Porsche Cup Goiânia (Endurance)

Feldmann e Salas vencem 300 km de Goiânia pela Porsche Endurance Challenge

Vitória na divisão Challenge fica para o carro #145, de Carlos Renaux e Luiz Razia

Pódio da Porsche Cup em Goiânia

A segunda etapa da Porsche C6 Bank Mastercard Endurance Challenge foi intensa do início ao fim, com as 79 voltas completadas em ritmo de evento de sprint.

No fim do dia prevaleceu a dupla do Porsche #1, Alceu Feldmann e Gui Salas, pilotos que haviam vencido também na abertura do campeonato em Termas de Río Hondo e despontam como favoritos ao abrir 27 pontos de vantagem sobre a dupla do carro #99, Jeff Giassi e Nicolas Costa, que terminou em terceiro lugar. Entre eles, recebeu a bandeira quadriculada o #7, de Miguel Paludo e Dennis Dirani.

Leia também:

Na divisão Challenge, a vitória coube à tripulação do carro #145, com Carlos Renaux e Luiz Razia. Eles tiveram uma prova limpa e despontaram na segunda metade, para vencer pela primeira vez e apagar uma memória ruim que vinha desde a Argentina, quando abandonaram no início.

A liderança no campeonato é do #199, de Renan Guerra e Nelson Marcondes, piloto que escreveu mais um capítulo de sua história na Porsche Cup em Goiânia. Nelsinho venceu seu primeiro título com uma etapa de antecipação nesta pista e, na semana passada, saiu ileso de um violento acidente que desintegrou a barreira de pneus na saída da curva 3.

Disputada sob temperatura ambiente superior a 30 graus e acima de 50 graus no asfalto, a jornada em Goiânia foi agressiva para pilotos, carros e especialmente para os pneus.

Carros postulantes à vitória acabaram frustrados por pneus furados durante a corrida, como o Porsche pole-position #8, de Ricardo Zonta e Werner Neugenauer, e o até então líder do campeonato, #26, de Chris Hahn e Diego Nunes.

Como em toda boa corrida de longa duração, a estratégia mais uma vez foi um fator determinante. Neste aspecto, ponto para a tripulação do carro #73, composta por Enzo Elias e Adroaldo Weisheimer. Enzo prolongou seu primeiro stint além de 30 voltas, avançando de 13º no grid para a liderança.

Entregou o carro para o primo em primeiro lugar, com uma vantagem robusta o suficiente para assegurar a pontuação máxima pela vitória no primeiro segmento. No fim o #73 recebeu a bandeirada em quinto, ganhando a classe Carrera Rookie.

Outro time sagaz no planejamento de paradas foi o #88, de Georgios Frangulis e Cesar Ramos. Depois de uma tocada segura, Frangulis inaugurou a janela de paradas obrigatórias na volta 16, permitindo a Ramos retornar para a pista fora do tráfego.

O “Grego” então teve mais um stint sólido, devolvendo o carro para Cesar completar as 16 voltas finais em ritmo de classificação, saltando de nono para quarto na fase final da prova. Assim a dupla garantiu a vitória na classe Carrera Sport.

A vitória na classe Challenge Sport ficou com o #777, de Josimar Junior e Sergio Ramalho. Foi a segunda vitória de Josimar em duas semanas na pista de Goiânia, uma vez que no sábado da semana passada ele havia triunfado na Porsche Cup pela primeira vez largando da pole na etapa de sprint (tanto em seu subcampeonato quanto no geral).

Já a classe Challenge Rookie teve diversas alternâncias de líderes e algumas escapadas de pista. No fim prevaleceu quem foi mais constante e não errou: a dupla do Porsche #002, de Junior Dinardi e Yuri Alves.

A Porsche Cup C6 Bank Mastercard retorna para a decisão de seu campeonato de sprint no evento suporte do GP São Paulo de F1, entre 11 e 13 de novembro em Interlagos.

A corrida

O pole Ricardo Zonta tratou de tomar a linha interna na curva 1, mas Diego Nunes veio com muita ação com o carro #26 e fez as duas primeiras curvas emparelhado com o Porsche #8. Gui Salas assumiu a terceira posição com o #1, seguido de Rafa Suzuki e Miguel Paludo.

O safety car logo foi acionado, para resgate do carro de Piero Cifali que acabou no muro da reta principal após contato com o Porsche de Ricardo Fontanari.

A relargada veio uma volta depois, com o top 5 inalterado. Logo atrás, Enzo Elias escalava o pelotão. O #73 tinha largado em 13º e aparecia em sexto na abertura da quarta volta. Salas nesta mesma volta passou Diego para ser vice-líder, em disputa que favoreceu Zonta à frente, já com vantagem de 1s.

