Audi confirma rumores e anuncia saída do WEC no fim de 2016

Por foco na Fórmula E, montadora alemã terminará seu programa de protótipos no WEC e nas 24 Horas de Le Mans

Audi confirma rumores e anuncia saída do WEC no fim de 2016
#8 Audi Sport Team Joest Audi R18 e-tron quattro: Lucas di Grassi, Loic Duval, Oliver Jarvis
#2 Audi Sport Team Joest Audi R18 E-Tron Quattro: Marcel Fässler, Andre Lotterer, Benoit Tréluyer
#7 Audi Sport Team Joest Audi R18: Marcel Fassler, Andre Lotterer, Benoit Tréluyer, #8 Audi Sport Team Joest Audi R18 e-tron quattro: Lucas di Grassi, Loic Duval, Oliver Jarvis
Daniel Abt, ABT Schaeffler Audi Sport
Timo Scheider, Audi Sport Team Phoenix, Audi RS 5 DTM
#7 Audi Sport Team Joest Audi R18: Marcel Fässler, Andre Lotterer, Benoit Tréluyer
#7 Audi Sport Team Joest Audi R18: Marcel Fässler, Andre Lotterer, Benoit Tréluyer
#8 Audi Sport Team Joest Audi R18 e-tron quattro: Lucas di Grassi, Loic Duval, Oliver Jarvis
Lucas di Grassi, ABT Schaeffler Audi Sport
#8 Audi Sport Team Joest Audi R18 e-tron quattro: Lucas di Grassi, Loic Duval, Oliver Jarvis
#8 Audi Sport Team Joest Audi R18 e-tron quattro: Lucas di Grassi, Loic Duval, Oliver Jarvis
#8 Audi Sport Team Joest Audi R18 e-tron quattro: Lucas di Grassi, Loic Duval, Oliver Jarvis
#8 Audi Sport Team Joest Audi R18 e-tron quattro: Lucas di Grassi, Loic Duval, Oliver Jarvis
Carregar reprodutor de áudio

Em comunicado divulgado nesta quarta-feira (26), a Audi disse que não irá mais estar no WEC a partir do ano que vem. A montadora alemã promete mudar o seu foco no automobilismo para o campeonato da Fórmula E – onde é parceira da equipa Abt Schaeffler – e continuará mantendo seu programa no DTM.

Uma decisão sobre o programa do Mundial de Rallycross ainda precisa ser feita. A Audi sugere que poderá trabalhar apoiando a equipe EKS correndo com seu piloto do DTM Mattias Ekstrom.

Presidente do Conselho de Administração da montadora, Rupert Stadler disse: "nós vamos participar da corrida para o futuro com energia elétrica”.

"Como os nossos carros de produção estão se tornando cada vez mais elétricos, nossos carros de corrida, como auge tecnológico da Audi, têm de ser ainda mais."

Rumores de saída se tornaram realidade

Relatos surgiram na última etapa do WEC, no Japão, de que a Audi estava considerando terminar sua participação de 18 anos na primeira divisão dos protótipos na corrida. A equipe citava o custo de competir e a relevância decrescente da tecnologia diesel para seus carros de rua.

No entanto, esperava-se que a marca de Ingolstadt pelo menos continuasse até o fim do ciclo de regras atual e saísse no final de 2017, depois que as mudanças no regulamento tornassem o R18 e-tron quattro movido a diesel da Audi menos competitivo em relação aos seus rivais que utilizam motor a gasolina.

"Depois de 18 anos nas corridas de protótipo – onde fomos excepcionalmente bem-sucedidos – é obviamente extremamente difícil para a Audi sair", disse o chefe de esporte a motor da marca, Dr. Wolfgang Ullrich, que supervisionou as 13 vitórias da Audi em Le Mans.

"A Audi Sport Team Joest moldou o WEC durante este período como nenhuma outra equipe.”

"Eu gostaria de expressar os meus agradecimentos ao nosso plantel. Agradeço a Reinhold Joest, sua equipe, os pilotos, parceiros e patrocinadores por esta cooperação extremamente bem-sucedida."

A notícia deixa a Porsche e a Toyota como as únicas montadoras na LMP1 para a temporada de 2017.

Fim de uma era

A Audi entrou nas corridas de protótipo em 1999 com o R8R e o R8C, antes de dominar a categoria com o R8 a partir de 2000. A fábrica venceu as 24 Horas de Le Mans três anos seguidos.

Eles retomaram sua série de vitórias depois que a marca irmã Bentley venceu a corrida de 2003. A Audi também se tornou a primeira montadora a vencer com um carro a diesel em La Sarthe em 2006, com o R10 TDI.

Depois de mais três vitórias, a Peugeot quebrou a sequência do grupo VW e ganhou com o seu próprio carro a diesel em 2009. Mas a Audi retomou as vitórias de 2010 a 2014 com o R15 e o R18. A partir de 2012 os carros se tornaram híbridos.

No entanto, a Audi continua sem vitórias em Le Mans desde 2014. A Porsche venceu as últimas duas edições da clássica corrida francesa e a Audi foi derrotada pelo campeonato no WEC nos últimos dois anos.

O carro #8 de Lucas di Grassi, Oliver Jarvis e Loic Duval está em terceiro no campeonato deste ano a 28,5 pontos dos líderes, no carro #2 da Porsche. Restam apenas duas corridas para o fim da temporada, em Xangai e no Bahrein.

compartilhar
comentários
Porsche busca "desempenho" em substituto de Webber
Artigo anterior

Porsche busca "desempenho" em substituto de Webber

Próximo artigo

Piloto da Audi no WEC, di Grassi agradece por oportunidade

Piloto da Audi no WEC, di Grassi agradece por oportunidade