Ricardo Zonta vence a Corrida do Milhão com a Shell e assume a liderança isolada na Stock Car

compartilhar
comentários
Ricardo Zonta vence a Corrida do Milhão com a Shell e assume a liderança isolada na Stock Car

É a segunda vitória do paranaense na prova em Interlagos; piloto do carro #10 obtém segundo triunfo e terceiro pódio em quatro corridas em 2020

A Shell venceu neste domingo a Corrida do Milhão da Stock Car com Ricardo Zonta. Com a segunda vitória e o terceiro pódio em quatro provas no ano, o paranaense assumiu de forma isolada a liderança da classificação geral da categoria. É a segunda vitória de Zonta na Corrida do Milhão em Interlagos - a outra foi em 2013.

Átila Abreu também terminou entre os dez primeiros colocados, em oitavo, enquanto Galid Osman cruzou a linha de chegada em 15º lugar, logo à frente de Gaetano di Mauro.

Leia também:

O domingo começou com a classificação, e Zonta conseguiu a terceira colocação no grid, enquanto Átila foi o 11º colocado, duas posições à frente de Gaetano. Com problemas no Q1, Galid ficou na 23ª posição. Na votação do Fan Push, Zonta e Átila foram contemplados com um disparo extra do botão de ultrapassagem.

A largada foi limpa, e Zonta pulou para segundo, e Átila manteve o décimo lugar, com Gaetano em 14º, e Galid em 22º. Na segunda volta, o paranaense chegou a sair da pista na Descida do Lago mas segurou a segunda posição.

Nos primeiros dez minutos de corrida, quem cresceu foi Abreu, que subiu para o oitavo lugar. Di Mauro também começou a evoluir, para 12º. Na sequência, Átila continuou ganhando posições e subiu para sétimo. E Zonta volta a volta começou a encostar no líder César Ramos.

Na nona volta, a janela para pit stop foi aberta, e Zonta assumiu a liderança depois que seu concorrente entrou nos boxes. O piloto do carro #10 aproveitou para acionar o Fan Push e construir uma boa vantagem. A 21 minutos do fim, o paranaense fez o pit stop, e, após uma excelente operação nos boxes, Ricardo voltou à frente de seu rival direto.

Átila retardou sua parada nos boxes e também se deu bem, pois passou a ocupar o sexto lugar na volta à pista. Já Osman subiu para 17º, logo à frente de Gaetano. Quando todos fizeram o pit stop, Zonta recuperou a primeira colocação e passou a abrir vantagem sobre os adversários.

Nas voltas finais, o paranaense do carro #10 controlou a liderança e consolidou a segunda vitória na Corrida do Milhão. Átila cruzou a linha de chegada em oitavo, com Galid em 15º e Gaetano em 16º.

“Foi fantástico!", disse Zonta. "Na largada, eu já larguei bem, só que cometi um erro na segunda volta, lá na freada embaixo. Fui frear mais dentro, bloqueei as rodas, fui para fora. Totalmente erro meu, mesmo. O Polenta, meu engenheiro, estava falando no rádio, e eu me desconcentrei".

"Mas o carro era tão bom, que toda volta eu estava chegando um pouquinho no César, e sobrou botão de ultrapassagem. Agradeço aos fãs pelo Fan Push, o carro estava fantástico. Depois do pit, com sete segundos na liderança, foi só administrar".

Átila Abreu lamentou os problemas que o carro tinha ao longo do final de semana, que o impediu de ser mais competitivo e andar na frente.

“Melhoramos bem de Goiânia para cá, em vários aspectos, mas longe de ser um carro competitivo", disse. "O carro tem problemas, e na corrida, nos defendemos mais do que atacamos. Até classificamos melhor do que deveria, mas estamos longe do ritmo".

"É preciso fazer uma análise melhor para que possamos evoluir. Salvamos dois resultados, longe do que gostaríamos, mas continuamos pontuando, e é continuar trabalhando. Na hora que acender, é tentar recuperar essas diferenças. Vamos fazer a nossa parte".

Já Galid Osman afirmou que conseguiu levar o carro ao máximo que conseguia após um furo de pneu durante a classificação".

“Hoje foi muito difícil porque tive um furo de pneu no quali, então já larguei quase em último. Na corrida, deu para recuperar um pouco, mas na verdade estava muito difícil de guiar, o carro não estava o ideal. Não tinha muita margem para estratégia, então acabamos chegando no máximo que podíamos mesmo".

Após um bom resultado no sábado, Gaetano di Mauro não conseguiu repetir o resultado no domingo, afirmando que o acerto escolhido levou o carro à direção errada.

“A corrida foi uma decepção, já começou desde a classificação. Testamos um acerto diferente para essa corrida, imaginamos que iria funcionar, e até estava funcionando na chuva, mas andamos para o caminho errado. Depois do quali, você não pode mexer no carro, então tínhamos um carro ruim no quali, e tivemos um carro ruim na corrida. Não tivemos o que fazer".

"Era mais entregar o carro no fim da prova sem quebrar nada e salvar algum ponto se possível. Foi o que tentamos fazer, mas foi decepcionante, ainda mais numa pista que gosto muito, temos um histórico muito bom aqui. Vamos para a próxima e ver o que podemos evoluir".

Confira a classificação da Stock Car depois da Corrida do Milhão:

1º R.Zonta - 82 pontos
2º C.Ramos - 78
3º R.Barrichello - 71
4º R.Maurício - 64
5º N.Piquet - 50

VÍDEO: Veja a verdade sobre o início da treta de Nelson Piquet e imprensa

PODCAST: O que resta para Massa no automobilismo após sair se sua equipe na F-E?

 

César Ramos celebra resultados na Stock e elogia performance de Zonta: "Nesse final de semana ele foi superior"

Artigo anterior

César Ramos celebra resultados na Stock e elogia performance de Zonta: "Nesse final de semana ele foi superior"

Próximo artigo

TABELA: Zonta é líder isolado da Stock após vitória no Milhão, seguido de perto por Ramos e Barrichello

TABELA: Zonta é líder isolado da Stock após vitória no Milhão, seguido de perto por Ramos e Barrichello
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Stock Car Brasil