Pela divisão Challenge a liderança era do carro pole, o #199, de Renan Guerra. Sergio Jimenez vinha 0.8s atrás.

Em questão de três voltas, Salas alcançou Zonta e abriu ataque. Mas o ex-F1 era hábil na defesa. Enzo Elias passou Paludo e Suzuki na volta 8, para ser quarto.

Na volta 9, houve troca da liderança na Challenge, com Jimenez passando Guerra. Na volta 12, Enzo passou Diego, levando o #73 ao terceiro lugar. Na seguinte, William Freire passou Suzuki no S de baixa, ingressando no top 5 com o #77.

Suzuki levou o #70 aos pits com problemas, e Lucas Salles saiu no carro reserva. No fim do primeiro stint, Zonta perdeu tempo trancado por um retardatário, o que permitiu a Salas e Enzo encostarem na disputa pela liderança.

Boa parte do grid havia ingressado nos pits para a primeira parada obrigatória por volta da vigésima passagem. Zonta seguiu na pista até a 24ª. Salas e Enzo seguiram na pista, discutindo a liderança entre os carros #1 e #73. Salas parou na volta 26. Elias seguiu até a 33ª. Jimenez, liderando na Challenge, entrou para pit na mesma volta.

Já em disputa válida no segundo stint, Chris Hahn passou Werner Neugebauer. Feldmann saiu dos pits na frente do #26 e do #8.

Mas quem saiu na liderança para o segundo stint foi o #73, com meia reta de vantagem sobre o #1 a seis voltas do fim do segmento.

Com o pelotão reordenado, a liderança era de Adroaldo Weisheimer, com Alceu Feldmann em segundo e Chris Hahn em terceiro. Werner e Dennis Dirani completavam o top5.

Na volta 39 Hahn escapou da pista com pneu furado, perdendo valiosas posições antes do fim do segmento.

Veio a bandeira verde e amarela quadriculada, com vitória do carro #73 no segmento inicial. A seguir vinham os carros #1, #8, #7 e #29. O carro de Enzo e Adroaldo tinha também a liderança e a vitória no segmento na classe Rookie. Na classe Sport, a liderança era do #77, àquela altura com Chico Horta.

Pela divisão Challenge, o #555 levantou o segmento, à frente do #199. A Challenge Sport tinha liderança do#777 e a Rookie, do #002.

Feldmann alcançou Adroaldo na volta 45 e assumiu a liderança no fim da reta. Dennis Dirani vinha na mesma balada com o#7, que recolheu para os pits para a segunda parada.

Na abertura da volta 47, Zonta e Barrichello saíram juntos dos pits. Mas o #3, que já havia tido um problema no primeiro pit com uma parada inválida por ser curta demais, teve o capô erguido pelo vento, exigindo de Rubinho uma nova passagem pelo box para fixação da peça.

Na volta 50 a maioria dos carros havia cumprido o segundo pit obrigatório. O pega da corrida naquele momento era entre Zonta e Paludo, pelo oitavo posto. Paludo perdeu tempo atrás de um retardatário, e Zonta foi oportunista na tomada da curva da vitória. O gaúcho conseguiu dar o troco no fim da reta, mas Zonta devolveu a gentileza três curva mais a frente.

O ex-F1 tinha bom ritmo, tanto que conseguiu passar o #1 quando Salas abria o terceiro stint. Mas o piloto do #1 era insistente e logo tentou o ataque novamente. Zonta fechou a porta, e Salas perdeu a frente do carro, atravessando a tomada da curva. Assim o #8 ganhou terreno e o #7 alcançou Salas.

Na volta 60, Zonta ficou travado meia volta atrás de um retardatário. Salas recuperou o gap e atacou antes da curva da vitória, assumindo o segundo lugar –que logo virou primeiro com a parada de Weisheimer. Paludo entrou nos pits na volta 60, mesma em que o #8 se arrastava na pista com o pneu traseiro direito destalonado.

A 20 voltas do fim a ordem da corrida apresentava no top5: Salas, Enzo Elias (liderando na Rookie), Chico Horta (liderando na Sport), Georgios Frangulis e Diego Nunes. Na divisão Challenge, Luiz Razia liderava com 15º no geral. Josimar Junior liderava na Sport, em 18º, e Junior Dinardi na Rookie uma posição atrás.

Na volta 65 o #73 retornou à liderança, favorecido por duas voltas mais rápidas consecutivas de Enzo Elias e pela parada do #1 para o último pit obrigatório.

