Continuidade de treino eliminatório surpreende Webber

Ex-piloto da Red Bull e atualmente comentarista na TV britânica, australiano quer retorno de antigo formato

Continuidade de treino eliminatório surpreende Webber
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing and Mark Webber, Porsche Team WEC Driver and Channel 4 Presenter
#1 Porsche Team Porsche 919 Hybrid: Timo Bernhard, Mark Webber, Brendon Hartley
Podium: winner Nico Rosberg, Mercedes AMG F1 Team, second place Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 Team, third place Sebastian Vettel, Ferrari with Mark Webber, Porsche Team WEC Driver and Channel 4 Presenter
#1 Porsche Team Porsche 919 Hybrid: Timo Bernhard, Mark Webber, Brendon Hartley
Mark Webber, Porsche Team WEC Driver and Sebastian Vettel, Ferrari
Mark Webber, WEC Porsche Team, em Monaco
Carregar reprodutor de áudio

Depois de um fim de treino decepcionante na Austrália, a Fórmula 1 se prontificou para tentar cancelar o novo treino classificatório já para a segunda etapa do ano. No entanto, sem unanimidade, ficou decidido que o formato permanece pelo menos no GP do Bahrein deste final de semana.

Para o ex-piloto da categoria Mark Webber, dono de nove vitórias, o fato de os times não entrarem em consenso sobre a nova classificação foi surpreendente.

"Para mim é um choque. Pensei que estávamos deixando Melbourne dispostos a voltar ao antigo sistema que estava dando muito certo", disse Webber.

"Mas este não é o caso, e estamos de volta ao cenário que estávamos em Melbourne, que mesmo em seus melhores momentos vai ter problemas para igualar o que tínhamos.”

No entanto, mesmo querendo a volta do velho formato de Q1, Q2 e Q3, Webber fez uma ressalva. Para os pilotos o melhor treino era o de uma hora, extinto na temporada de 2003. Porém, ele entende que para a TV não era o formato mais atraente.

“O melhor formato nem sempre é o que se adapta aos pilotos, é aquele que atende aos detentores dos direitos comerciais. Para mim, o melhor era o que eu tinha com quatro jogos de pneus e uma sessão de classificação de uma hora. E, claro, esses conjuntos de pneus não eram usados nas corridas.”

"Muitas coisas mudaram desde então. E ainda temos de continuar explicando o esporte. Você tem que dizer que a sessão de classificação influi na corrida.”

"E esse era o problema em Melbourne. As pessoas não conseguiam responder se não havia pneus suficientes ou tempo suficiente para ir para a pista.”

compartilhar
comentários
Button acredita que McLaren está mais forte do que aparenta
Artigo anterior

Button acredita que McLaren está mais forte do que aparenta

Próximo artigo

Alonso não corre no Bahrein; Vandoorne é substituto

Alonso não corre no Bahrein; Vandoorne é substituto
Carregar comentários