Chefe: Novo carro da Ferrari tem soluções “extremas”

compartilhar
comentários
Chefe: Novo carro da Ferrari tem soluções “extremas”
Por:

Mattia Binotto elogia equipe de Maranello por fazer traseira do SF90 com mínimo espaço possível

O chefe da Ferrari, Mattia Binotto, disse que a equipe tentou ser o mais "radical" possível com seu novo carro para 2019, o SF90.

Ele cita o airbox extremamente estreito e o espaço mínimo da carenagem na traseira do carro, ajudada em particular pelo plano da Ferrari de operar um sistema exclusivo de escapamento duplo.

"Em 2018 conseguimos boas conquistas, e este carro é um desenvolvimento do carro do ano passado", disse Binotto no lançamento da Ferrari em Maranello, nesta sexta-feira.

“Não é uma revolução. Nós simplesmente tentamos dar o máximo novamente para subir o sarrafo, subir o nível e tentar ser o mais extremo que podemos. Há algumas mudanças que são simples, como a asa dianteira que é para satisfazer os regulamentos técnicos que mudaram desde o último ano.”

“Mas se você olhar em todos os detalhes, certamente nós tentamos nos esforçar muito, sendo inovadores. O santantônio é muito estreito e muito fino.”

“E se você olhar para a carenagem na parte de trás, está muito compacta, e isso é graças a todo o trabalho, que você não pode ver porque está embaixo, em termos de instalação do motor e montagem dos sistemas de energia.”

"Muito esforço foi feito e acho que a forma final é o resultado de todo esse esforço. Nós gostamos".

Binotto assumiu o lugar do ex-chefe de equipe da Ferrari Maurizio Arrivabene durante o inverno, e os chefes seniores da Ferrari acreditam que ele é o homem certo para levar a equipe a seu primeiro título desde 2008, quando venceu o campeonato de construtores.

O CEO da Ferrari, Louis Camilleri, disse: “começamos um novo e empolgante capítulo em nossa história, liderados por Mattia Binotto”.

“Mattia está na Ferrari há cerca de 25 anos. Sua carreira estelar durante esse período é uma clara prova de suas excepcionais habilidades e habilidades de liderança.

“Ele conhece a escuderia de dentro para fora. Ele é muito importante para a equipe, decisivo, talentoso e determinado a fazer uma enorme diferença em todos os níveis."

"Tenho toda a confiança de que ele levará a Scuderia a alturas cada vez maiores."

Sainz: “boa surpresa” da Renault pode impulsionar McLaren

Artigo anterior

Sainz: “boa surpresa” da Renault pode impulsionar McLaren

Próximo artigo

Giovinazzi buscou no aeroporto peças para estreia da Alfa

Giovinazzi buscou no aeroporto peças para estreia da Alfa
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento Lançamento Ferrari
Equipes Ferrari
Autor Jonathan Noble