Feldmann reassumiu a ponta a dez da bandeirada, quando todos os concorrentes já tinham cumpridos as paradas mandatórias. Dennis Dirani vinha tirando a vantagem, que era de 7.121. O #73 era o terceiro, com o #99 de Nicolas Costa em quarto e o #77 de Chico Horta em quinto. Na divisão Challenge, a liderança era do #145, com Carlos Renaux.

A cinco voltas do fim, Cesar Ramos tirou o quinto lugar (e a liderança na classe Carrera Sport) de Chico Horta.

As últimas três voltas tiveram outras duas mudanças no top 5, com Nicolas Costa passando Adroaldo para ser terceiro e Cesar Ramos passando o #73 para ser quarto.

O top 5 da etapa mostrou vitória para o #1, repetindo o resultado de Termas de Río Hondo, segundo lugar para o #7. Os carros #99, #88 (vencendo na Sport) e #73 (vencendo na Rookie) vieram a seguir.

Na divisão Challenge a vitória ficou com o #145, de Carlos Renaux e Luiz Razia. O #199 veio em segundo, à frente do #555. Em quarto apareceu o #777, de Sergio Ramalho e Josimar Junior, vencedores na Sport. E completou o pódio geral o #002, de Yuri Alves e Junior Dinardi, vencendo na Rookie.

O que disseram os pilotos após a corrida:

“Essa é em homenagem ao meu pai, que disse que é pé quente. Muito obrigado!”

Alceu Feldmann

“Disse antes da largada que a temperatura poderia nos ajudar um pouco e foi o que aconteceu. A corrida foi muito disputada e vamos motivados para o campeonato”

Gui Salas

“Nada melhor. Estou com o Nicolas e saímos de 11º para terceiro, com a vice-liderança do campeonato. Foi uma corrida fenomenal e ainda consegui competir no virtual, com chances de classificar ao Mundial do ano que vem”

Jeff Giassi

“Foi um corridão. A gente estava bem perdido nos treinos, bem para trás: chegamos a ser antepenúltimo, que é incomum pra nós. No quali conseguimos da um passinho para frente. Na corrida avançamos mais ainda”

Nicolas Costa

“Grande corrida, estou muito feliz. P4 na geral e ganhamos na Sport. Fazia dois anos e pouco que eu não ganhava, e o Cesar é um irmão e fico feliz em ganhar com ele. Aprendi com os melhores.”

Georgios Frangulis

“Queria muito, muito ganhar com o Gil. A primeira vez que ele andou num carro de corrida eu estava lá e por dois anos corremos em times opostos. Ele merece demais, porque nesta corrida os profissionais acabam com performances sempre muito parecidas e quem faz a diferença são os competidores titulares da Cup. Estou muito feliz”

Cesar Ramos

“Em Termas andamos bem e tivemos um probleminha no fim. Aqui deu tudo certo comigo e com o Razia. Valeu pela vitória e nossos patrocinadores estão contentes também”

Carlos Renaux

“Termas saímos logo no começo quando estávamos em segundo lugar. Aqui a meta era terminar a corrida e trabalhamos na estratégia. Estávamos no meio do grid no início e o ritmo era muito bom. Fico feliz com a vitória, que lava a alma depois da Argentina”

Luiz Razia

“Estou feliz pelo resultado e pela pontuação no campeonato. Vamos com mais conforto ainda para Interlagos disputar o título, mas a gente vem aqui é pra ganhar né. Ficamos alguns segundos atrás dos vencedores, margem construída até pelo regulamento que determina uma vantagem de 9s para eles nos pits. A gente não conseguiu descontar esses 9s na pista. É claro que estou feliz e vamos motivados para Interlagos.”

Nelson Marcondes

“A gente tem que comemorar este segundo lugar como uma vitória, tivemos um problema de vazamento de óleo na pinça traseira. Cheguei na parada sem freio e o pessoal da Porsche conseguiu arrumar, foram perfeitos. É um campeonato curto e vamos para Interlagos com o pensamento de fugir dos acidentes, chegar intacto e com os dois segundos lugares nos segmentos vamos confiantes para Interlagos.”

Renan Guerra

“Saiu tudo como planejado. Consegui cumprir meu papel da melhor forma possível e o Adroaldo também superou as expectativas no fim de semana como um todo. Quinto na geral e ganhamos na categoria”

Enzo Elias

“Enzo é um baita professor, o melhor que tem e está mostrando isso. Esse resultado é mérito total dele, que me entregou o carro em primeiro lugar. Em Termas tive dificuldade porque não cheguei a tempo dos treinos, mas aqui deu tudo certo. Agora vou para o Mundial de Rally na Espanha e depois tem o FIA Motorsport Games. Quero levar o Enzo para o offroad também, onde ele vai poder mostrar todo seu talento”

Adroaldo Weisheimer

“Foi tudo dando certo no fim de semana, no quali já achamos o acerto e na corrida entreguei o carro na primeira posição e o Yuri deu sequência.”

