racing

Maverick Vinales e Valentino Rossi com a nova M1 da Yamaha Factory Racing
1/8

Foto de: Lewis Duncan

Maverick Vinales com sua nova M1

Maverick Vinales com sua nova M1
2/8

Foto de: Lewis Duncan

Maverick Vinales com sua nova M1

Maverick Vinales com sua nova M1
3/8

Foto de: Lewis Duncan

Maverick Vinales e Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing

Maverick Vinales e Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
4/8

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

Maverick Vinales, Yamaha Factory Racing

Maverick Vinales, Yamaha Factory Racing
5/8

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing

Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
6/8

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing

Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
7/8

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

Jorge Lorenzo com Valentino Rossi na apresentação da Yamaha

Jorge Lorenzo com Valentino Rossi na apresentação da Yamaha
8/8

Foto de: MotoGP

Rossi: "Yamaha me tornou dono do meu próprio destino"

Artigo anterior

Rossi: "Yamaha me tornou dono do meu próprio destino"

Próximo artigo

Álex Rins: “Na Suzuki já sabem o que quero para renovar”

Álex Rins: “Na Suzuki já sabem o que quero para renovar”
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Evento Lançamento Equipe Yamaha
Autor Oriol Puigdemont