Junior Dinardi

“Tivemos um problema de suspensão logo no meu primeiro stint e atrapalhou bastante. Mas conseguimos manter um bom ritmo, o Juninho pegou o carro e também teve um ótimo ritmo e deu tudo certo.”

Yuri Alves

“Semana passada na Sprint consegui fazer a pole e a vitória. A gente veio preparado para o fim de semana, nosso objetivo é a classe Sport, mas também estávamos de olho na geral. Então saímos daqui muito feliz e satisfeitos nessa bela pista.”

Josimar Junior

“Ficamos bem felizes com o resultado na Sport, segunda corrida e segunda vitória. Tivemos alguns percalços, queríamos brigar na geral, mas algumas coisas não deram certo. Mas nos divertimos muito e vamos para Interlagos brigar pela terceira vitória.”

Sergio Ramalho

Porsche C6 Bank Mastercard Endurance Challenge – Goiânia – Etapa 2:

  1. #1 Alceu Feldmann e Guilherme Salas 2h11:59.195
  2. #7 Miguel Paludo e Dennis Dirani +2.860
  3. #99 Jeff Giassi e Nicolas Costa +16.182
  4. #88 Georgios Frangulis e Cesar Ramos* +19.030
  5. #73 Adroaldo Weisheimer e Enzo Elias** +23.661
  6. #29 Rodrigo Mello e Nelson Piquet Jr +28.635
  7. #77 Francisco Horta e William Freire* +31.847
  8. #8 Werner Neugebauer e Ricardo Zonta +33.857
  9. #87 Nelson Monteiro e Alan Hellmeister** +34.708
  10. #888 Lineu Pires e Beto Gresse** +40.990
  11. #80 Rouman Ziemkiewicz e Gabriel Casagrande* +47.853
  12. #85 Eduardo Menossi e Pedro Boesel* +49.569
  13. #9 Edu Guedes e Renan Pizii** +1:09.389
  14. #25 Paulo Sousa e Galid Osman** +1:22.133
  15. #44 Gustavo Farah e Sebastian Moreno** -1 volta
  16. #121 João Barbosa e João Gonçalves** -1 volta
  17. #33 Bruno Campos e Giuliano Losacco** -1 volta
  18. #26 Christian Hahn e Diego Nunes +0.032 -2 voltas
  19. #145 Carlos Renaux e Luiz Razia -2 voltas
  20. #199 Nelson Marcondes e Renan Guerra -2 voltas
  21. #555 Ayman Darwich e Sergio Jimenez -2 voltas
  22. #777 Josimar Junior e Sergio Ramalho* - 2 voltas
  23. #002 Junior Dinardi e Yuri Alves** -3 voltas
  24. #116 Marcelo Hahn e Allam Khodair* -4 voltas
  25. #70 Lucas Salles e Rafael Suzuki* -4 voltas
  26. #14 Andre Gaidzinski e Artur Ramos**-4 voltas
  27. #3 Franco Giaffone e Rubens Barrichello* -5 voltas
  28. #17 Leonardo Sanchez e Átila Abreu** -9 voltas
  29. #66 Sadak Leite e Fabio Carbone** -10 voltas
  30. #74 Piero Cifali e André Bragantini Jr**-79 voltas

DQ#34 Ricardo Fontanari e Matheus Iorio*Sport**RookieEm itálico, divisão Challenge

Campeonatos

Carrera Cup

1. #1 Alceu Feldmann, 122 pontos#1 Guilherme Salas, 1223. #99 Jeff Giassi, 95#99 Nicolas Costa, 955. #8 Ricardo Zonta, 93#8 Werner Neugebauer, 937. #29 Nelson Piquet Jr., 86#29 Rodrigo Mello, 869. #73 Adroaldo Weisheimer, 74#73 Enzo Elias, 7411. #26 Christian Hahn, 70#26 Diego Nunes, 7013. #87 Alan Hellmeister, 65#87 Nelson Monteiro, 6515. #888 Beto Gresse, 62#888 Lineu Pires, 6217. #7 Dennis Dirani, 56#7 Miguel Paludo, 5619. #80 Gabriel Casagrande, 55#80 Rouman Ziemkiewicz, 5521. #88 Cesar Ramos, 54#88 Georgios Frangulis, 5423. #77 Francisco Horta, 49#77 William Freire, 4925. #70 Lucas Salles, 40#70 Rafael Suzuki, 4027. #16 Renan Pizii, 3628. #3 Franco Giaffone, 33#3 Rubens Barrichello, 3330. #25 Galid Osman, 32#25 Paulo Sousa, 3232. #116 Allam Khodair, 30#116 Marcelo Hahn, 3034. #9 Edu Guedes, 2735. #85 Eduardo Menossi, 25#85 Pedro Boesel, 2537. #44 Gustavo Farah, 24#44 Sebastian Moreno, 2439. #17 Átila Abreu, 23#17 Leonardo Sanchez, 2341. #33 Bruno Campos, 18#33 Giuliano Losacco, 1843. #121 João Barbosa, 17#121 João Gonçalves, 1745. #16 Danilo Dirani, 1646. #9 Carlos Ambrósio, 747. #5 Ricardo Maurício, 0#5 Sylvio de Barros, 0

Carrera Sport1. #80 Rouman Ziemkiewicz, 117 pontos#80 Gabriel Casagrande, 1173. #77 Francisco Horta, 105#77 William Freire, 105#88 Georgios Frangulis, 105#88 Cesar Ramos, 1057. #70 Lucas Salles, 104#70 Rafael Suzuki, 1049. #116 Marcelo Hahn, 95#116 Allam Khodair, 9511. #3 Franco Giaffone, 89#3 Rubens Barrichello, 89#85 Eduardo Menossi, 89#85 Pedro Boesel, 89

Carrera Rookie1. #87 Nelson Monteiro, 124#87 Alan Hellmeister, 1243. #73 Adroaldo Weisheimer, 119#73 Enzo Elias, 1195. #888 Lineu Pires, 115#888 Beto Gresse, 1157. #25 Paulo Sousa, 92#25 Galid Osman, 929. #9 Edu Guedes, 8210. #44 Gustavo Farah, 75#44 Sebastian Moreno, 7512. #17 Leonardo Sanchez, 73#17 Átila Abreu, 7314. #121 João Barbosa, 67#121 João Gonçalves, 6716. #33 Bruno Campos, 66#33 Giuliano Losacco, 6618. #9 Renan Pizii, 4819. #9 Carlos Ambrósio, 3420. #5 Sylvio de Barros, 10#5 Ricardo Mauricio, 10

Challenge1. #199 Nelson Marcondes, 127 pontos#199 Renan Guerra, 1273. #555 Ayman Darwich, 120#555 Sergio Jimenez, 1205. #777 Josimar Junior, 105#777 Sergio Ramalho, 1057. #66 Sadak Leite, 89#66 Fabio Carbone, 899. #2 Junior Dinardi, 79#2 Yuri Alves, 7911. #14 Andre Gaidzinski, 7612. #145 Carlos Renaux, 60#145 Luiz Razia, 6014. #83 Marco Billi, 45#83 Maurizio Billi, 4516. #14 Ramon Alcaraz, 38#14 Artur Ramos, 3818. #74 Piero Cifali, 35#74 André Bragantini Jr., 3520. #34 Ricardo Fontanari, 0#34 Matheus Iorio, 0

Challenge Sport1. #777 Josimar Junior, 131 pontos#777 Sergio Ramalho, 1313. #66 Sadak Leite, 115#66 Fabio Carbone, 1155. #2 Junior Dinardi, 103#2 Yuri Alves, 1037. #14 Andre Gaidzinski, 1018. #83 Marco Billi, 55#83 Maurizio Billi, 5510. #14 Artur Ramos, 5311. #14 Ramon Alcaraz, 4812. #74 Piero Cifali, 44#74 André Bragantini Jr., 44

Challenge Rookie1. #66 Sadak Leite, 124 pontos#66 Fabio Carbone, 1243. #83 Junior Dinardi, 115#14 Yuri Alves, 1155. #83 Andre Gaidzinski, 1116. #14 Marco Billi, 60#74 Maurizio Billi, 608. #14 Artur Ramos, 589. #74 Ramon Alcaraz, 5310. #2 Piero Cifali, 49#2 André Bragantini Jr., 49

Faça parte do Clube de Membros do Motorsport.com

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura durante nossos programas. Não perca!

Podcast: feitos da RBR podem ser 'manchados' por violação do teto de gastos?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior OAK Racing Team vence em Goiânia na Carrera Sport e termina os 300km de Goiânia no pódio geral
Próximo artigo Piquet e Mello conquistam o sexto lugar na etapa de Goiânia da Porsche Cup Endurance

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil